segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Lula confirma encomenda de três mil veículos para o Exército

O presidente Lula confirmou nesta segunda-feira que autorizou uma encomenda de três mil novos veículos blindados fabricados no País para substituir os atualmente utilizados pelo Exército. "Recentemente, autorizei o início do projeto Família de Blindados, de produção nacional. Até 2030, serão entregues ao Exército cerca de três mil blindados", afirmou Lula em discurso o almoço de fim de ano com oficiais-generais. O engraçado é que não houve um general para perguntar a ele se seu mandato se estenderá até 2030. O chamado projeto Guarani, no qual o Exército trabalha desde 2007 para substituir seus veículos de combate por modelos de uma nova família desenvolvida e fabricada no País, só dependia da autorização da Presidência para sua execução. Inicialmente conhecido como Urutu 3, o projeto prevê um investimento de R$ 6 bilhões em 20 anos, explicou no mês passado o ministro da Defesa, Nelson Jobim, em outra cerimônia militar. Os blindados Guarani serão produzidos na fábrica da montadora Iveco em Sete Lagoas (MG).

Câmbio com real valorizado volta a ser alvo de crítica da indústria

A atual taxa de câmbio do País com o real valorizado voltou a ser alvo de queixa da indústria. Desta vez, a crítica veio do presidente da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), Robson Braga de Andrade. Ao participar de almoço nesta segunda-feira na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), ele disse que o câmbio tem prejudicado as exportações da indústria, transformando-se em uma “preocupação” do setor. “Acreditamos realmente que o Brasil vai ter grandes investimentos, recursos externos importantes, o que, por um lado, nos deixa felizes, mas há também uma preocupação com relação a essa taxa cambial que tem prejudicado muito as exportações da indústria brasileira”, disse ele. O dólar está cotado atualmente em cerca de R$ 1,75. No início do ano, ele chegou a mais de R$ 2,30, devido à crise financeira internacional. Mas, desde março, o real vem se valorizando em relação à moeda norte-americana.

Saem as contratações de energia eólica

Com a contratação de 753 lotes de 71 empreendimentos geradores, o leilão de compra de energia de reserva eólica (gerada pelo vento), realizado nesta segunda-feira, pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), vai resultar em um acréscimo de 1.805,7 Megawatts (MW) de potência ao Sistema Integrado Nacional (SIN). O leilão foi considerado um sucesso pelo Ministério de Minas e Energia em relação à quantidade de energia elétrica contratada e aos preços de venda, resultando em R$ 9,4 bilhões de investimentos no setor. O resultado do leilão vai aumentar a participação na matriz elétrica brasileira de uma nova fonte de energia renovável, que não emite CO2 e é abundante no País. Os estudos disponíveis mostram que o potencial brasileiro para esse tipo de geração pode chegar a 145 mil MW, mas a potência atual das usinas eólicas em funcionamento é de apenas 602 MW, em 36 empreendimentos. Com 339 empreendimentos na disputa, os contratos negociados somaram R$ 19,6 bilhões ao longo de 20 anos, ao preço médio de venda de R$ 148,39 MW/h, resultando em um deságio de 21,49%.Os preços finais indicaram a existência de competição. O menor preço ofertado, de R$ 131,00/MWh, corresponde a uma redução de 30,69% em relação ao preço inicial de R$ 189,00/MWh. O maior número de usinas contratadas fica no Rio Grande do Norte, vindo a seguir o Ceará, com 21 usinas; a Bahia, com 18; o Rio Grande do Sul, com 8, e Sergipe, com uma usina. A Eletrosul foi contemplada com três projetos de geração de 30 megawatts cada, totalizando 90 megawatts. Para tanto, a instalação das torres em Santana do Livramento deve ocorrer no segundo semestre de 2010. A empresa já tem licença prévia de instalação concedida pela Fepam (Fundação de Proteção ao Meio Ambiente do Rio Grande do Sul) e aguarda licença de instalação. Os contratos de compra e venda de energia terão 20 anos de duração, a partir de 1º de julho de 2012, ano previsto para o início do suprimento. A planta de Santana do Livramento terá capacidade para abastecer 140 mil residências. O resultado do leilão deve tornar viáveis partes do investimento da Elecnor Enerfín na duplicação do parque eólico de Osório, outras unidades em Palmares do Sul.

Argentina investiga ameaças de morte feitas a presidente durante vôo

A presidente da Argentina, a peronista populista Cristina Kirchner, recebeu uma ameaça de morte via rádio quando seguia para a Casa Rosada a bordo de um helicóptero, na sexta-feira. A informação foi confirmada nesta segunda-feira pelo chefe de gabinete dela, Aníbal Fernández, após a rádio C5N ter divulgado o áudio da conversa. Na gravação, o piloto do helicóptero da frota presidencial conversa com os controladores de tráfego aéreo de um aeroporto enquanto vai de Olivos até a Casa Rosada, com a presidente a bordo. Em três momentos, pelo menos, as indicações técnicas são interrompidas por frases como "matem a égua", "matem o peixe" e "matem-na". Na segunda interferência toca "Avenida de las Camelias" (marcha militar argentina). O caso gerou preocupação no governo, e o chefe de gabinete de Cristina Kirchner, Aníbal Fernández, disse que o considerou "muito grave". "Estamos falando de equipamentos que só poderiam ser usados de outra aeronave ou de um lugar no qual haja dados de algum aparato DHF, que são os que permitem interferir na mesma frequência", afirmou ele. Cristina Fernández Kirchner também classificou o gesto como "ameaçador e intimidador", mas ressaltou que não amedrontaria a presidente. A interferência é investigada por Esteban Righi, da Procuradoria-Geral da Nação, e há suspeita de ligação com o início do júri do ex-capitão-de-fragata Alfredo Astiz, ícone da repressão da ditadura argentina (1976-83) acusado de crimes contra a humanidade.

Senado deve arquivar sumariamente pedido de impeachment de Arruda

O Senado vai rejeitar o pedido de impeachment do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, protocolado nesta segunda-feira pelo servidor público federal Altivo Fausto Martins. Como o servidor baseou o pedido em lei de 1986, anterior à Constituição de 1988 que instituiu a autonomia do Distrito Federal, a Casa deve arquivar a proposta sem dar prosseguimento à sua tramitação. Martins argumenta, no pedido, que o servidor público pode solicitar o afastamento do governador com base na lei 7.106 de 1986, que fala que o Senado pode investigar crimes de responsabilidade cometidos pelo governador do Distrito Federal. Consultores legislativos do Senado, porém, afirmam que a lei não serve como base, uma vez que a Constituição de 1988 concedeu autonomia ao Distrito Federal. Em 2001, o Senado arquivou pedido de impeachment contra o então governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz (PSC), que teve o mesmo fundamento legal na sua sustentação.

Peru quer comprar aviões Super Tucano do Brasil

O Peru deseja comprar aviões de combate brasileiros modelo Super Tucano assim que possível para destiná-los à luta contra os remanescentes da guerrilha maoísta Sendero Luminoso, informou o ministro da Defesa, Rafael Rey, nesta segunda-feira. "Esta é uma aquisição que desejamos poder concretizar, pretendendo que em curtíssimo prazo pudéssemos dispor de três ou quatro unidades", disse Rey. Ele afirmou que, durante a visita oficial do presidente Lula, na sexta-feira passada a Lima, pôde conversar com o ministro de Defesa, Nelson Jobim, e concluir que os Super Tucano respondem às necessidades do país. Uma comissão técnica da Força Aérea já elaborou um informe favorável, destacou. O Embraer EMB-314 Super Tucano é uma aeronave turboélice leve de ataque e treinamento avançado, que incorpora os últimos avanços em armamentos. Ele foi concebido para atender aos requisitos operacionais da Força Aérea Brasileira, para uma aeronave de ataque tático, capaz de operar na Amazônia.

