segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

STJ decreta sigilo de grampo feito contra advogado de Naji Nahas na Operação Satiagraha

A 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça garantiu ao advogado Sérgio Tostes o sigilo das transcrições e áudios gravados dos 75 dias de interceptação telefônica feita contra o advogado, que defende o investidor Naji Nahas. As gravações foram autorizadas pelo controvertido juiz Fausto De Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, no âmbito da Operação Satiagraha, da Polícia Federal. Naji Nahas chegou a ser preso durante a operação, que investiga crimes financeiros, mas foi solto depois. A defesa de Tostes entrou com um habeas corpus alegando constrangimento ilegal. Segundo o advogado, a interceptação foi ilegal. Ao votar, o ministro Arnaldo Esteves Lima, relator do caso, afirmou que é preciso garantir o sigilo das escutas contra Tostes por causa do livre exercício da profissão de advogado. O ministro já havia dado em novembro uma liminar em favor dele nesta ação.

Gilmar Mendes cobra sentença de presos provisórios para zerar cárceres em delegacias

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, afirmou nesta segunda-feira que a quantidade de presos provisórios, que atualmente chega a 44% do total da população carcerária do País (cerca de 470 mil), deve ser reduzida com a busca de uma sentença definitiva. Segundo ele, o Judiciário tem como meta zerar cárceres em todas as delegacias do Brasil. "Temos como meta zero preso em delegacia. Acho que é uma meta ousada e vamos trabalhar para isso. No no Rio de Janeiro já estamos com a parceria do Tribunal de Justiça e do governo do Estado. Vamos fazer agora uma avaliação em São Paulo e uma reunião nacional para estabelecer novas metas", disse Gilmar Mendes. Conforme ele, há cerca de 50 mil presos provisórios em delegacias no País. Ele disse acreditar que em dois ou três anos o quadro de cárceres em delegacias comece a desaparecer. "Estamos conversando com os Estados maiores, São Paulo, Bahia, para que de fato haja essa mudança. Vamos ter que trabalhar bastante para que haja a construção de espaços e de carceragens adequadas de custódias para a liberação desse espaço nas delegacias", afirmou.

Lula encaminha ao Senado pedido de urgência para votação do pré-sal

Na tentativa de garantir a aprovação do marco regulatório do pré-sal no primeiro semestre, o presidente Lula encaminhou ao Senado Federal pedido de urgência para a tramitação dos projetos que tratam da exploração da camada de petróleo descoberta na costa brasileira. Com o pedido de urgência, os senadores terão 45 dias para analisar as propostas. Atualmente, apenas o projeto que trata da criação da Petro-Sal foi aprovado pela Câmara. Outros três projetos sobre o tema ainda precisam ser analisados pelos deputados. A expectativa é que eles sejam votados após o carnaval. Conforme o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, o governo tentará negociar com os líderes da oposição no Senado a aprovação dos projetos. A idéia é quebrar resistências e evitar que os projetos sejam discutidos com tom eleitoral.

Soninha posa nua e diz não temer críticas

Pela primeira vez, Soninha Francine, de 42 anos, posou nua para um calendário que será lançado no dia 28 de fevereiro pela ONG CicloBR, que promove o uso de bicicletas. O objetivo do trabalho é levantar fundos e divulgar o movimento. Para a subprefeita do bairro da Lapa, na capital paulistana, e pré-candidata do PPS ao governo do Estado de São Paulo, posar para uma foto é mais complicado do que ficar sem roupas em público. "Eu nunca me senti muito à vontade. Às vezes, queria ganhar dinheiro como modelo, mas sempre fui um fiasco, eu não tenho o domínio da arte e do ofício de posar artisticamente", disse Soninha. Na foto para o calendário, Soninha aparece sentada ao lado de uma bicicleta. "Eu queria estar mais bonita. Tem dia que a gente acorda, olha no espelho e fala 'estou bem'. Naquele dia eu não estava me sentindo especialmente bonita. Mas, tudo bem, não foi nenhum drama, não foi nada tão difícil", conta a subprefeita. Soninha afirma que o trabalho feito para o calendário vai gerar comentários positivos e negativos. Segundo ela, há quem vai elogiar assim como os que irão criticar. Com o nome de "Como Nus Sentimos", o lançamento do trabalho será feito durante um evento da ONG no Parque das Bicicletas. O preço calendário ficará entre R$ 40,00 e R$ 50,00. Soninha, jornalista -atualmente trabalha como comentarista de futebol no canal por assinatura ESPN.

Governador do Rio de Janeiro admite dificuldade para controlar criminalidade no complexo do Alemão

Um dia após o assassinato de três operários de uma empreiteira, o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), admitiu nesta segunda-feira que há dificuldade em enfrentar a criminalidade no complexo do Alemão, na zona norte da cidade, devido à quantidade de favelas no local. No domingo, quatro trabalhadores foram baleados por um grupo no morro da Fazendinha, uma das favelas do Alemão, ao serem confundidos com outros criminosos. Três deles morreram na hora e um sobreviveu. "São mais de 12 comunidades na região. O Alemão é uma verdadeira cidade com vários bairros e infelizmente o que nós temos é ainda a presença do tráfico de drogas", disse o governador. Sérgio Cabral afirmou que tem planos de implantar uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) no complexo do Alemão e em Manguinhos (zona norte). Mas, não estipulou um prazo para o cumprimento da ocupação policial. "Nós vamos chegar com a UPP ao Alemão. Não posso dizer se será ainda este ano ou no ano que vem por conta de decisões que devem ser tomadas com o secretário de Segurança, em função do contingente. Tem uma estratégia, a ação do conflito e do enfrentamento se dá com a tropa de elite, mas a ação permanente se dá com novos policiais. Isso tem que ser combinado com a formação do contingente desses policiais, além de uma avaliação do número de comunidades do complexo do Alemão", disse Sérgio Cabral.

Irã anuncia produção de baterias antiaéreas e aviões não tripulados

O Irã anunciou nesta segunda-feira que vai começar a produzir em breve baterias antiaéreas semelhantes ao modelo russo S-300 e duas linhas de aviões não tripulados. A produção aumentaria a capacidade militar de Teerã, que nega ter intenções militares com seu programa nuclear (obviamente, está tentando produzir a bomba atômica). O subcomandante chefe do quartel-general de defesa aérea, Heshmatollah Kasiri, disse que seu país é "autossuficiente" em matéria de defesa antiaérea. Segundo Kasiri, a produção foi iniciada após demora da Rússia em entregar as baterias antiaéreas S-300 compradas pelo Irã. "Hoje em dia produzimos todo o equipamento necessário para a defesa antiaérea e não necessitamos de país algum. Decidimos importar da Rússia apenas o sistema S-300, que não nos foi entregue ainda por razões inaceitáveis", afirmou ele. "Mas encontramos a solução e nossos cientistas da indústria de defesa antiaérea iniciarão em um futuro próximo a produção de um sistema parecido ao S-300, ou ainda mais potente", acrescentou. O general Kasiri anunciou também que o Irã já atingiu a autossuficiência na produção de mísseis do modelo Hawk e de diferentes tipos de radares.

Lula fará mudança pacífica no Ministério da Justiça

O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, disse nesta segunda-feira que o presidente Lula vai conversar com o secretário-executivo do Ministério da Justiça, Luiz Paulo Barreto, sobre a transição da Pasta após a saída do peremptório ministro Tarso Genro, que participou nesta segunda-feira de sua última reunião na coordenação política do governo. Ele deixa o cargo nesta quarta-feira para se dedicar à disputa ao governo do Rio Grande do Sul pelo PT. "O presidente disse que vai chamar o secretário-executivo do Ministério da Justiça para combinar esse processo de transição. Não se falou em data e nem se falou em posse nesse momento", disse Padilha.

Lula diz que reeleição de Temer no comando do PMDB reforça candidatura da petista Dilma Rousseff

O presidente Lula afirmou nesta segunda-feira aos ministros da coordenação política que a reeleição do deputado federal Michel Temer (SP) à presidência do PMDB foi "positiva" para fortalecer a participação do partido no governo e para reforçar a candidatura da petista Rousseff à sucessão presidencial. Segundo o ministro Alexandre Padilha, das Relações Institucionais, Lula deve dar os parabéns nos próximos dias a Michel Temer. "O único comentário que fez foi que achava muito positiva a recondução do presidente Temer, na medida que isso reforça a participação do PMDB no governo, o compromisso do conjunto do PMDB com o governo do presidente Lula e reforça a tese de participação na aliança de apoio à pré-candidata a ministra Dilma", disse o ministro.