Câmara do Distrito Federal adia escolha de comissão que analisará impeachment

Os deputados distritais adiaram para esta terça-feira a eleição da comissão especial que vai analisar os três pedidos de impeachment contra o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, por crime de responsabilidade. A base aliada de Arruda questiona a tramitação dos pedidos de afastamento adotada pelo atual comando da Câmara Legislativa, que decidiu seguir a lei nº 1.079, criada em 1950. Os aliados do governador trabalham para sepultar a comissão especial e levar os pedidos de impeachment para a análise da Comissão de Constituição e Justiça. Nela seria mais fácil organizar uma defesa a favor de Arruda. Na avaliação dos deputados distritais alinhados com o governador, seria possível contar com três dos cinco votos da Comissão, enquanto a comissão especial seria composta por nove parlamentares e precisaria de cinco votos favoráveis para impedir que os processos avancem e cheguem ao plenário.

Ministério do Esporte convida Protógenes para assessorar Secretaria do Futebol

O delegado federal Protógenes Queiroz, da Polícia Federal, foi requisitado pelo ministro do Esporte, Orlando Silva, para assessorar a equipe do governo federal que será responsável pelas medidas de segurança para a Copa de 2014, no Brasil, e os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. Afastado de suas funções desde abril, Protógenes disse que aceitou o convite mas não soube confirmar quando assumirá o cargo, pois ainda precisa ser liberado pela Polícia Federal. E assim ficamos ficamos sabendo as razões de sua escolha para filiação ao PCdoB, ele estava buscando um "habeas corpus", uma cedência no serviço público para tentar contornar o processo que é movido contra ele dentro da própria Polícia Federal. "Assim que me liberarem, eu assumo, mas parece que a intensão da Polícia Federal é me prejudicar ao máximo", afirmou o fundamentalista delegado Protógenes Queiroz. Ele disse que integra a Comissão Permanente de Segurança em Estádios da Fifa e que também já coordenou duas operações na Polícia Federal envolvendo futebol: a Máfia do Apito, que fraudou 11 jogos do Campeonato Brasileiro de 2005, e a Operação Perestroika, que devassou a parceria MSI/Corinthians por crimes de lavagem de dinheiro. Protógenes Queiroz é criatura do delegado federal Paulo Lacerda, o qual é, por sua vez, criatura do senador paulista Romeu Tuma.

PMDB cobra declaração de Lula para desfazer mal-estar sobre escolha de vice

O PMDB cobra do presidente Lula uma manifestação pessoal para desfazer o mal-estar provocado pela sua declaração, feita na semana passada, de que os peemedebistas têm que indicar uma lista tríplice para que o PT escolha quem deve ser o candidato a vice da ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) em 2010. Apesar de Dilma Rousseff, do presidente do PT, deutado federal Ricardo Berzoini (SP), e de outros petistas terem entrado em campo para minimizar o mal-estar, a cúpula peemedebista continua à espera de uma declaração de Lula sobre o caso. O PMDB cobra que Lula telefone para o presidente licenciado do partido, deputado federal Michel Temer (SP), para se explicar sobre as suas declarações, o que não ocorreu até agora. O presidente designou emissários para apagar o incêndio junto ao PMDB, mas integrantes do partido não se mostraram satisfeitos com o gesto de aliados de Lula.

Espanha condena 11 terroristas pela ataque ao metrô de Barcelona

Um tribunal espanhol condenou nesta segunda-feira 11 homens acusados de pertencer a uma organização terrorista que teria planejado cometer um atentado suicida contra o metrô de Barcelona em 2008. A Audiência Nacional, principal instância penal espanhola, condenou os acusados a penas de oito a 14 anos e meio de prisão. Nove são de nacionalidade ou origem paquistanesa, e dois são indianos. Os homens, liderados pelo imã Maroof Ahmed Mirza, foram acusados de planejar ataques em Barcelona, a segunda maior cidade da Espanha, por ordem do grupo fundamentalista islâmico Taleban, no Paquistão, no que teria sido o primeiro ataque terrorista suicida na Espanha. O imã foi condenado a 10 anos e meio de prisão por fazer parte de uma organização terrorista na condição de líder, mas não pelo crime de conspiração para um atentado, apesar do pedido do procurador nesse sentido, e o absolveu da acusação de posse de explosivos. As maiores penas, 14 anos e meio de prisão, foram atribuídas a dois dos réus paquistaneses, Shaib Iqbal e Malik Qadeer, condenados por "posse ilegal de explosivos" e "participação em um grupo terrorista". Uma testemunha sob proteção, cuja delação permitiu a prisão em janeiro de 2008 dos 11 réus, disse que sua organização (a Al Qaeda) o enviou a Barcelona para participar dos ataques planejados após receber treinamento sobre manipulação de armas e explosivos em campos do Paquistão e Afeganistão.

José Dirceu afirma que Aécio Neves está praticamente fora da disputa

O ex-ministro José Dirceu (deputado federal petista cassado por corrupção) disse nesta segunda-feira que o governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), está praticamente fora da disputa pela Presidência da República nas eleições de 2010. Em seu blog, José Dirceu ressaltou que Aécio Neves e José Serra têm que cuidar da sucessão em seus respectivos Estados, "já que perder a Presidência e o governo significa estar fora da disputa em 2014". Para o ex-ministro, a decisão de Aécio Neves de sair da disputa coincide com o resultado da eleição para a escolha do presidente do Diretório Estadual do PT de Minas Gerais. Com apoio do ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel (PT), o deputado federal Reginaldo Lopes (PT-MG) venceu a eleição no Estado com 22.910 votos (52,4%). Pimentel é um dos pré-candidatos do PT a governador de Minas Gerais. "Pimentel, e Aécio sabe, é um candidato difícil de derrotar já que além dos votos petistas e de uma provável aliança com o PMDB, ele terá uma parcela significativa de eleitores que votaram no próprio Aécio em 2002 e 2006", escreveu José Dirceu no blog.

Chile é retirado da lista "cinzenta" dos paraísos fiscais

O Chile foi retirado da lista "cinzenta" dos paraísos fiscais, anunciou nesta segunda-feira a OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico) em comunicado, após o país ter aprovado uma lei que permite à administração fiscal ter acesso a informações bancárias. O governo de Santiago já havia assinado 12 convenções de troca de informações fiscais requeridas, mas deverá ainda "levantar as restrições legais" que põem entraves à sua aplicação, informou a OCDE. Após várias praças financeiras de envergadura, entre elas Suíça e Cingapura, o Chile torna-se o 16º país a deixar a lista de paraísos fiscais desde sua publicação em abril, durante reunião de cúpula do G20.

Justiça decide que Uniban deve abonar faltas e deixar Geisy fazer provas

A 9ª Vara Cível de São Bernardo do Campo (SP) decidiu nesta segunda-feira que a Uniban deve abonar as faltas da aluna Geisy Arruda, de 20 anos, hostilizada em outubro por usar um microvestido rosa, e permitir que ela faça as provas para concluir o semestre acadêmico. Na mesma ação foi solicitada uma liminar (decisão provisória) para que Geisy concluísse o curso de turismo. O advogado diz que ela já decidiu não continuar na Uniban, mas quer terminar o semestre para pedir transferência para outra universidade. Geisy não fez os exames porque a universidade não garantiu sua segurança.

Aécio Neves nega desistir de disputar a Presidência e diz que candidatura ao Senado não está definida

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), disse nesta segunda-feira que ainda não se definiu pela candidatura ao Senado nas eleições do próximo ano. Ele desmentiu informações publicadas na mídia, no final de semana, de que já teria comunicado ao comando do PSDB sua desistência de disputar a Presidência da República. Aécio Neves lembrou que, caso o PSDB não se defina até o mês que vem, vai disputar o Senado por Minas Gerais.

Vale vê cenário positivo para preço do minério em 2010

A tendência para os preços do minério de ferro em 2010 é de alta, mas ainda é cedo para avaliar o percentual que será obtido junto às siderúrgicas, afirmou nesta segunda-feira o presidente da Vale, Roger Agnelli. "Acho que vai ser um ano positivo e existe tendência de alta no preço do minério, mas o quanto eu não sei", disse o executivo. Segundo ele, será necessário aguardar um pouco mais, até início do próximo ano, para que mais informações sobre o estágio da indústria fiquem disponíveis e sirvam de base para a rodada de negociação com os representantes das siderúrgicas. Agnelli afirmou que existe um consenso no mercado de que haverá alta dos preços e acrescentou que a maior preocupação no momento para as mineradoras é o dólar.

Servidor protocola pedido de impeachment contra Arruda no Senado

O servidor público Altivo Fausto Martins protocolou nesta segunda-feira no Senado Federal pedido de impeachment contra o governador de Brasília, José Roberto Arruda. O servidor afirma que a legislação brasileira permite aos servidores federais apresentar ao Senado pedido de afastamento contra autoridades públicas que cometem crimes de responsabilidade. "Eu protocolei o pedido com base na lei 7.106 de 1986, que fala que qualquer cidadão pode denunciar o governador por crime de responsabilidade. Essa é uma lei mais nova que a de 1950, usada para formular os pedidos de impeachment do governador encaminhados à Câmara Legislativa do Distrito Federal", afirmou o servidor. É o primeiro pedido de impeachment contra Arruda encaminhado ao Congresso Nacional desde que episódio do mensalão do Distrito Federal veio à tona.

Vice-presidente José Alencar realiza nesta terça-feira sessão de quimioterapia em São Paulo

O vice-presidente da República, José Alencar (PRB), realiza nesta terça-feira sessão de quimioterapia no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ele trata um câncer na região abdominal, luta contra a doença há 12 anos e já passou por 15 cirurgias. José Alencar retomou as sessões de quimioterapia no início de setembro, pouco depois de exames terem demonstrado que os tumores abdominais haviam voltado a crescer. Por isso, interrompeu o tratamento experimental a que se submetia nos Estados Unidos. No mesmo mês, ficou internado por três dias após apresentar níveis baixos de hemoglobina, leucócitos e plaquetas.

Arquiteto Oscar Niemeyer completa 102 anos nesta terça-feira em plena atividade

O arquiteto Oscar Niemeyer completará 102 anos de idade nesta terça-feira, em plena atividade, depois de ter superado vários problemas de saúde que o obrigaram a submeter-se a duas cirurgias nos últimos meses. Niemeyer, que ainda trabalha em seu estúdio no bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro, não alterará sua rotina por causa do aniversário, pelo qual já começou a receber felicitações de diferentes partes do mundo. Nesta terça-feira, apesar da festa de aniversário, ele terá aula de filosofia, à tarde, com um professor particular. Oscar Ribeiro de Almeida de Niemeyer Soares Filho nasceu no Rio de Janeiro no dia 15 de dezembro de 1907 e, como arquiteto, sempre se caracterizou por ser um inovador nas formas arquitetônicas, com uma obsessão por dar curvas ao cimento, característica que o tornou um dos precursores da arquitetura moderna. "Quando me encomendam um edifício público, tento torná-lo lindo, diferente, que gere surpresa. Porque sei que os mais pobres não aproveitam nada, mas eles podem parar para vê-lo e ter um momento de prazer, de surpresa. É essa a forma como a arquitetura pode ser útil", explica o próprio arquiteto. Niemeyer admite que as curvas de seus edifícios tiveram como inspiração as montanhas do Rio de Janeiro e as formas do corpo feminino.

OAB recorre nesta terça-feira ao Supremo contra PEC dos Precatórios

A OAB vai recorrer nesta terça-feira ao Supremo Tribunal Federal contra a PEC que muda as regras para o pagamento dos precatórios. O texto permite a Estados e municípios retardar o pagamento e obter descontos de dívidas impostas pela Justiça, e determina prioridade para débitos de natureza alimentícia, em especial quando os titulares forem idosos e portadores de doença grave. A proposta foi aprovada na semana retrasada pelo Senado. Para o presidente nacional da OAB, Cezar Britto, ela constitui um "verdadeiro atentado à democracia", ao desrespeitar a coisa julgada e passar por cima das decisões transitadas em julgado no Judiciário. "Essa emenda, fruto da famigerada PEC do Calote, rasga o título que deveria ser o mais seguro para todos: a coisa julgada; ela transforma a sentença judicial em mercadoria podre", disse o presidente da OAB.

Bolivarianos chamam aviso de Hillary Clinton sobre relações com o Irã de agressão

A cúpula dos países pertencentes à Alba (Aliança Bolivariana para as Américas), que terminou nesta segunda-feira, em Havana, rejeitou "energicamente" as advertências da secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, sobre vínculos de alguns países com o Irã, por considerá-las "uma agressão" intolerável. O ditador da Venezuela, Hugo Chávez, leu para a imprensa parte da declaração acordada pelos nove membros da Alba, em sua 8ª Cúpula, na qual os países "rejeitaram as ameaças formuladas" por Hillary Clinton na sexta-feira. Na semana passada, Hillary havia advertido os países latino-americanos sobre as consequências de "flertar" com o Irã, o que, a seu ver, é má idéia. "As pessoas que quiserem flertar com o Irã deveriam saber quais podem ser as consequências e esperamos que pensem duas vezes", assinalou Hillary durante reunião no Departamento de Estado sobre a relação dos Estados Unidos e América Latina. Ela disse esperar que os países reconheçam que o Irã "é um dos maiores promotores e exportadores de terrorismo no mundo de hoje". Também fez um apelo firme aos líderes latino-americanos para que se mantenham no caminho da democracia, em óbvia ligação com a Venezuela e Bolívia, especialmente. O antiamericanismo foi uma das marcas do encontro. O presidente boliviano, o cocaleiro trotskista Evo Morales, pediu que os povos da América Latina estejam unidos e preparados para uma invasão ou uma agressão do "império" (Estados Unidos).

Deputada flagrada recebendo dinheiro diz que não tem medo de investigação

A líder do governo na Câmara Legislativa do Distrito Federal, deputada Eurides Brito (PMDB), afirmou nesta segunda-feira que não teme responder a processos por quebra de decoro parlamentar. Flagrada colocando dinheiro na bolsa em um dos vídeos da investigação do esquema de corrupção na base do governador José Roberto Arruda, a deputada disse que nem todos têm moral para propor a perda de mandato. "Eu, pessoalmente, sou a favor de que quando se tem uma dúvida, que se investigue sobre todos os canais. Agora, nem todas as pessoas têm moral para pedir abertura de processos. Que venha três, que venham dez processos, porque eu vou responder a todos", disse ela. A deputada afirmou que está tranquila para enfrentar os processos. "Estou bem, dormindo bem. O que me faz sofrer é não poder abrir a boca porque meu advogado recomendou não falar nada. É uma questão de ética com a Justiça, mas estou ansiosa para dizer tudo que tenho a dizer", disse ela.

Incra passa a emitir certificado de imóvel rural pela internet

A partir desta segunda-feira, o Incra passou a emitir pela internet o CCIR (Certificado de Cadastro de Imóvel Rural). Com isso, os empréstimos, negócios e transferências ligados a imóveis rurais poderão ser feitos com maior agilidade. O documento é exigido pela área de crédito dos bancos ou pelos serviços cartoriais que precisam da comprovação de dados do Sistema Nacional de Cadastro Rural. Até então, o certificado valia por três anos, mas será agora emitido anualmente, mediante o pagamento de taxa cadastral de R$ 1,40 para imóveis com área de até 20 hectares ou de R$ 30,00 para aqueles de 20 a 1000 hectares. Constam do sistema 6 milhões de imóveis rurais, a maioria situada no Sudeste e no Sul do País. O Incra gastava cerca de R$ 5 milhões em despesas com os Correios para enviar o documento aos proprietários de imóveis rurais, cujos endereços nem sempre estavam atualizados.

Aécio Neves defende ampla aliança em torno do PSDB e condena eleição plebiscitária

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), defendeu nesta segunda-feira a ampliação de uma aliança em torno do candidato do PSDB à Presidência da República nas eleições de 2010. Na avaliação dele, ainda há tempo para atrair partidos que hoje estão na base do governo do presidente Lula. "Acho que poderíamos atrair aliados que hoje estão na base de sustentação do presidente Lula, mas não estarão necessariamente na base de apoio a uma candidatura do PT. Então, eu acho que há espaço ainda para conversarmos com outras forças políticas exatamente com o objetivo de tirarmos da eleição esse caráter plebiscitário", afirmou o governador. Pré-candidato a presidente, Aécio Neves disputa com o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), a indicação do PSDB para concorrer em 2010.