Importações caem e balança de derivados de petróleo fecha positiva em 2009

A balança comercial de produtos derivados do petróleo apresentou em 2009 reversão do prejuízo observado no ano anterior. De acordo com dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Derivados), houve saldo de US$ 227 milhões no ano passado, ante um prejuízo de US$ 1,3 bilhão em 2008, causado principalmente pela queda nas importações. Essa redução nas importações foi influenciada pelo menor volume de óleo diesel comprado do Exterior, com queda de 39,7% em 2009, devido à menor demanda interna pela crise, e o maior tempo em que as usinas termelétricas ficaram desligadas. Os gastos com a importação de óleo diesel tiveram retração de 67,5%. Ao longo de 2009, o País gastou US$ 5,5 bilhões com as importações de petróleo e derivados. Isso significa uma retração de 50,1% em relação aos US$ 11,1 bilhões despendidos em 2008. Foram comprados 274 mil barris diários de petróleo e derivados no ano passado, ante 308 mil barris/dia em 2008. Já a receita com exportações foi de US$ 5,9 bilhões, queda de 39,2% frente aos US$ 9,8 bilhões observados em 2008. Foram enviados ao Exterior, em média, 261 mil barris de petróleo e derivados por dia. Em 2008, essas exportações foram de 275 mil barris de barris/dia.

Gilmar Mendes defende Judiciário e diz que idéia de morosidade não pode ser generalizada

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, rebateu nesta segunda-feira a declaração do presidente da OAB, Ophir Cavalcante, de que a lentidão na análise dos processos do Judiciário é "real e palpável". "Estamos cobrando produtividade em todos os âmbitos. Não podemos generalizar a idéia de que a morosidade é um mal de todo o Judiciário. Nós temos mais de 50% do Judiciário que cumpriu a meta 2, dos processos até 2005, talvez um número que chegue a 70% ou 80% dos tribunais que estão a 100 ou 500 processos de cumprir a meta 2", disse Gilmar Mendes. O ministro disse ainda que o Conselho Nacional de Justiça está à frente do processo, exigindo mais do que o cumprimento de uma jornada de trabalho. "Nós estamos mudando esse quadro, não tem ninguém em condições de nos dar lição, porque o Conselho Nacional de Justiça está à frente desse processo, indo aos locais e fazendo as inspeções. Nós estamos realmente exigindo mais do que o cumprimento de uma jornada. Estamos exigindo que os juízes estejam, de fato, efetivos, que sejam produtivos". Gilmar Mendes destacou que foram detectados problemas estruturais em todo o Brasil no Poder Judiciário: "Há excesso de servidores em comissão, há falta de servidores efetivos e falta de profissionalização no quadro de servidores".

Néstor Kirchner deve ter alta do hospital em até 72 horas

O ex-presidente argentino Néstor Kirchner (2003-2007) teve uma boa recuperação da cirurgia de emergência na carótida a qual foi submetido na noite de domingo e deve ter alta entre 48 horas e 72 horas, informou o médico que conduziu a operação, Víctor Caramutti. "A recuperação de Kirchner é evidente e, em 48 ou 72 horas, o paciente receberá alta", disse Caramutti. Ele explicou que a operação foi realizada para evitar um acidente vascular cerebral. "Nós nos adiantamos, tentamos resolver o problema", explicou. "Kirchner tinha uma placa ulcerada sobre a carótida direita e essa foi a necessidade da intervenção cirúrgica e isso motivou a urgência. Ele é muito comedido, muito disciplinado mas, evidentemente, o estresse foi um fator significativo", afirmou o médico. Kirchner, de 59 anos, atualmente deputado e chefe do peronismo, sentiu falta de sensibilidade no braço e perna esquerdos na manhã de domingo. Depois de ser examinado por seu médico pessoal, decidiu se submeter à operação numa clínica particular de Buenos Aires.

Al Qaeda no Iêmen convoca guerra santa contra cristãos, judeus e Estados Unidos

O braço da rede terrorista Al Qaeda no Iêmen pediu aos muçulmanos na península Arábica para travarem a jihad, ou guerra santa, contra os cristãos e judeus na região, e atacarem os interesses norte-americanos em todo lugar, em uma gravação publicada na Internet nesta segunda-feira. "Vocês não têm outro caminho nesta situação a não ser a jihad", disse o número dois do grupo no país, Saeed al Shehri, um ex-detento na prisão norte-americana de Guantánamo, em uma gravação de áudio divulgada em um site islâmico frequentemente usado por grupos extremistas. As atividades dos extremistas no Iêmen chamaram a atenção mundial depois que a rede Al Qaeda no país reivindicou responsabilidade pela tentativa fracassada de explodir o voo 253 da Northwest Flight nos Estados Unidos no dia de Natal de 2009.

Governo Lula cancela 710 mil benefícios do Bolsa Família por falta de atualização cadastral

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome cancelou neste mês o pagamento do Bolsa Família a 709.904 beneficiários que não atualizaram os seus dados cadastrais até 31 de outubro do ano passado. A atualização cadastral foi introduzida pelo Decreto nº 6.392, de 12 de março de 2008, e deve ser feita a cada dois anos. No ano passado, 3,4 milhões de famílias precisavam renovar as informações no Cadastro Único, base de dados dos programas sociais do governo federal. Com o trabalho realizado até 31 de outubro, restaram 975.601 domicílios, que tiveram os benefícios bloqueados em novembro. O bloqueio significa que, embora o recurso do Bolsa Família seja depositado na conta do beneficiário, só pode ser retirado assim que for cumprida a contrapartida da família, neste caso, a atualização dos dados cadastrais. Após o bloqueio dos benefícios, mais 265 mil famílias procuraram as prefeituras para atualizar os dados. Outros 709.904 não o fizeram e tiveram o benefício cancelado. O programa atende a 12,4 milhões de famílias no País.

Empresários mexicanos temem negociação comercial com Brasil

México e Brasil, as duas maiores economias da América Latina, negociam um acordo comercial em meio à desconfiança dos empresários mexicanos, que dizem temer o protecionismo brasileiro. O pessimismo dos empresários mexicanos em relação ao pacto com o Brasil, cujas economias somam 70% do PIB e 50% da população da América Latina, contrasta com a postura do governo, que aposta na negociação para tornar a região mais competitiva. "Um acordo comercial com o Brasil seria muito importante para uma integração maior e mais regionalização, para poder competir mais efetivamente frente a outros países", declarou Beatriz Leycegui, vice-ministra do Comércio Exterior. Em um mundo cada vez mais regionalizado, no qual Ásia e Europa mantêm um intercâmbio comercial dentro da região de 75%, a América Latina fica relegada a exportações e importações internas de 20%. Em 2008 o comércio entre os dois gigantes econômicos da América Latina ficou em apenas a US$ 7,4 bilhões, com US$ 4,281 bilhões de exportações brasileiras. "A experiência que temos com o Brasil é que sempre encontramos barreiras não alfandegárias que dificultam a entrada de produtos mexicanos neste mercado", afirma Fernando Ruiz Huerta, diretor técnico do Conselho Empresarial Mexicano de Comércio Exterior. O México tem 12 acordos de livre comércio que envolvem 44 nações e há apenas uma década tentou abrir as portas brasileiras.

Balança comercial tem déficit de US$ 172 milhões na primeira semana de fevereiro

A balança comercial brasileira registrou déficit de US$ 172 milhões na primeira semana de fevereiro, com média diária de US$ 34,4 milhões. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento, o saldo negativo é resultado de exportações de US$ 2,92 bilhões e importações de US$ 3,1 bilhões no período de 1º a 7 de fevereiro. Com o resultado, 2010 acumula um déficit de US$ 338 milhões na conta comercial, resultado de US$ 14,57 bilhões importados e US$ 14,23 bilhões exportados.