Caixa Econômica Federal lança linha de crédito de R$ 1 bilhão para material de construção

A Caixa Econômica Federal lançou nesta segunda-feira uma nova linha de crédito de R$ 1 bilhão para financiamento de materiais de construção. O crédito será feito através da linha Crediário Caixa Fácil, que será contratado nas próprias lojas do setor. O valor máximo do financiamento será de R$ 10 mil e o prazo de pagamento de até 24 meses. O cliente poderá escolher a data de vencimento da primeira prestação em até 59 dias após a contratação, e o pagamento poderá ser feito por meio de boleto bancário ou débito em conta corrente. A linha terá taxas de juros prefixadas e flexíveis. Somados os recursos da linha com o disponível pelo Construcard, linha onde o cliente obtém junto à Caixa um cartão para realizar as compras de materiais de construção, o banco planeja financiar R$ 5 bilhões para o setor no próximo ano. Para poder oferecer a linha de crédito, as lojas precisam assinar convênios com a Caixa Econômica Federal.

Relator apresenta amanhã parecer final da CPI da Petrobras

O relator da CPI da Petrobras, senador Romero Jucá (PMDB-RR), deve apresentar nesta terça-feira o parecer final da comissão sobre irregularidades envolvendo a estatal. A CPI, presidida pelo senador João Pedro (PT-AM), ficou marcada como aquela que foi sem ter sido, devido ao total boicote promovido pelo PT, que impediu todas, absolutamente todas as iniciativas da oposição, de tal modo que a oposição abandonou a comissão acusando o governo de bloquear as investigações. O relator prometeu incluir no relatório final seis temas ligados à estatal, como a sugestão de um projeto para viabilizar a temporalidade do mecanismo utilizado pela Petrobras para realizar manobra contábil que reduziu o recolhimento de impostos e contribuições. "O projeto vai regular a medida provisória que trata de mudança na sistemática do Imposto de Renda. Vai ficar fixado que pode ocorrer em qualquer momento, desde que mantido por 12 meses.

JBS pretende emitir US$ 2 bilhões em debêntures conversíveis

O grupo JBS, maior processador mundial de carne bovina, informou nesta segunda-feira que pretende emitir debêntures no valor de US$ 2 bilhões. Segundo comunicado enviado ao mercado, as debêntures jamais serão pagas em dinheiro pela companhia e sim "mandatoriamente permutáveis por ações da emissão da JBS USA", a unidade do grupo nos Estados Unidos. A empresa informou que "o total da emissão de debêntures (US$ 2 bilhões) atende de maneira confortável a necessidade de capitalização da companhia (anteriormente estimada em US$ 2,5 bilhões)". A nota diz ainda que a empresa "está em fase adiantada de negociação com um investidor que pretende garantir a subscrição da totalidade das debêntures até o limite do valor em reais de US$ 2 bilhões". A empresa disse que espera que a definição da subscrição por esse investidor, cujo nome não foi revelado, aconteça "nos próximos dias". Com a operação, a totalidade dos debenturistas poderá vir a deter uma participação de no mínimo 20% e no máximo 25% do capital do JBS USA. O JBS USA também pretende fazer uma oferta pública inicial de ações de cerca de US$ 2 bilhões nos Estados Unidos, o que elevaria para US$ 4 bilhões o total levantado pela companhia, após grandes aquisições realizadas neste ano, no Brasil e Exterior (Bertin e Pilgrim's Pride, respectivamente). Os recursos oriundos da emissão de debêntures serão destinados à integralização do aumento de capital na JBS USA "com o objetivo de concluir a operação refletida no Stock Purchase Agreement pelo qual a JBS USA, através de subscrição de novas ações, tornar-se-á titular de ações representativas de 64% do capital social total e votante da Pilgrim's Pride Corporation".

Aneel decide sobre mudança em multas de distribuidoras nesta terça

A diretoria da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) vai votar nesta terça-feira a resolução que muda a forma com que as distribuidoras são punidas nos casos de interrupção no fornecimento de energia elétrica. A proposta é que elas repassem diretamente ao consumidor as compensações por falhas na distribuição de energia. A minuta da resolução determina que, caso seja violado o padrão mínimo de interrupções, a distribuidora deverá fazer o cálculo da compensação, de acordo com fórmula imposta pela Aneel, e descontar o valor na tarifa de luz do mês seguinte. Atualmente, uma multa é cobrada caso as metas não sejam cumpridas e depois recolhida pelo Tesouro Nacional. O dinheiro é destinado à execução de obras de desenvolvimento do setor energético. Nos casos em que a compensação for maior que a fatura do mês, o valor poderá ser parcelado em duas faturas. No caso de inadimplência do consumidor, o valor da compensação poderá ser utilizado para deduzir débitos vencidos.

OAB pede cassação de deputados distritais envolvidos no mensalão de Brasilia

Deputados distritais suspeitos de participação em um esquema de pagamento de propina e desvio de recursos públicos do Governo do Distrito Federal se tornaram nesta segunda-feira alvo de mais uma representação por quebra de decoro parlamentar. A OAB protocolou na Câmara Legislativa pedidos de cassação contra três dos oito parlamentares citados no inquérito do Superior Tribunal de Justiça que investiga o esquema de corrupção. A Mesa Diretora da Casa já havia representado contra os oito parlamentares. A entidade pede ainda que os distritais sejam impedidos de votar os processos de impeachment contra o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, acusado de participação no esquema, e que as sessões sejam abertas e acompanhadas pelo público. "É preciso fazer política com ética. Os mandatos estão incompatibilizados com a vontade popular e a compatibilização é o afastamento dos que estão em desacordo com a ordem pública", disse o presidente da OAB, Cesar Britto. A entidade representou contra o presidente licenciado da Câmara local, Leonardo Prudente (DEM), que se afastou do cargo por causa da denúncia; Júnior Brunelli (PSC), corregedor licenciado; e a líder do governo, Eurides Britto (PMDB). Contra Benício Tavares (PMDB), Rogério Ulysses (PSB), Roney Nemer (PMDB), Ayton Gomes (PMN) e Benedito Domingos (PP), a OAB deve protocolar representações ao longo da semana. Também são citados no inquérito os suplentes Berinaldo Pontes (PP) e Pedro do Ovo (PRP).

Polícia Federal deve pedir quebra de sigilos de envolvidos no mensalão de Brasília

A Polícia Federal deve encaminhar na quarta-feira ao ministro Fernando Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça, um relatório parcial com a análise do material apreendido na operação Caixa de Pandora, que investiga um esquema de corrupção no governo José Roberto Arruda, por meio de pagamentos a políticos aliados. O parecer deve sugerir a quebra de sigilos bancário e fiscal dos envolvidos, além da tomada de novos depoimentos. A Polícia Federal ainda analisa as imagens que foram repassadas pelo ex-secretário de Relações Institucionais e delator do esquema, o policial aposentado Durval Barbosa, que comprovariam o envolvimento do governador, de secretários de governo e deputados distritais, além de empresários. A perícia vai indicar se os vídeos foram manipulados e se essa possível alteração da cena é prejudicial ao processo. Após acertar a delação premiada com a Polícia Federal, em troca de redução de pena em condenações sofridas no governo Joaquim Roriz (PSC), Barbosa concordou em realizar escutas para provar o pagamento de propina para deputados do Distrito Federal. Ele fazia as escutas sozinhos, sem o acompanhamento de agentes.