Irã condena ex-vice-chanceler a seis anos de prisão

Uma corte iraniana condenou o ex-vice-chanceler reformista Mohsen Aminzadeh a seis anos de prisão por sua participação nos protestos da oposição que seguiram a fraudada reeleição do ditador fascista islâmico Mahmoud Ahmadinejad, em junho do ano passado. Aminzadeh foi um dos muitos nomes proeminentes entre os reformistas presos nos protestos da oposição que levaram Irã a uma crise política inédita em 30 anos e que expôs ao mundo as divisões no país. O advogado de Aminzadeh, Abbas Shiri, afirmou que o ex-vice-chanceler foi acusado de participar em aglomerações ilegais, planejar distúrbios à segurança do Irã e espalhar propaganda contra o sistema de governo islâmico em entrevistas à imprensa estrangeira. Milhares de pessoas que participaram do protesto receberam sentenças de prisão por acusações como ameaçar a segurança nacional. A maioria já foi libertada, mas mais de 80 receberam penas de até 15 anos de prisão. Outras duas pessoas foram executadas por crimes contra a hitlerista República Islâmica e nove aguardam apelação de sentenças de morte. Esse é o regime endeusado por Lula e pelo PT.

PT já disputa lugar na chapa de José Alencar em Minas Gerais

Apontado nos últimos dias como o candidato a governador que unificaria a base de sustentação do presidente Lula em Minas Gerais, o vice-presidente José Alencar (PRB) recebe na noite desta segunda-feira, em Belo Horizonte, o título de "militante honorário" do PT, mas já assiste a uma disputa de bastidores entre petistas pela cadeira de vice em uma eventual chapa. Escalado por Lula para tentar resolver o impasse entre os grupos do ministro Patrus Ananias (Desenvolvimento Social) e do ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel, em aberta concorrência pela candidatura ao governo do Estado, José Alencar afirmou a integrantes das duas alas que pode aceitar ser a "solução de consenso", mas fez uma ressalva e estabeleceu uma condição. A ressalva é se a sua saúde permitirá. Ele luta contra um câncer na região abdominal, que tem regredido, e disse que vai esperar a confirmação dos exames de março para se comprometer definitivamente. A condição, dita a aliados de Patrus e Pimentel, e a interlocutores em Brasília, é a de que só se lançaria em um palanque livre de divergências entre PMDB e PT e, principalmente, do constrangimento que uma disputa por sua vice causaria. Ou seja, dessa forma o PT, finalmente, encontra o seu esquema para patrolar o governador Aécio Neves na política mineira. Não adiantou de nada os anos de lambe-mão de Aécio Neves ao PT. Como ele não aprendeu as lições até agora, é quase certo que não aprenderá mais. É preciso ter tido um pouquinho de vivência na "esquerda" para saber qual é a patologia do comportamento dela, coisa que Aécio Neves não tem.

PCdoB oficializa apoio ao PT

Em encontro nacional, o PCdoB oficializou no domingo, em São Paulo, a intenção do partido em apoiar o PT na próxima eleição presidencial. O documento, que prega candidatura única no campo governista e sob o patrocínio do presidente Lula, não cita o nome da candidata petista Dilma Rousseff. Pelo cronograma do partido, a aliança com o PT só será formalmente anunciada em abril, em um segundo encontro partidário. Antes, o partido quer aguardar a definição oficial do PT. De acordo com o documento aprovado nesse fim de semana, o objetivo do PCdoB para 2010 será "lutar para garantir a vitória do empreendimento político das forças progressistas da nação, dando continuidade ao projeto político iniciado em 2002 com a vitória de Lula para presidente do Brasil". Ainda segundo o texto, o momento exige "ampla unidade de forças políticas e sociais em torno de uma candidatura e na elaboração programática que a sustente". O PCdoB é um satélite do PT. É talvez o último partido estalinista do planeta.

Cesta básica sobe em 10 das 17 capitais em janeiro

O valor da cesta básica subiu em 10 das 17 capitais pesquisadas pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, órgão auxiliar do PT) em janeiro, na comparação com o mês anterior, segundo dados divulgados nesta segunda-feira. A variação positiva ficou entre 4,61% e 0,79%. As maiores altas foram registradas em Goiânia (4,61%), Salvador (1,43%) e Florianópolis (1,10%). Já as principais retrações ocorreram em Belo Horizonte (-3,87%), Brasília (-3,49%) e São Paulo (-1,39%). Nas demais capitais os preços variaram entre 0,79%, em João Pessoa, e -0,86%, em Vitória. Na comparação entre janeiro e o mesmo mês de 2009, todas as 17 capitais tiveram diminuição no custo da cesta.

Sérgio Cabral trabalha para evitar apoio de Dilma Rousseff a Garotinho no Rio de Janeiro

A aproximação da candidata petista Dilma Rousseff com o ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho (PR), está causando grande irritação ao atual governador do Estado, Sérgio Cabral (PMDB). Durante o carnaval ele vai tentar negociar com presidente Lula apoio único a sua candidatura à reeleição no Estado. O encontro entre Dilma Rousseff e Garotinho, que deve concorrer à sucessão estadual pelo PR, aconteceu na semana passada no Rio de Janeiro e deixou o governador do Estado, fiel aliado do Palácio do Planalto, bastante irritado. Quase uma semana após a reunião, Sérgio Cabral ainda demonstra mau humor sobre o assunto. "Não quero comentar isso, não", afirmou Cabral após evento no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro nesta segunda-feira. Garotinho, duas vezes governador do Rio, já foi um crítico feroz do presidente Lula e, no passado, costumava atacar publicamente o presidente, época em que atuava como secretário de Segurança Pública na gestão de sua mulher, Rosinha Garotinho, que o sucedeu.

RCTV pedirá à OEA que garanta liberdade de imprensa na Venezuela

O diretor do canal venezuelano RCTV Internacional, Marcel Granier, pediu nesta segunda-feira a intervenção da OEA (Organização dos Estados Americanos) em favor de sua emissora, que foi tirada do ar por decisão do governo do ditador Hugo Chávez. "Vemos como, diariamente, a liberdade de expressão, a liberdade de organização e de protesto estão sendo violadas. E como a OEA é garantia destes direitos, viemos pedir a sua intervenção", afirmou Granier na entrada da sede da OEA, em Caracas, onde entregou uma carta. "É indispensável que a América Latina tome consciência das violações que diariamente estão ocorrendo aqui", insistiu. A RCTV, notoriamente crítica ao governo, e outros cinco canais a cabo, foram tirados do ar no fim de janeiro passado, por desobedecerem a recente lei ditatorial que obriga os canais venezuelanos a transmitir todos os discursos de Chávez. A reclamação de Marcel Granier à OEA é praticamente inútil, porque este organismo é conduzido pelo esquerdopata chileno Miguel Insulza, um socialista chileno que dá cobertura para todas as arbitrariedades cometidas por celerados como Chavez, Rafael Correa (do Equador), Evo Morales (Bolívia) e o genocida cubano Fidel Castro.

Agaciel Maia lança site e estuda disputar vaga na Câmara

Afastado da diretoria-geral do Senado acusado de envolvimento em uma série de irregularidades que paralisaram a instituição em 2009, o inefável Agaciel Maia lançou um site na internet dando sinais de que pretende retornar à cena política, agora como parlamentar. Filiado ao PTC, Agaciel confidenciou a interlocutores que estuda disputar uma vaga na Câmara Federal, ou na Câmara Legislativa do Distrito Federal. Por isso teria criado o site para dar visibilidade ao seu nome. Oficialmente, Agaciel Maia justifica a criação do site com o argumento de que gostaria de compartilhar seus trabalhos literários, como um livro em que narra a participação do Congresso na construção política, social e econômica do País. Na real, Agaciel teria a vida política como alternativa para reconquistar o prestígio perdido após a crise no Senado. Carros de servidores do Senado já estampam nos vidros adesivos com a propaganda do site. Na página na internet, Agaciel não menciona os escândalos políticos do Senado, nem mesmo o seu afastamento do cargo. O ex-diretor faz questão de destacar suas obras literárias e elogios recebidos nos 15 anos em que ficou no cargo. Agaciel menciona, por exemplo, um elogio recebido do ex-deputado Ulysses Guimarães. Também cita as condecorações recebidas no período em que ficou na diretoria-geral, assim como faz um resumo do seu currículo. Em um dos últimos artigos publicados no site, Agaciel faz uma defesa dos servidores terceirizados do Senado, contratados sem concurso público. Ao ser afastado do cargo no ano passado, o ex-diretor foi aclamado por servidores da Casa, o que dá uma exata medida do que é a sujeita e a nojeira que impera no Senado Federal.