Importações superam exportações em US$ 4 milhões na segunda semana de dezembro

O saldo da balança comercial (diferença entre as exportações e importações) registrou deficit de US$ 4 milhões na segunda semana de dezembro, o que significa que o Brasil importou mais do que exportou no período. A média diária foi negativa em US$ 800 mil. Segundo dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, no ano, o superávit acumulado é de US$ 23,57 bilhões. Na semana anterior, a balança havia tido superávit de US$ 376 milhões, com média diária de US$ 94 milhões. No mês, o saldo é positivo em US$ 372 milhões, com média diária de US$ 41,3 milhões. O superávit em dezembro até agora é menor do que o registrado em todo o mês de novembro, que foi de US$ 615 milhões e média diária de US$ 30,8 milhões. Em dezembro do ano passado, o saldo foi positivo em US$ 2,31 bilhões, com média diária de US$ 105,3 milhões. O superavit acumulado de janeiro a dezembro é 1,8% maior do que o registrado no mesmo período do ano passado, que foi de US$ 23,15 bilhões. As exportações no ano são de US$ 144,3 bilhões --média diária de US$ 609,1 milhões-- e as importações de US$ 120,7 bilhões --média diária de US$ 509,7 milhões.

Senado vai tentar votar amanhã entrada da Venezuela no Mercosul

O Senado vai tentar votar nesta terça-feira o protocolo de adesão da Venezuela ao Mercosul. Na semana passada, pela quinta vez consecutiva, a Casa adiou a votação do tema. Na ocasião, a oposição fez diversos discursos para atrasar a análise da matéria, por isso a base aliada decidiu votá-la nesta semana, sem direito a novos discursos da oposição. O processo de votação teve início, ao contrário das semanas anteriores, mas ainda assim a mobilização dos governistas não foi suficiente para garantir a aprovação do protocolo. Se for aprovado pelo Senado, o ingresso da Venezuela no bloco econômico ainda não estará garantido. O Paraguai não concluiu a análise do tema, o que atrasa as negociações.A oposição é contra o ingresso da Venezuela no Mercosul por considerar que o presidente do país, Hugo Chávez, coloca em risco a democracia no bloco econômico. O governo adiou a votação nas últimas semanas por não ter certeza da vantagem sobre a oposição. Os oposicionistas criticaram, em especial, o fato de Lula ter anunciado na semana passada que o Senado iria aprovar o ingresso da Venezuela no bloco econômico. O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), disse que o Mercosul será prejudicado por ações "chavistas" ao viabilizar o protocolo de adesão.

Países africanos abandonam negociação em Copenhague

Os países africanos, apoiados pelo grupo G77 de países em desenvolvimento, suspenderam a participação nesta segunda-feira em vários grupos de negociação na conferência sobre mudanças climáticas de Copenhague. A suspensão é um protesto, já que consideram que os países ricos estão em divergências a respeito do Protocolo de Kyoto, o único instrumento internacional atualmente existente para lutar contra o aquecimento global. O protocolo impõe obrigações às nações desenvolvidas ao mesmo tempo em que protege os países em desenvolvimento, que ficam desobrigados de reduções de emissões de gases-estufa. De acordo com o Protocolo de Kyoto, assinado em 1997, no Japão, e em vigor a partir de 2005, 37 nações industrializadas se comprometem a reduzir suas emissões de seis gases-estufa em 5,5% em relação aos níveis de 1990 até 2012. No entanto, os Estados Unidos, que não assinaram o acordo, dizem que ele é injusto por não obrigar a metas vinculantes a grandes países em desenvolvimento que já são grandes emissores de gases-estufa. "A África soou o sinal de alerta para evitar que o trem descarrile ao fim desta semana. Os países pobres querem um resultado que garanta importantes reduções das emissões. Os países ricos, no entanto, estão tentando atrasar as discussões sobre o único mecanismo que dispomos para isto, o Protocolo de Kyoto", afirmou Jeremy Hobbs, diretor-executivo da ONG Oxfam International.

Petistas acham que reação de Michel Temer a sugestão de Lula faz "parte do jogo"

Dirigentes do PT nacional e em São Paulo evitam dar declarações que possam aumentar o mal-estar com o PMDB, mas entendem que as ameaças veladas do presidente da Câmara dos Deputados, o deputado federal Michel Temer (PMDB-SP), que julgam ser "normais no jogo partidário", não põem em risco a disposição peemedebista para selar a aliança com a candidata petista Dilma Rousseff (ministra chefe da Casa Civil) na campanha de 2010. Reservadamente, porém, petistas avaliam que o grupo ligado a Temer foi crucial para Orestes Quércia se eleger com folga à presidência do PMDB paulista, impedindo que peemedebistas ligados ao PT chegassem à Executiva do partido. A atitude foi interpretada como resposta do peemedebista ao PT e ao presidente Lula, que sugeriu ao partido que preparasse uma lista tríplice para Dilma escolher o candidato a vice. "Temos que deixar a poeira baixar. Se uma altercação dessa for suficiente para romper a aliança PT-PMDB, então é porque a aliança não é importante", alfinetou o líder do PT na Câmara, deputado federal Cândido Vaccarezza (SP). Segundo o petista, o presidente Lula já reiterou diversas vezes que quer a parceria com o PMDB: "Eu mesmo já falei em várias oportunidades que o meu candidato a vice é o Temer". Disposto a arregimentar apoio de peemedebistas em São Paulo para Dilma Rousseff, o prefeito de Araraquara, Edinho Silva, eleito para a presidência do PT no Estado, afirma que "Temer precisa ser tratado como um líder político" que auxilia o governo Lula.

Governo Lula quer tirar dos Estados o controle das reservas de água

O governo Lula quer mudar o domínio sobre as águas subterrâneas, hoje nas mãos dos Estados, para a União. No centro da discussão estão a cobrança pelo uso da água, que começa a engatinhar no País, e o controle do aquífero Guarani. Considerado por especialistas uma das maiores reservas subterrâneas do mundo em volume de água, o aquífero tem uma área de 1,2 milhão de quilômetros quadrados e capacidade para abastecer de forma sustentável 400 milhões de habitantes por 2.500 anos. Pela legislação atual, toda cobrança pelo uso de águas subterrâneas cabe aos Estados, sem nenhum centavo para a União. Mas a PEC (proposta de emenda constitucional) nº 43, se aprovada, transfere a titularidade para a União.

José Alencar se diz preocupado com decisão que impõe censura à imprensa

O vice-presidente José Alencar se disse preocupado com a censura à imprensa. Sem comentar a censura imposta ao jornal "O Estado de S. Paulo", José Alencar defendeu a liberdade de expressão: "Não vou comentar o caso em si. Agora eu tenho preocupação quando há uma decisão que cerceia a liberade de imprensa. Tem uma frase antiga que diz que o preço da liberdade é a eterna vigilância. E um dos intrumentos mais importantes para a liberdade é a liberdade de imprensa. Isso fortaleve a própria democracia", afirmou ele. Desde 31 de julho deste ano o jornal "O Estado de S. Paulo" está sob censura.

Itamaraty reitera que golpista Zelaya fica na embaixada o quanto quiser

O Ministério das Relações Exteriores afirmou na sexta-feira que o presidente deposto de Honduras, o golpista Manuel Zelaya, pode ficar na embaixada brasileira quanto tempo for necessário e negou que o Brasil tenha dado um prazo para a saída dele da representação diplomática. Na última quinta-feira, o encarregado de negócios da embaixada do Brasil em Tegucigalpa, Francisco Catunda, disse que, após o término oficial do mandato de Zelaya como presidente, em 27 de janeiro, ele teria de sair da embaixada. Essa informação, porém, foi negada nesta sexta-feira pelo porta-voz do Itamaraty que acompanhou o chanceler Celso Amorim e o presidente Lula em sua viagem ao Peru. "Não procede essa informação", disse um assessor de imprensa do Itamaraty por telefone: "Essa nunca foi a posição brasileira. Não foi dado um prazo para o Zelaya sair da embaixada". Zelaya está abrigado na embaixada do Brasil em Tegucigalpa desde setembro, quando retornou ao país clandestinamente.