Médico de Michael Jackson é indiciado por homicídio culposo

O médico pessoal de Michael Jackson foi indiciado por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) no processo que investiga a morte do músico. O Ministério Público de Los Angeles anunciou que Conrad Murray, de 56 anos, foi formalmente acusado de causar a morte de Jackson. Segundo o promotor, o médico "matou Michael Joseph Jackson sem premeditação". Murray foi acusado de ter atuado "fora da lei" e sem a devida "precaução e cautela". Pelas leis da Califórnia, o homicídio culposo é punido com até quatro anos de prisão.

José Janene sofre AVC e é internado em UTI de hospital em Londrina

O ex-deputado federal José Janene (PP-PR) sofreu um acidente vascular cerebral na noite de domingo, enquanto jantava com a família em um restaurante de Londrina (PR). O ex-parlamentar foi levado para o hospital Evangélico de Londrina com deficiência motora na parte esquerda do corpo. Segundo o hospital, Janene se recupera na UTI e seu estado de saúde é considerado estável. Ele já reconhece familiares e consegue conversar. Janene é um dos réus do processo corruptor do Mensalão do PT que tramita no Supremo Tribunal Federal. Ele responde pelos crimes de corrupção passiva, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro. Ex-líder do PP, Janene é acusado de ter recebido R$ 4,1 milhões do valerioduto, esquema corruptor montado pelo PT, dirigido por José Genoíno, Delúbio Soares, Silvinho "Land Rover" Pereira e outros, e operacionalizado para o partido pelo publicitário mineiro Marcos Valério.

Ex-presidente da Argentina Nestor Kirchner faz cirurgia de emergência

O ex-presidente da Argentina, Nestor Kirchner, fez neste domingo uma cirurgia de emergência na artéria carótida direita. Durante a manhã, na Casa Presidencial de Olivos, Nestor Kirchner reclamou que não conseguia sentir as pernas. Acionados os esquemas médicos, ele foi internado e decidida a realização de uma cirurgia de emergência para desobstruir a carótida direira, que estava prejudicando a oxigenação de seu cérebro. A presidente Cristina Kirchner, sua mulher, o acompanhou na clínica Os Arcos, no bairro de Palermo, onde ele foi operado.

TSE arquiva representação da oposição contra Lula e Dilma Rousseff por propaganda antecipada

O ministro auxiliar do Tribunal Superior Eleitoral, Joelson Dias, julgou improcedente a representação proposta pela oposição contra o presidente Lula e a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, por propaganda eleitoral antecipada. A lei eleitoral estabelece que a propaganda só é permitida após o dia 5 de julho do ano da eleição. Segundo DEM, PSDB e PPS, a propaganda extemporânea teria ocorrido durante os discursos feitos pelo presidente Lula na inauguração da barragem Setúbal, em Jenipapo (MG), e do campus de Araçuaí (MG), no dia 19 de janeiro. O ministro auxiliar Joelson Dias entendeu que não há, nos trechos dos discursos proferidos pelo presidente Lula nos eventos em Minas Gerais, nenhuma manifestação que tenha levado ao conhecimento geral a candidatura, a ação política ou as razões pelas quais se possa presumir que a ministra "seja a mais apta para a função pública". A oposição citou trechos dos discursos de Lula nas duas solenidades para afirmar que o presidente fez propaganda eleitoral antecipada em favor da candidatura de Dilma Rousseff à Presidência. O TSE se tornou uma máscara de Corte. Joelson Dias tem um currículo desses feitos olhos de incautos. Mestre em Direito pela Universidade Harvard. Sócio de Barbosa & Dias Advogados Associados. Ministra cursos de Direito Eleitoral promovidos pela Escola Superior de Advocacia da OAB, Seções do Distrito Federal (OAB-DF) e Sergipe (OAB-SE), pelo Instituto dos Magistrados do Distrito Federal (IMAG-DF) e pelo Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF). Ministrou a disciplina “Direitos das Minorias” em 1999 e revisão sobre “Direitos Humanos na América Latina”, em 2000, no Curso de Pós-Graduação em Direitos Humanos promovido pela Universidade de Brasília, Escola Superior do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios e Universidade de Essex, Inglaterra; e a disciplina “Teoria Geral do Processo” durante o curso de treinamento dos integrantes do Poder Judiciário do Timor Leste, promovido pelo International Development Law Institute (IDLI) com o apoio da ONU. Foi Conselheiro Titular e representante do Conselho Federal da OAB no Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. É Secretário da Comissão de Relações Internacionais do Conselho Federal da OAB. Participou da 7ª Sessão do Comitê Especial da ONU que elaborou a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência (2006). Atuou no Tribunal Penal Internacional para a Ex-Iugoslávia (1997), na Missão Civil Internacional das Nações Unidas e Organização dos Estados Americanos no Haiti (1993-1994). Mas, o mais importante ficou de fora desse curriculo. No dia 6 de abril do ano passado, o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) publicou uma nota em seu blog com o seguinte teor: "Erenice Guerra, o braço direito da ministra Dilma Rousseff na Casa Civil da Presidência da República (envolvida na elaboração do dossiê anti-FHC), emplacou Joelson Dias, seu ex-sócio em um escritório de advocacia, como novo ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral. Ele tomará posse no próximo dia 16. O Supremo Tribunal Federal deveria ter encaminhado para a escolha de Lula uma lista com os nomes dos advogados Admar Gonzaga, Alberto Pavi e de um terceiro. O de Gonzaga, que constara de listas anteriores, evaporou-se. Ele advogou várias vezes para o DEM. Pavi passou a encabeçar a lista, que foi completada com Evandro Pertence (filho do ex-ministro do STF, Sepúlveda Pertence), e Joelson. Lula mandou às favas o costume que respeitou nos últimos seis anos de nomear o cabeça de lista". Então tá, o ministro auxiliar Joelson Dias é "criatura" da petista Erenice Guerra. E qual julgamento se poderia esperar dele? Em outros tempos, qualquer juiz teria um mínimo de vergonha e se declararia impedido de atuar em semelhante processo. Na era PT isso ficou abolido.

José Dirceu, em nome de Lula, advoga sobre a cimenteira Cimpor em Portugal

O jornalista Lauro Jardim, em seu blog no site da revista Veja, informa: "Expurgado do governo, confinado à periferia do PT, processado como chefe de quadrilha no STF, Zé Dirceu continua falando em nome de Lula e do PT. Pouco antes do anúncio da compra de parte da cimenteira portuguesa Cimpor pela Votorantim, José Dirceu circulou em Portugal discutindo o negócio em nome do governo brasileiro. Reuniu-se com o comando da Cimpor e com representantes do governo português. Nesses encontros, José Dirceu disse que o governo Lula não tinha preferência por nenhum grupo brasileiro - àquela altura, a Cimpor era disputada também pela CSN e pela Camargo Corrêa. Definitivamente, José Dirceu está em todas".

Aiatolá supremo do Irá prevê destruição iminente de Israel

O líder supremo da República Islâmica do Irã, o fascista islâmico Ali Khamenei, afirmou neste domingo que a destruição de Israel é "iminente" e lançou um apelo à "resistência" contra o Estado judeu. "Estou muito otimista quanto ao futuro da Palestina, e penso que Israel está em declínio", declarou o aiatolá iraniano, na presença do líder do terrorista chefe da Jihad Islâmica palestina, Ramadan Abdallah Challah. "Com a vontade de Deus, a destruição de Israel será iminente", insistiu, conclamando os muçulmanos a "continuarem com a resistência" e a "confiar na vitória". Essa reencarnação de Hitler é amiguinha do Lula. E do PT.

Sobrinho de Arruda pede afastamento do governo após suspeita de negociar suborno

O secretário particular e sobrinho do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido), Rodrigo Arantes, pediu afastamento de suas funções "até a completa apuração dos fatos", em carta divulgada neste domingo. Arantes é acusado de tentar articular um acordo entre o governador e o jornalista Edson Sombra, que havia alertado a Polícia Federal sobre a tentativa de suborno. Sombra é aliado de Durval Barbosa, o responsável pelas gravações de Arruda com dinheiro e de deputados e empresários escondendo notas em meias e na cueca. Na semana passada, o funcionário público aposentado e conselheiro do metrô do Distrito Federal Antonio Bento da Silva foi preso entregando uma sacola com cerca de R$ 200 mil ao "jornalista", que havia alertado a Polícia Federal do caso. Em depoimento, Antônio Bento contou ter sido procurado há 20 dias pelo sobrinho do governador. Em nome do governador, segundo Bento, o assessor lhe pediu para convencer Sombra a favorecer Arruda em troca de R$ 1 milhão. Disse Rodrigo Arantes: "Meu nome foi citado indevida e maldosamente pelo senhor Antônio Bento da Silva numa história fantasiosa e absurda, construída como parte da farsa arquitetada contra o governador José Roberto Arruda". Segundo ele, Bento da Silva o procurou diversas vezes nos últimos 15 dias para tentar uma audiência com o governador, que não o recebeu por causa do "volume de compromissos na agenda".

Preso por tentativa de suborno no Distrito Federal pede liberdade ao STJ

Os advogados de Antonio Bento da Silva, conselheiro do Metrô do Distrito Federal, ingressaram na noite de sexta-feira no Superior Tribunal de Justiça com um pedido de liberdade provisória. Ele foi preso na sexta-feira, em flagrante, ao tentar "subornar" o "jornalista" Edson dos Santos, o Sombra, principal testemunha de Durval Barbosa, delator do esquema de corrupção que envolve o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido). No momento da prisão, Silva entregava um sacola com R$ 200 mil. Segundo Sombra, o dinheiro seria parte de um suborno para que ele assinasse uma procuração afirmando que Barbosa manipulou e adulterou os vídeos que entregou ao Superior Tribunal de Justiça nos quais aparecem vários políticos e colaboradores recebendo suposta propina. Ao longo do dia, o bilhete ganhou várias versões. O deputado distrital Geraldo Naves (DEM) confirmou que o bilhete foi escrito pelo governador, mas negou que tivesse alguma ligação com uma tentativa de suborno. Após a confirmação, Naves, que estava à frente da Comissão de Constituição e Justiça e era integrante da CPI da Corrupção, foi substituído na Câmara Legislativa.

Defesa de Arruda nega bilhete e acusa Polícia Federal de perseguição política

A defesa do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido), negou na sexta-feira que ele tenha mandado qualquer "bilhete" ao "jornalista" Edson dos Santos, o Sombra, e acusou a Polícia Federal e Ministério Público Federal de perseguição política. Segundo os advogados José Gerardo Grossi e Nélio Machado, o governador tem o "hábito" de fazer "rascunhos" em folhas de papéis, em forma de tópicos, enquanto está conversando, e a tentativa de suborno seria uma armação. "Não é bilhete. É um papel rascunhado. O governador tem mania de falar e escrever. É um roteiro e foi isso que foi feito com Geraldo Naves. Esse papel ardilosamente foi transformado em algo escuso", disse Grossi.

OAB pede bloqueio de bens de Arruda e de oito deputados distritais

A OAB protocou na sexta-feira na Justiça Federal uma ação pedindo o bloqueio dos bens do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido), de oito deputados distritais e dois suplentes que são investigados no suposto esquema de arrecadação e pagamento de propina no governo local. O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, afirmou que a medida é para garantir o ressarcimento dos cofres públicos se o esquema de corrupção for comprovado. Tudo bem, o governo de Brasília é uma patifaria única, de cima até embaixo. Agora, a OAB não pode se portar como uma porta-voz do PT. Seus dirigentes não podem agir como se fossem petistas filiados. O que é? Quando foi que a OAB protocolou uma ação pedindo a mesma coisa para os 40 celerados denunciados no processo penal do Mensalão do PT? Quando foi que a OAB pediu sara Cavalcante, a ação não representa um prejulgamento, mas sim cautela. "Temos que zelar pelo o bloqueio dos bens dos petistas José Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares, Silvinho "Land Rover" Pereira, Marcelo Sereno e João Paulo Cunha? Quando foi que a OAB pediu que Lula integrasse a lista dos réus do processo do Mensalão? E olhe que os criemes do processo do Mensalão petista foram infinitamente mais graves do que este do governo de Brasília, porque tratavam da corrupção de um dos poderes da República. Parece que essa gente toda perdeu o senso de realidade e da medida das coisas.

Governo do Distrito Federal deu R$ 430 milhões a empresas de deputados que julgarão impeachment

Deputados distritais que julgarão os pedidos de impeachment contra o governador José Roberto Arruda (ex-DEM, sem partido) receberam por meio de empresas das quais são sócios cerca de R$ 430 milhões do governo do Distrito Federal desde 2007. Os contratos foram firmados com empresas das famílias dos deputados distritais Eliana Pedrosa (DEM) e Cristiano Araújo (PTB), da base aliada de Arruda. O suplente Wigberto Tartuce (PMDB), que votará no impeachment, também recebeu dinheiro para sua rádio.

PMDB elege Michel Temer para mais um mandato na presidência do partido

O PMDB elegeu no sábado, por aclamação, o deputado federal Michel Temer (PMDB-SP) para mais um mandato na presidência do partido. Com a vitória da chapa de Temer, a única inscrita na convenção nacional, ganha força dentro do PMDB a aliança do partido com o PT nas eleições presidenciais de outubro, com a esperada indicação de Temer à vice-presidência da República na chapa da candidata petista Dilma Rousseff. Na convenção nacional do partido, 570 delegados do PMDB elegeram o diretório nacional, de 119 integrantes, todos aliados de Michel Temer. O novo diretório escolheu, por aclamação, a nova executiva nacional da legenda presidida por Temer, que será integrada por 24 membros. O senador Valdir Raupp (PMDB-RO) ficou com a vice-presidência do partido, enquanto a deputada Íris Araújo (PMDB-GO) e o senador Romero Jucá (PMDB-RR) vão ocupar, respectivamente, a segunda e a terceira vice-presidências do partido. Raupp e Jucá disputavam o cargo de vice do partido nos bastidores. Como Temer deve se licenciar do cargo em junho para disputar a vice-presidência da República, o vice vai assumir o comando do partido com o seu afastamento, o que acirrou a disputa entre Raupp e Jucá. A tônica da convenção foi mostrar que o PMDB está unido em torno da Temer para fortalecê-lo na corrida presidencial.

Irã anuncia descoberta de campos de gás e petróleo

O Ministério do Petróleo do Irã anunciou neste domingo que o país descobriu um campo de petróleo e outro de gás. O ministro Masoud Mirkazemi afirmou que o campo de gás Halegan, na província de Fars, tem capacidade para produzir 50 milhões de metros cúbicos por dia, durante 20 anos. O desenvolvimento de Halegan tem potencial para resultar em mais de US$ 80 bilhões em receita para o país, a preços atuais, segundo o ministro. Já o campo de petróleo de Somar, na província de Kermanshah, tem reservas estimadas em 475 milhões de barris de petróleo, 70 milhões dos quais poderiam ser extraídos, conforme afirmou o ministro.

Venezuela cogita decretar emergência elétrica

O governo venezuelano estuda decretar emergência elétrica para acelerar a resposta à grave crise energética que o país enfrenta e que já o obrigou a adotar um racionamento, afirmou o ministro da Energia, Alí Rodríguez. "Estamos em uma emergência e penso que não se pode esconder esta palavra. Quando cai tão abruptamente a geração de eletricidade, estamos diante de uma emergência, apesar de não termos decretado, coisa que possivelmente faremos", disse o ministro. "A declaração de emergência seria simplesmente para acelerar a aquisição dos recursos necessários para incrementar a geração e responder a algo inesperado", explicou Rodríguez. A Venezuela enfrenta uma grave crise em consequência de um sistema de geração em colapso e de uma forte seca, que reduziu a níveis críticos a água na represa de Guri, sul do país, responsável por 70% da energia consumida no país.