José Alencar diz que tumores tiveram nova redução e admite sair candidato ao Senado

O vice-presidente José Alencar disse na sexta-feira que novos exames mostraram que os tumores que possui na região abdominal sofreram nova redução. Segundo ele, os resultados são surpreendentes e podem ser considerados como uma vitória. "Os tumores já reduziram pela metade. Isso é uma vitória. Se continuar caindo, daqui a pouco vamos colocar o verbo no passado, havia um câncer no Zé Alencar", disse ele. Contente com os resultados, José Alencar admitiu a possibilidade de sair candidato ao Senado nas eleições de 2010. "Se eu estiver curado e as lideranças quiserem, e povo também, saio candidato". O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ), que acompanhava José Alencar, disse que o vice-presidente poderá estar curado em janeiro se continuar nesse ritmo. José Alencar afirmou que mudou o tratamento quando exames mostraram que a técnica experimental usada nos Estados Unidos não estavam fazendo efeito: "Comecei esse tratamento com quimioterapia depois do experimento em que fui cobaia nos Estados Unidos e não deu certo. Então voltamos a esse quimioterapia em primeiro de setembro".

Brasileiro Di Grassi confirma estréia na F-1 em 2010 e deve ser anuciado pela Virgin

O piloto brasileiro Lucas di Grassi afirmou na sexta-feira que estreará na temporada 2010 da F-1, provavelmente pela novata equipe Virgin (ex-Manor), tornando-se assim o quarto brasileiro no grid. O anúncio oficial deve ocorrer nesta terça-feira. Apesar de não revelar o nome da equipe que defenderá, Di Grassi fez vários elogios à Virgin e disse que esta escuderia será a melhor das estreantes na próxima temporada. Também ingressarão na categoria a Campos, US F1 e Lotus. "Para entrar na F-1 tem que ser escolhido, e fui escolhido por uma equipe que eu acho que vai ser um sucesso e vai se dar muito bem. Graças a Deus eu cheguei lá", disse Di Grassi. "Acho que a Virgin é a melhor das estreantes. Conversei com todas as quatro e acho que dessas a Virgin é a que tem melhor estrutura para estar bem na F-1", continuou. Em novembro, John Booth, dono da equipe Virgin, disse à revista "Autosport" que o brasileiro seria perfeito para a vaga e que anunciaria o nome do segundo piloto em 15 dias.

Vice-presidente José Alencar diz que nível de investimento é principal notícia no PIB do terceiro trimestre

O vice-presidente José Alencar afimou na sexta-feira que o número mais importante para o Brasil dentro do divulgado no PIB no terceiro trimestre foi o da taxa de investimento, e deu pouca atenção para o crescimento do País em si. O IBGE divulgou na semana passada que o PIB brasileiro no trimestre passado teve crescimento de 1,3%, ficando abaixo das previsões do ministro da Fazenda, Guido Mantega, na casa dos 2%. Porém, a formação bruta de capital fixo, número que aponta o nível de investimento no setor produtivo, teve alta de 6,5%, o segundo avanço seguido e o maior desde o primeiro trimestre de 2006. "Essa coisa de ficar planejando o PIB a 2%, 1,5% ou 2,2% não é importante. O que é importante é que está acontecendo neste momento um grande volume de investimentos na área produtiva do Brasil, o que assegura crescimento de produção para o próximo exercício, assim como tem assegurado a geração de oportunidades de trabalho para os brasileiros", disse José Alencar após participar de um evento no Rio de Janeiro.

Advogado pede cassação de licença dos pilotos norte-americanos envolvidos em desastre da Gol

O advogado Dante D'Aquino, representante da Associação dos Parentes e Amigos das Vítimas do Vôo 1907, pediu a cassação da licença dos dois pilotos norte-americanos envolvidos no desastre com o avião da Gol e um jato Legacy, em 2006, quando 154 pessoas morreram. Segundo o advogado, que também é assistente do Ministério Público Federal no processo que investiga as causas do acidente, o documento possui mais de 200 assinaturas de apoio da Câmara e do Senado brasileiros, e pede que a licença de vôo dos dois pilotos seja cassada até o fim dos processos criminais que estão em andamento no Brasil. O documento foi entregue na última quarta-feira para representantes da FAA (Federal Aviation Administration) e da NTSB (National Transportation Safety Board), além da embaixadora brasileira nos Estados Unidos, Gisela Padovan. D'Aquino se encontrou ainda com senadores e deputados da Comissão de Viação e Transporte dos Estados Unidos. De acordo com a associação, o pedido tem como base outros casos de suspensão de pilotos pelo governo norte-americano, por ficarem como o equipamento de comunicação da aeronave desligado. O Boeing da Gol que fazia o vôo 1907 ia de Manaus (AM) para o Rio de Janeiro, com previsão de fazer uma escala em Brasília (DF). Ao sobrevoar a região Norte do País, ele bateu no Legacy da empresa de táxi aéreo norte-americana ExcelAire. Os destroços do Boeing caíram em uma mata fechada, a 200 quilômetros do município de Peixoto de Azevedo (MT). Mesmo avariado, o Legacy, que transportava sete pessoas, conseguiu pousar em segurança em uma base na serra do Cachimbo (PA). Todos os ocupantes do avião da Gol morreram.

Lula é escolhido personagem do ano pelo jornal "El País"

O presidente Lula foi escolhido personagem do ano pelo jornal espanhol "El País" e qualificado pelo líder do governo da Espanha, o esquerdista José Luis Rodríguez Zapatero, como um "homem cabal e tenaz", em um artigo publicado na quinta-feira no site do diário. O perfil de Lula fará parte de um suplemento especial elegendo "Os 100 do Ano" entre homens e mulheres ibero-americanos que marcaram 2009. O artigo foi publicado pelo "El País" neste domingo, mas foi antecipado por sua versão digital. O encarregado de traçar o perfil do presidente brasileiro foi Zapatero, que lembra que o conheceu em setembro de 2004, após a incorporação da Espanha à Aliança Contra a Fome, liderada pelo presidente brasileiro, em uma cúpula organizada pelas Nações Unidas em Nova York. "A ocasião não podia ter sido melhor", diz. Após lembrar suas modestas origens, Zapatero destaca que, pelas mãos de Lula, "seguindo o caminho aberto por seu antecessor, Fernando Henrique Cardoso, o Brasil, em apenas 16 anos, deixou de ser o país de um futuro que nunca chegava para se transformar em uma formidável realidade, com um brilhante porvir e uma projeção global e regional cada vez mais relevante".

Produtora do programa do ex-deputado Wallace Souza é presa em Manaus

A produtora de televisão Vanessa Lima foi presa na tarde da última quinta-feira, em Manaus (AM), sob acusação de associação para tráfico de drogas. Ela trabalhava no programa de TV "Canal Livre", apresentado pelo ex-deputado Wallace Souza, e era procurada pela polícia. O mandado de prisão contra Vanessa foi expedido na quarta-feira pelo juiz Mauro Antony, da 2ª Vara Especializada em Crimes de Uso e Tráfico de Entorpecentes. Ela era a responsável pelo programa apresentado pelo ex-deputado e seu irmão, vice-prefeito de Manaus (AM), Carlos Souza (PP), que exibia crimes encomendados pelo ex-deputado para aumentar a audiência. A produtora se apresentou na Delegacia Geral de Polícia Civil e foi encaminhada para a cadeia feminina de Manaus. O vice-prefeito de Manaus (AM), Carlos Souza (PP), foi preso na última quarta-feira, também acusado de associação ao tráfico de drogas. O programa de TV foi transmitido por 19 anos na TV Rio Negro (Bandeirante). A Assembléia Legislativa do Amazonas cassou o mandato de deputado de Wallace por quebra de decoro parlamentar, e o PP o expulsou do partido.