Ditador Chávez decide expropriar edifícios históricos de Caracas

Ditador Chávez decide expropriar edifícios históricos de Caracas
O ditador venezuelano, Hugo Chávez, decidiu neste domingo, sem consultar ninguém, expropriar vários edifícios na Praça Bolívar, de Caracas, no centro da cidade, para "recuperar seu valor histórico". A decisão foi anunciada pelo ditador no início de seu programa dominical de rádio e televisão "Alô Presidente". Chávez abriu o programa na Praça Bolívar, onde foi recebido por um grupo de simpatizantes chamados "custódios do 'Libertador'", com quem relembrou aspectos da história da praça, enquanto caminhavam lentamente por ela. Em um determinado momento, Chávez comentou que em uma das casas tinha vivido durante a juventude Simón Bolívar (1783-1830), pouco após se casar. O presidente então perguntou qual era a utilidade da casa na atualidade. Quando o prefeito de Caracas, Jorge Rodríguez, indicou que nela funcionavam vários negócios privados, Chávez exclamou durante a passeata: "Que sejam expropriados!" Ao ser perguntado por outros dois ou três edifícios da praça, de três ou quatro empresas, o presidente repetiu: "Que sejam expropriadas!" E assim é na Venezuela bolivariana. Um sujeito dorme dono de um escritório em um prédio comercial, e acorda expropriado pelo clown bolivariano. Como pode funcionar um país assim?

Presidente da Fiesp diz que o PT aos 30 anos não causa mais medo a ninguém

Uma das transformações mais notáveis do PT é a relação com o empresariado. De ameaça à estabilidade econômica e democrática, Lula passou à condição de quase unanimidade, arrecadando prêmios do setor no Brasil, como "Operário nº 1", e no exterior, como "Estadista do Ano", concedido pelo Fórum Econômico Mundial. "Tenho certeza de que o medo do PT não existe mais", afirma o presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), o socialista Paulo Skaf (empresário sem empresa), que apoiou Lula em 2002. De acordo com ele, o relacionamento do empresariado com Lula e também com o PT é "excelente", "de carinho". Nem sempre a relação com a entidade foi amena. Em 1989, seu então presidente Mário Amato afirmou que a vitória de Lula levaria 800 mil empresários a deixar o país. Em 1994, outro presidente da principal entidade industrial do Brasil, Carlos Eduardo Moreira Ferreira, disse, sobre a candidatura petista, que o País corria o risco de "eleger um presidente que condenaria o Brasil ao atraso". Pois bem, torturados acabam se apaixonando por seu torturador, isso é muito comum. No caso, o empresariado paulista, capitalista, por suposto, declara amor para quem está querendo liquidar com a propriedade privada, em projeto contido de maneira expressa no 3º Plano Nacional de Direitos Humanos. Está confirmada a tese de que empresários são mesmo estúpidos quando se referem à política.

Ditador fascista islâmico Ahmadinejad ordena começo do enriquecimento de urânio a 20%

O ditador iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, anunciou neste domingo que ordenou ao Organismo da Energia Atômica que inicie o processo de enriquecimento de urânio a 20%, percentual quatro vezes acima dos atuais 5%. O ditador fascista islâmico afirmou que essa ordem não significa que seu país tenha renunciado à negociação sobre suas instalações nucleares. Mas, significa exatamente isso, o governo fascista islâmico do Irã está trabalhando furiosamente para construir suas bombas atômicas.

Nordeste não consegue escoar safra recorde

A safra recorde de 65,1 milhões de toneladas de soja vai agravar a situação do já caótico sistema logístico nacional. O Maranhão limita a produção por falta de porto. O Ministério da Agricultura e a Confederação Nacional da Agricultura calculam que a fronteira agrícola deixa de produzir 3 milhões de toneladas devido ao apagão portuário. O País perde o equivalente a US$ 1 bilhão. O terminal do porto de Itaqui, no Maranhão, chave para o escoamento da produção, está atrasado há três anos e fica pronto apenas em 2012. Despesas crescem porque as safras são embarcadas a 3.000 quilômetros de distância. O ministério estima que 20 milhões de toneladas de grãos produzidas no País são desviadas para portos muito mais distantes do que sugere qualquer planejamento logístico, situação que afeta em cheio a renda do produtor rural e realimenta um paradoxo que tem se tornado recorrente no setor agrícola: a renegociação de dívidas por falta de renda.

G7 zera dívidas bilaterais do Haiti e pede o mesmo ao Banco Mundial

Os países do G7 "vão zerar a dívida bilateral do Haiti", devastado pelo terremoto de 12 de janeiro, declarou no sábado o ministro das Finanças do Canadá, Jim Flaherty, ao final de uma reunião do grupo as sete nações mais industrializadas do planeta. O grupo pediu que a dívida haitiana junto ao Banco Mundial e ao Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID) também seja cancelada. A dívida do Haiti com o G7, formado por Estados Unidos, Canadá, França, Alemanha, reino Unido, Itália e Japão, já era relativamente baixa. "A dívida com instituições multilaterais deveria ser perdoada e vamos trabalhar com essas instituições e outros parceiros para que isso aconteça o mais rapidamente possível", acrescentou Flaherty. Além disso, o Clube de Paris, grupo informal de Estados credores, entre eles todos os países do G7, já haviam se comprometido em junho a zerar todo o débito do Haiti com seus membros, que é de US$ 214 milhões. O total da dívida externa do Haiti, país mais pobre do Ocidente mesmo antes do terremoto, chega a US$ 890 milhões.

Letônia leiloa cidade da era soviética por US$ 3 milhões

A Letônia vendeu uma cidade inteira que no passado foi usada como base militar soviética. A cidade deserta, conhecida como Skrunda-1, foi vendida em leilão e arrematada por uma empresa russa, Aleksejevskoje-Serviss, por US$ 3 milhões. Ela inclui 45 hectares de terra, dez prédios de apartamentos, duas casas noturnas, um shopping center, um jardim da infância, quartel e uma sauna. A cidade, 150 quilômetros a oeste de Riga, foi abandonada depois que os soldados russos deixaram a Letônia, em 1994, depois da desintegração da União Soviética. Skrunda-1 era um povoado fechado, que não aparecia nos mapas soviéticos porque era usado como base para radares antimísseis.

Casa usada pelo ETA em Portugal escondia 1.500 quilos de explosivos

A casa utilizada em Portugal pela organização terrorista basca ETA escondia quase 1.500 quilos de explosivos, informou no sábado o ministério espanhol do Interior. A polícia portuguesa havia anunciado na sexta-feira ter descobrto cerca de 500 quilos de explosivos e vários "artefatos prontos para serem usados" em um esconderijo no centro do país e que, segundo fontes antiterroristas espanholas, pertencem à organização terrorista separatista ETA. "Explosivos, assim como "ingredientes utilizados para sua fabricação" foram encontrados "na garagem de uma casa" em Casal de Averela, próxima a Óbidos, cerca de 125 quilômetros ao norte de Lisboa, declarou o comandante do centro antiexplosivos da polícia, capitão Helder Barros. "O material estava armazenado em condições seguras, o que reflete um trabalho de profissionais", afirmou, acrescentando que também foram descobertos "vários explosivos prontos para o uso". A organização terrorista ETA, que figura nas listas das organizações terroristas da União Europeia e dos Estados Unidos, é responsável pela morte de 828 pessoas em mais de 40 anos de violência.

Bolívia confirma duas mortes por dengue na fronteira com MT

A Bolívia informou no sábado sobre a morte de duas crianças por dengue na cidade de San Matías, na fronteira com Mato Grosso. Segundo o jornal "El Deber", as duas crianças, de idades ainda desconhecidas, foram as primeiras vítimas da dengue na Bolívia neste ano. A primeira morte aconteceu na quarta-feira e, a segunda, na quinta-feira. O Ministério da Saúde boliviano informou até agora sobre 532 casos suspeitos de dengue no país, que no início de 2009 teve a maior epidemia da doença em sua história, com 500 mil infectados e 22 mortes.