Ex-ministro Jamil Haddad morre no Rio de Janeiro aos 83 anos

O ex-ministro da Saúde e presidente de honra do PSB, Jamil Haddad, morreu na madrugada de sexta-feira, aos 83 anos, no Rio de Janeiro. Ele foi vítima de infarto. Seu enterro ocorreu no sábado. Médico formado pela Universidade do Brasil (atual UFRJ) em 1949, com especialização em ortopedia, ele ingressou na vida política em 1966, quando foi eleito deputado estadual pelo então Estado da Guanabara, na coligação formada pelo PSB e PTB. Em 1965 filiou-se ao MDB. Reelegeu-se deputado estadual em 1966, mas, no ano seguinte, teve seu mandato cassado e os direitos políticos suspensos por dez anos. Com a reorganização partidária de 1979, participou da fundação do PTB, depois PDT. Em março de 1983 foi escolhido, pelo então governador Leonel Brizola, para assumir a prefeitura do Rio de Janeiro. Dois anos depois, em 1985, participou da reorganização do PSB, tendo sido eleito seu presidente. Em 1986, Haddad assumiu a vaga deixada por Saturnino Braga no Senado. Em 1990 foi eleito deputado federal, chegando a assumir depois o Ministério da Saúde no governo Itamar Franco (1992-1995). Em 2003, já no governo Lula, assumiu a direção geral do Inca (Instituto Nacional de Câncer), cargo que ocupou durante cinco meses, sendo exonerado por pressões políticas.

Agência Internacional de Energia diz que demanda mundial por petróleo vai acelerar em 2010

O crescimento da demanda mundial por petróleo vai acelerar no próximo ano à medida que o mundo se recupera da desaceleração econômica, informou a IEA (Agência Internacional de Energia) na sexta-feira. Segundo a instituição, a demanda global por petróleo vai subir em 2010 quase 1,5 milhão de barris por dia, ou 1,7%, para 86,3 milhões de barris diários, e a taxa do crescimento da demanda também deve subir. O relatório mensal da AIE elevou sua estimativa para o crescimento da demanda por petróleo para 2010 comparado com 2009 em 120 mil de barris por dia, afirmando que o aumento do consumo de combustível está sendo conduzido por países como Índia e China, e também pelos países industrializados ricos do Ocidente.

Reeditado livro póstumo de Gilberto Freyre sobre moda

A moda continua passando ao largo das preocupações dos principais intelectuais brasileiros. Uma exceção à regra é Gilberto Freyre. Nos seus principais trabalhos, como "Casa Grande & Senzala", "Sobrados e Mocambos" e "Ordem e Progresso", o sociólogo dedicou relevante espaço à análise dos hábitos relacionados às roupas e às mudanças na vestimenta no Brasil, dos tempos da Colônia aos da República. Não satisfeito, Gilberto Freyre (1900-1987) empreendeu, já no final da vida, a redação de um livro inteiro sobre o tema, "Modos de Homem & Modas de Mulher", publicado postumamente em 1987. A obra, que se encontrava esgotada, ganhou agora uma segunda edição, revista, pela editora Global, com introdução da historiadora Mary del Priore. É uma leitura fundamental para quem se interessa por moda e também pelo Brasil. A história social e cultural do País está sempre no foco dos 95 pequenos ensaios e comentários que compõem o livro, todo ele construído em uma forma ousada: o final de um texto sempre incita o autor a desenvolver o texto seguinte, uma idéia puxando a outra idéia. Em vôos não cronológicos, Gilberto Freyre percorre os tempos coloniais para falar da herança negra nas vestimentas e dos laços do Brasil com o Oriente (sobretudo a Índia), de onde viria o gosto das brasileiras pelas roupas de cores vivas. Atravessa o Império para demonstrar como a europeização do País espalhou tons escuros e silhuetas pesadas nos salões das elites, um estilo bastante "antiecológico", ele diz, por contrariar o clima tropical. Avança ao Segundo Reinado e ao fim da escravidão, para tratar das roupas de Pedro 2º e das bonecas loiras trazidas da Europa, que impregnaram a cabeça das meninas ricas brasileiras de "racismo" e sonhos de loirice. Daí a mania (que se mantém até hoje) de pintar os cabelos e esconder a "morenidade". O sociólogo e antropólogo também aborda o modernismo nas artes e na arquitetura, no qual ele vê uma inspiração para a própria moda brasileira sair da fase imitativa dos modelos europeus e desenvolver trajeto inédito. Para ele, a moda nacional já possui um rico repertório de referências, em boa parte, de origem popular, africana e indígena, que favorece a criação de estilos singulares. Uma infinidade de outros assuntos passam pela pena de Gilberto Freyre. Ele escreve sobre a liberação sexual e as conquistas profissionais das mulheres, a luta contra o envelhecimento, o fenômeno Sonia Braga, as roupas de luto, os tipos de penteados e calçados, os trajes das mulheres proletárias e o gosto brasileiro pelas ancas largas e as "protuberâncias".

LAN houses e residências superam locais de trabalho no acesso à web no Brasil

Uma pesquisa divulgada pelo IBGE na sexta-feira mostra que as LAN houses e residências superam locais de trabalho no acesso à web no Brasil, devido ao aumento de renda. Segundo o estudo, em 2008, os acessos foram feitos, principalmente, de casa (57%), das LAN houses (35,2%) e do trabalho (31%). Em 2008, 47,5% das 56 milhões de pessoas que se conectaram à web disseram ter acessado a rede em mais de um local. Em 2005, o ambiente doméstico já estava em primeiro lugar no acesso à web, mas o local de trabalho estava na segunda posição do ranking, seguido pelas lan houses. O levantamento aponta também que a dependência do computador na escola caiu: de 25% dos acessos para 17%; do trabalho, de 40% para 31%. Já 80% dos acessos à internet de casa são por meio de banda larga, o dobro do que se verificava em 2005. O estudo faz parte da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) 2008 sobre acesso à internet e posse de telefone móvel celular para uso pessoal.

Acesso à internet aumenta 75,3% entre 2005 e 2008

O percentual de brasileiros de dez anos ou mais que acessaram a internet por meio de computador ao menos uma vez aumentou 75,3% e passou de 20,9% para 34,8% entre 2005 e 2008, o que equivale a 56 milhões de usuários. Os dados foram divulgados na sexta-feira pelo IBGE. O aumento no acesso à internet ocorreu tanto entre os homens (de 21,9% em 2005 para 35,8% em 2008) como entre as mulheres (de 20,1% para 33,9%). Os jovens são a maioria dos usuários. O maior percentual foi registrado na faixa etária entre os 15 e os 17 anos (62,9%). Entre pessoas com 50 anos ou mais o percentual diminuiu para 11,2%. De acordo com o Suplemento da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) 2008 sobre Acesso à Internet e Posse de Telefone Móvel Celular para Uso Pessoal, as regiões Sudeste (40,3%), Centro-Oeste (39,4%) e Sul (38,7%) registravam os maiores percentuais de usuários, e as regiões Norte (27,5%) e Nordeste (25,1%), os menores. Entre os Estados, Distrito Federal (56,1%), São Paulo (43,9%) e Rio de Janeiro (40,9%) tinham os maiores percentuais de pessoas que acessaram a internet.

Agência reduz preço do gás natural em São Paulo

O preço do gás natural distribuído pelas três concessionárias responsáveis pelo abastecimento no Estado de São Paulo foi reduzido a partir da última sexta-feira. A Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo) informou que o corte do preço na área de concessão da Gás Brasiliano ocorreu devido à conclusão da revisão tarifária. Na área atendida pela companhia, a redução alcançou até 30% em alguns mercados. No residencial, a redução foi de 28%; na indústria, entre 14% e 32%. Nos casos da Comgás, maior distribuidora do País, e da Gás Natural São Paulo Sul, a razão para o corte teve outro motivo. As duas distribuidoras tiveram redução das tarifas depois da queda do dólar e dos efeitos financeiros observados com a compra de gás mais barato nos leilões feitos pela Petrobras. Segundo a Arsesp, a Comgás reduziu o custo de aquisição do gás da Petrobras em 8% e a Gás Natural São Paulo Sul conseguiu uma redução média de 10,05%. O efeito tarifário, entretanto, será menor e restrito a três mercados. Só os consumidores industriais, comerciais e de GNV sentirão os benefícios.