Hélio Costa diz que será cabo eleitoral de José Alencar em Minas Gerais

Pré-candidato ao governo de Minas Gerais, o ministro das Comunicações, Hélio Costa (PMDB) disse no sábado que será "cabo eleitoral" do vice-presidente José Alencar (PRB) caso ele decida disputar o governo do Estado. Hélio Costa disse que a candidatura de José Alencar, se sair do papel, terá o apoio dos partidos da base aliada do governo Lula, que está rachada no Estado. "Se ele for candidato, quero ser o mais importante cabo eleitoral", afirmou. Hélio Costa disse que a possibilidade de José Alencar lançar seu nome na disputa estadual partiu de articulações de partidos da base governista: "Quem está pensando na candidatura do vice-presidente é a base aliada. O PMDB sempre advogou que a indicação do candidato a governador de Minas Gerais deve partir de amplo entendimento de partidos da base. É muito bem-vinda a proposta do Zé Alencar se integrar a esse grupo de pré-candidatos".

Banco Central diz não haver risco cambial para empresas

O dólar subiu pela quarta semana seguida e voltou à casa de R$ 1,90, mas pegou poucas empresas despreparadas, diferentemente do que ocorreu no final de 2008, segundo avaliação do Banco Central. Por conta disso, a autoridade monetária tem se mantido alheia à alta do dólar e decidiu não intervir para elevar a cotação do real. Durante toda a semana, o Banco Central comprou dólares na faixa de R$ 1,84 e R$ 1,88, colaborando para ratificar o novo valor da moeda. O argumento é que não haveria hoje a mesma crise de liquidez e asfixia de crédito vista na turbulência de 2008. Nem casos relevantes de empresas com aposta errada no câmbio capaz de levá-las muito perto da insolvência, como ocorreu com Sadia e Aracruz Celulose. O Banco Central calcula em apenas US$ 35 milhões a exposição de empresas a esses derivativos "tóxicos", valor que seria irrisório não só ante os R$ 30 bilhões em contratos registrados de derivativos, mas, principalmente, diante dos US$ 20 bilhões que os exportadores brasileiros mantêm no Exterior. Para o Banco Central, as empresas brasileiras têm dólares de sobra, não em falta. Para o mercado, porém, o Banco Central está jogando "gasolina na fogueira" para deixar o dólar subir à casa de R$ 2,00.

Marta Suplicy defende Mercadante na disputa ao governo de São Paulo

A ex-prefeita de São Paulo, a ricaça petista Marta Suplicy (PT), afirmou na noite de sexta-feira que irá apoiar o senador Aloizio Mercadante (PT) se ele decidir sair candidato ao governo de São Paulo. "Se o Mercadante tomar essa decisão, eu vou ser a primeira a sair na rua. Mas, é uma decisão difícil e pessoal. Ele é um quadro importante no Senado, que pode ajudar muito a Dilma Rousseff", disse a ex-prefeita. A ricaça petista Marta Suplicy afirmou que tem a certeza que será candidata em outubro. "Sou um soldado do partido. Posso ser candidata ao Senado, ao governo ou à Câmara", disse ela, na festa de posse da nova diretoria do PT de Santo André (SP).

Gestão Lula deve chegar ao fim com mais de 100 mil novos cargos

Quando chegar ao fim de seu segundo mandato, em dezembro, o presidente Lula terá contratado cerca de 100 mil pessoas apenas para o Poder Executivo. É um exército de auditores, pesquisadores, analistas, advogados, professores, entre outros profissionais, que começaram a trabalhar nos diversos órgãos do governo nos últimos oito anos. Esse número de empregados públicos é igual aos 110 mil empregos gerados por todas as montadoras de carros instaladas no Brasil. De dezembro de 2002 a outubro de 2009, aumentou em 63.270 o número de servidores públicos civis, para 549 mil. O valor exclui aqueles que substituíram funcionários aposentados. O Orçamento autoriza a criação de mais 46.151 vagas este ano. Como 2010 é ano eleitoral, os concursos só ocorrem até junho.

Geddel afirma que aliança com PT será suspensa onde PMDB tiver candidato

Pré-candidato do PMDB ao governo da Bahia, o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, admitiu no sábado que a aliança nacional do partido com o PT não será respeitada em Estados onde os dois partidos têm candidatos aos governos locais. Geddel disse que o caminho para a legenda será fortalecer a aliança nacional, com liberdade para que os partidos apresentem candidatos distintos nos Estados. "Nem o PMDB nem nenhum partido tem unanimidade. Onde não houver condições, temos que ter alternativas para o projeto nacional ser preservado", afirmou ele. Geddel deve disputar o governo da Bahia com Jacques Wagner (PT), que vai concorrer à reeleição. Apesar da pressão do Palácio do Planalto para que os dois chegassem a um consenso em torno de uma única candidatura, não houve acordo entre PT e PMDB.

Governo inaugura primeira fábrica de chips da América Latina

O presidente Lula inaugurou na sexta-feira, em Porto Alegre, a primeira fábrica de chips da América Latina, o Centro Nacional em Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec), criado em novembro de 2008 pelo governo e que recebeu investimentos de mais de R$ 400 milhões do Ministério da Ciência e Tecnologia. Instalada em um complexo de 14.600 metros quadrados, a empresa tem como meta desenvolver a indústria de semicondutores no Brasil, gerando condições para a consolidação da indústria microeletrônica avançada. Esse segmento corresponde a apenas a 1,7% do PIB brasileiro.

Petrobras perde US$ 12 bilhões de valor em apenas um dia

A Petrobras chegou a perder US$ 11,956 bilhões em valor de mercado em um único dia, sendo a empresa com a maior queda em 4 de janeiro na América Latina e Estados Unidos, segundo levantamento da Economática, com 2025 companhias de capital aberto. A Petrobras fechou com US$ 174,637 bilhões em valor de mercado no dia 3, contra US$ 162,681 bilhões no dia seguinte. A queda das bolsas mundiais reflete a apreensão do mercado com o resultado do déficit fiscal de países como Grécia, Espanha e Portugal, que está em torno de 10% do Produto Interno Bruto. O mercado também reflete a insegurança sobre a capacidade de os Estados Unidos alcançarem o crescimento econômico necessário para manter o consumo. O alto volume de negociação diária das empresas brasileiras que lideram o ranking justifica tamanho das perdas. A Bovespa acumulou perdas de 4% esta semana. Em segundo lugar no ranking, ficou a mineradora Vale, que perdeu US$ 9,823 bilhões em valor de mercado no mesmo dia. Passou de US$ 135,445 bilhões para US$ 125,622 bilhões em preço de ações em circulação.