Importação de minério de ferro pela China cresce 12,3% em novembro

As importações de minério de ferro pela China em novembro subiram 12,3% em relação ao mês anterior e alcançaram 51,07 milhões de toneladas, mas a produção de aço recuou no período em meio a uma desaceleração da indústria para o inverno, mostraram dados oficiais divulgados na sexta-feira. Apesar de a produção de aço bruto ter caído 8,7%, para 47,26 milhões de toneladas, as importações de minério continuaram fortes, com as usinas buscando refazer seus estoques. Uma das fontes disse que a maior parte das usinas gosta de ter 40 dias de estoques, mas uma forte produção de aço significa que elas têm agora cerca de 20 dias. Analistas disseram que apesar da queda sazonal na demanda de aço, o aumento nos volumes de importação de minério de ferro em novembro era esperado. As importações de minério de ferro em outubro foram de 45,47 milhões de toneladas, queda de quase 30% em relação ao recorde de setembro de 64,55 milhões de toneladas, com analistas cautelosos quanto a uma possível queda na produção de aço nos últimos meses do ano. O governo chinês demonstrou preocupação de que o alto volume de importação de minério de ferro neste ano tenha sido causado por atividades especulativas no mercado do aço.

Fernando Henrique Cardoso diz que Dilma Rousseff ainda não existe, que é candidata de Lula

Candidata petista à sucessão presidencial, a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) não decola nas pesquisas porque não existe de fato, sua candidatura é uma decisão tomada unilateralmente pelo presidente Lula. A opinião é do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Para ele, Dilma Rousseff "é candidata de Lula, ainda não é do partido, porque Lula nunca perguntou ao PT e nem mesmo a ela, ele decidiu. Então, para a opinião pública, quem existe até agora é Lula, não uma candidata". Fernando Henrique Cardoso, em Washington, comentou ainda sobre a capacidade de Lula de transferir votos para Dilma Rousseff: "Mas ele já fez isso! Ela não tinha nada, zero, nunca teve posição política, nunca foi candidata, ninguém a conhece".

Presidente do Magazine Luiza diz que perda de controle da Casas Bahia surpreendeu

Para Luiza Helena Trajano, presidente do Magazine Luiza, que deve faturar R$ 3,8 bilhões neste ano, a união entre Casas Bahia e Pão de Açúcar foi "uma atitude audaciosa" e "a surpresa foi a Casas Bahia perder o controle" da nova empresa que uniu as famílias Klein e Diniz. D. Luizinha, como é conhecida no mercado, afirma que a sua rede "não foi procurada" por grupos interessados em unir operações e que 2010 será um "ano em que focará a expansão orgânica e que a rede estará aberta a aquisições e fusões, principalmente com a entrada de R$ 250 milhões do alongamento da nossa sociedade com o Itaú/Unibanco".

TV pública digital terá licitação internacional

A direção da EBC (Empresa Brasil de Comunicação) anunciou a empresários que abrirá licitação internacional para construir a rede de transmissão nacional da TV digital pública. Empresários calcularam que a rede deve custar ao menos US$ 300 milhões (cerca de R$ 510 milhões). O modelo previsto é o de PPP (Parceria Público-Privada). A EBC fará licitação internacional para escolher a empresa ou o consórcio que construirá a infraestrutura de transmissão e ela pagará ao empreendedor pela transmissão dos canais públicos. A remuneração terá uma parcela fixa e outra variável, que dependerá da qualidade do serviço prestado. Interrupções na transmissão serão descontadas no pagamento. Até o final do mês, a EBC colocará a proposta de edital de licitação em consulta pública. Depois disso, o edital será examinado pelo Tribunal de Contas da União. A EBC espera lançar a licitação no final de abril e quer que os sistemas de transmissão de São Paulo e Belo Horizonte sejam inaugurados ainda no governo Lula. O edital dará a estimativa do governo para os valores a serem investidos. O modelo de rede de transmissão terceirizada proposto pela EBC foi baseado em outros países, como Japão, França e Espanha. A japonesa Marubeni e o grupo francês TDF, que têm redes de transmissão de radiodifusão em seus países, participaram da reunião com a EBC, na sede do BNDES. O banco financiará o vencedor da licitação na compra de equipamentos e serviços produzidos no Brasil, e informou às empresas que os empréstimos podem chegar a 80% do valor do projeto.

Embraer faz acordo de até US$ 2,2 bilhões para financiamento na China

A Embraer anunciou na última quinta-feira que assinou um memorando de entendimento com a chinesa CDB Leasing para financiamento e leasing de aeronaves que pode alcançar até US$ 2,2 bilhões nos próximos três anos. O acordo tem como objetivo aumentar oportunidades de aquisição de aeronaves da Embraer dentro da China e no Exterior, focado no desenvolvimento da aviação regional na China. A CDB Leasing é a maior companhia financeira de leasing mantida pelo China Development Bank, e uma das mais importantes instituições internacionais de financiamento de aviação, afirma a fabricante brasileira de aviões. O acordo permite à CDB Leasing oferecer financiamento a companhias aéreas e também pode permitir à instituição considerar a compra direta de aeronaves da Embraer para leasing. "Em qualquer um dos casos, a Embraer indicará possíveis clientes para o CDB Leasing", informa a empresa brasileira. Na última quarta-feira o BNDES informou que ampliará em 2010 pelo segundo ano seguido sua participação no financiamento de vendas de aviões pela Embraer. Para o próximo ano o presidente-executivo da empresa, Frederico Curado, calcula que o BNDES financiará cerca de 60% dos aviões que forem entregues a clientes no segmento de aviação comercial. Com base nas projeções de receita para o próximo ano, de pouco menos de US$ 5 bilhões, sendo três quintos disso com aviões civis, chega-se a um total de quase US$ 1,8 bilhão em desembolsos pelo BNDES a clientes da Embraer nos próximos 12 meses.

Jornal Estadão vai recorrer de decisão "frustrante" do Supremo de manter censura

O diretor de Conteúdo do Grupo Estado, o jornalista Ricardo Gandour, considerou "frustrante" a decisão do Supremo Tribunal Federal, que "deu um passo atrás" ao tratar apenas da "tecnicalidade" da reclamação, e decidiu manter a censura ao jornal "O Estado de S. Paulo". A empresa vai recorrer por meio de um recurso extraordinário que já tramita no Superior Tribunal de Justiça. "Nos preocupam os sinais que o Supremo pode emitir para o País. Nós entendemos que a liberdade de imprensa é um direito absoluto. Os veículos devem ser acionados pelo que publicam, e não impedidos de publicar", disse Gandour. Segundo ele, o Supremo "mais uma vez postergou a decisão, e o tempo jornalístico é fundamental". "A nossa preocupação não é com o "caso do Estado" em si, mas com o alcance para a imprensa e democracia", disse ele. "Embora a corte não tenha entrado no mérito, nas discussões o mérito acabou sendo tangenciado. O Supremo deu um passo atrás. Julgou o pedido não pertinente, em face do acórdão que terminou com a Lei de Imprensa", afirmou. O diretor-executivo da Associação Nacional de Jornais, Ricardo Pedreira, disse que a expectativa da entidade é que o Superior Tribunal de Justiça revogará a censura ao jornal "O Estado de S.Paulo", quando julgar dois recursos oferecidos pela empresa. A decisão do Supremo neste caso não tem outro nome. Trata-se da "chavização" da Justiça brasileira em curso.

Sarney diz que decisão do Supremo sobre censura a jornal deve ser respeitada

Ao retomar os trabalhos no Senado na sexta-feira, depois de dez dias afastado por licença médica, o presidente da Casa, senador José Sarney (PMDB-AP), disse que a decisão do Supremo Tribunal Federal de manter a censura ao jornal "O Estado de S. Paulo" deve ser respeitada. A ação para impedir o jornal de publicar notícias da Operação Boi Barrica (rebatizada de Faktor) foi movida por Fernando Sarney, filho do presidente do Senado. "Decisão do Supremo a gente deve sempre respeitar. Vou repetir o que vocês já ouviram da minha parte, o País entregou ao Supremo a guarda da Constituição. E a Constituição eles têm a delegação do povo brasileiro para interpretar", disse Sarney. Fernando Sarney entrou com a ação depois que o jornal divulgou trechos de gravações telefônicas, captadas pela Polícia Federal, em que ele conversava com o pai sobre a nomeação do namorado de uma de suas filhas para o Senado.