Deputado do PSDB diz que Dilma Rousseff mente sobre obras em São Paulo

Nota do deputado Antonio Carlos Mendes Thama, deputado federal, presidente do diretório estadual do PSDB-SP e ex-secretário de Saneamento, Recursos Hídricos e Obras do Estado de São Paulo, demole as afirmações da candidata petista Dilma Rousseff sobre supostos investimentos do governo Lula em são Paulo. Diz a nota: "A ministra Dilma Rousseff afirmou que o governo Lula destinou suplementação de R$ 1,1 bilhão, em junho de 2009, para obras de combate às enchentes em São Paulo. Tal afirmação não corresponde à verdade. Os créditos extraordinários liberados na ocasião, por meio da Medida Provisória 463/2009 (posteriormente convertida na Lei 11.981/09), o foram para o Pais todo. E além da sua execução ter ficado muito abaixo do previsto, parcelas ínfimas deste recurso foram destinadas ao Estado de São Paulo, apenas R$ 32 milhões. Para se ter uma idéia, o governo federal gastou, em 2009, apenas 21% da dotação orçamentária do Programa de Prevenção a Desastres. De uma dotação original de R$ 646,6 milhões, foram gastos só R$ 135 milhões no total, em todo o Brasil. Em 2008, a execução havia sido ainda pior: 18% - de R$ 616,5 milhões, apenas R$ 112,6 milhões foram gastos naquele ano. Dos recursos gastos pela União em 2009 na prevenção de enchentes, muito pouco teve como destino o Estado de São Paulo: apenas R$ 4,9 milhões, ou menos de 4% do total. Em comparação, o Estado da Bahia recebeu R$ 65,3 milhões, e Mato Grosso R$ 25,9 milhões. Em relação aos recursos para do Programa de Resposta aos Desastres e Reconstrução, a mesma situação se verifica: de uma dotação de R$ 1,9 bilhão para todo o País, foram gastos R$ 1,2 bilhões, mas apenas R$ 27 milhões dos quais destinados a São Paulo: 2,1% do total. Tais números contrastam com os grandes investimentos do Governo do Estado de São Paulo na prevenção e combate à enchentes no período. Em 2009, R$ 157,61 milhões foram liquidados nesta rubrica – todos recursos do Estado, com a única exceção de R$ 2,4 milhões transferidos pelo Governo Federal, destinados à limpeza do Rio Paraíba. Em 2010, o governo Serra investirá ainda mais: R$ 305 milhões, sem contar R$ 120 milhões destinados ao Parque Várzeas do Tietê e R$ 195 milhões do programa Córrego Limpo. Ressalte-se que nenhum dos 45 piscinões da Região Metropolitana de São Paulo foram feitos com recursos do orçamento federal: sua construção contou com recursos das prefeituras da região (19 piscinões) e do governo paulista (26). No governo Serra, foram concluídos seis piscinões (R$ 79,6 milhões), havendo quatro em obras (R$ 48,3 milhões) e um em licitação (R$ 80 milhões). Portanto, o Governo Serra investe, sem nenhuma ajuda do governo federal, R$ 207,9 milhões em piscinões. Sem dúvida, qualquer recurso adicional nesse sentido será bem-vindo. Ao todo, entre 2007 e 2010, o Governo do Estado está investindo R$ 1,037 bilhão em infraestrutura hídrica e combate às enchentes. São ações como limpeza dos córregos, obras de canalização, construção e limpeza de piscinões e a construção de parques lineares. Outros R$ 2,691 bilhões estão sendo investidos em obras de urbanização e atendimento a famílias em áreas de risco nesse período". Ou seja, matou a cobra e mostrou pau, sobre as mentiras do governo Lula.

Peru detém dois comandantes do Sendero Luminoso

A Polícia Antiterrorista do Peru capturou na sexta-feira dois comandantes do grupo armado Sendero Luminoso na região peruana de Huánuco, a 400 quilômetros ao nordeste de Lima. Para o ministro do Interior peruano, Octavio Salazar, estas capturas "são importantes" porque permitem "fechar o cerco" ao camarada Artemio, líder do grupo no vale do Huallaga, importante região produtora de coca e cocaína e onde operam os chamados "remanescentes" do grupo terrorista junto ao narcotráfico. O primeiro dos detidos, capturado na sexta-feira nas operações Leo 3 e Cerco 2009, responde pelo pseudônimo de Nacho. Ele é responsável financeiro e logístico do Sendero Luminoso em Magdalena e Aucayacu, cidades situadas no nordeste do país. Segundo a polícia, ele era o encarregado de cobrar cotas a agricultores, madeireiros e contrabandistas.

Grupo opositor denuncia detenção de 37 dissidentes em Cuba

A opositora Comissão de Direitos Humanos e Reconciliação Nacional cubana denunciou na sexta-feira que pelo menos 37 dissidentes foram detidos nos últimos dias na cidade de Camagüey, a 530 quilômetros de Havana, por se manifestarem em apoio a um preso político, embora quase todos já tenham sido libertados. O porta-voz da comissão, Elizardo Sánchez, disse que "pelo menos 23 pacíficos opositores foram brutalmente golpeados e detidos" na quarta-feira após uma manifestação nas ruas em protesto pela situação do prisioneiro de consciência Orlando Zapata Tamayo. Ele acrescentou que outros 14 foram detidos na quinta-feira na mesma cidade enquanto estavam reunidos em uma casa para "fazer outras ações de solidariedade com Zapata Tamayo".

Ciro Gomes diz que falta "experiência" a Dilma Rousseff

O pré-candidato do PSB à Presidência, deputado federal Ciro Gomes (CE), adotou em Recife (PE), na última sexta-feira, o mesmo discurso usado pelos tucanos contra a presidenciável do PT, ministra Dilma Rousseff (Casa Civil). Segundo Ciro, falta à ministra a "experiência" que ele afirma ter acumulado ao longo da sua carreira política. "Quantas eleições a Dilma já disputou?", questionou. "Lamento, e pouco importa se parece com o que diz Serra ou não. Às vezes, o Serra fala a verdade também", disse ele, referindo-se ao governador de São Paulo e pré-candidato do PSDB à Presidência, José Serra. O neocoronel Ciro Gomes lembrou que já disputou duas eleições presidenciais e que aprendeu "muito" com os erros que cometeu nas campanhas. "Colocaram uma casca de banana e eu escorreguei com os dois pés", afirmou ele. "Se a Dilma faz isso, onde vai parar o Brasil? Não podemos correr esse risco", declarou ele: "Essa é a primeira angústia que tenho com relação a Dilma". A segunda, de acordo com o deputado, é a "circunstância política": "Essa é a que mais preocupa, porque a Dilma está sendo suportada hoje por uma coalizão cuja hegemonia moral eu questiono".

Horário de verão fica em vigor até dia 20 de fevereiro

Em vigor desde outubro de 2009, o horário de verão vale até até a meia-noite do próximo dia 20 de fevereiro, quando os relógios deverão ser atrasados uma hora. A medida atinge três regiões do País. Além do Distrito Federal, são dez Estados beneficiados: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. O principal objetivo do horário de verão é reduzir o consumo de energia elétrica.

Audiência de ex-deputado do Paraná que matou dois termina sem depoimento

A primeira audiência do processo envolvendo o ex-deputado estadual paranaense Fernando Ribas Carli Filho, acusado de ser responsável pela morte de dois jovens em um acidente de carro em 2009, terminou na sexta-feira, em Curitiba, sem que ele fosse ouvido. Nos dois dias da audiência de instrução e julgamento, que serve para o juiz colher provas e depoimentos, foram ouvidas 19 testemunhas, sendo 18 de acusação e uma de defesa. Agora, o juiz aguarda que sejam ouvidas outras oito pessoas, que estão em outras cidades e devem enviar seus depoimentos por escrito. Só depois de ouvidas essas testemunhas, o juiz pode chamar o réu para depor. O acidente ocorreu em maio do ano passado, em Curitiba. Laudos do Instituto de Criminalística apontaram que Carli Filho, de 26 anos, estava alcoolizado e dirigia a 167 quilômetros horários no momento do acidente. O carro atingiu o veículo em que estavam Gilmar Yared, de 26 anos, e Carlos Almeida, de 20 anos. Os dois morreram na hora.

Mantega diz que economias de Argentina e Brasil crescerão 5% em 2010

As economias de Argentina e Brasil crescerão pelo menos 5% durante 2010, estimou na sexta-feira, em Buenos Aires, o ministro Guido Mantega (Fazenda), prevendo o aumento do intercâmbio bilateral para esse período. Mantega prognosticou para este ano "um crescimento de 5% no mínimo para os dois países", depois da crise financeira internacional. Durante o encontro, foi preparada a visita que o presidente Lula fará a Buenos Aires no final de março.

Parlamentares fazem nova denúncia contra os Kirchner por compra de dólares

Legisladores da União Cívica Radical, a principal força opositora na Argentina, apresentaram na sexta-feira uma nova denúncia contra a presidente, Cristina Kirchner, e seu marido e antecessor, Néstor Kirchner, para que se investigue a compra de US$ 2 milhões que este admitiu ter feito em 2008. O processo foi apresentado ao juiz Julián Ercolini pelo senador José Cano e os deputados Silvana Giudici e Rubén Lanceta. Os parlamentares consideraram em sua denúncia que "a compra significativa de dólares por parte do marido da presidente deve dar lugar a suspeitas quanto ao manejo de informação privilegiada". Na semana passada, a também opositora Coalizão Cívica denunciou o casal presidencial por suposto enriquecimento ilícito depois que Kirchner admitiu que, em outubro de 2008, em plena turbulência financeira internacional, ter comprado US$ 2 milhões para adquirir um pacote de ações em um hotel de luxo na cidade de El Calafate, na Patagônia argentina.