sábado, 8 de novembro de 2008

PT defende punição de torturadores da ditadura e dá apoio a ministros

O Diretório Nacional do PT, que se reuniu nesta sexta-feira, anunciou que considera que a Lei da Anistia de 1979 não deveria beneficiar quem cometeu crimes de tortura durante a ditadura militar. Em nota, o partido reafirmou resoluções sobre os direitos humanos aprovados no 3º Congresso Nacional do PT, realizado em 2007, que diziam que os crimes contra a humanidade não prescrevem. Os petistas, no entanto, deixaram claro que defendem que a Justiça deve dar a palavra final sobre assunto. "O PT também defende que a punição aos violadores de direitos humanos é tarefa da Justiça brasileira. Para o PT, o governo brasileiro deve repudiar a tortura, mas cabe ao poder Judiciário pronunciar-se sobre a matéria, de acordo com os princípios de direito reconhecidos universalmente". O diretório também aprovou uma nota em defesa dos ministros Tarso Genro (Justiça) e Paulo Vannuchi (Direitos Humanos), que sugeriram revisões na Lei de Anistia. Para o partido, as críticas aos dois caracterizaram "ataques difamatórios feitos por setores conservadores e antidemocráticos".

PT marca para novembro de 2009 eleições para decidir nova direção do partido

O Diretório Nacional do PT aprovou nesta sexta-feira a manutenção da data de 22 de novembro de 2009 para a realização das eleições diretas internas do partido. A aprovação consagra a vitória do grupo do atual presidente do partido, deputado federal Ricardo Berzoini (PT-SP). A data de novembro de 2009 já havia sido definida no ano passado durante o 3º Congresso Nacional do PT. No mesmo congresso ficou decidido que os mandatos dos que integram a direção do partido terá dois anos de duração. A decisão foi definida durante a reunião do Diretório Nacional do PT, integrado por 81 membros, que tem debates marcados para hoje e amanhã em Brasília. Também ficou definido que, em fevereiro de 2010, será convocado o 4º Congresso Nacional do PT para discutir as linhas programáticas do partido. Às vésperas das eleições de novembro de 2009, as principais correntes do PT deverão lançar nomes para a sucessão de Berzoini. Os pré-candidatos são o chefe-de-gabinete do presidente Lula, Gilberto Carvalho, que representa a maior corrente interna (“Construindo um Novo Brasil”); Valter Pomar, da linha Articulação de Esquerda, e Jilmar Tatto, da ala Lutas e Massas (grupo da ricaça petista Marta Suplicy), além do atual secretário-geral do PT, José Eduardo Cardozo.

Aécio Neves comenta convite para ingressar no PMDB e diz que está "muito bem" no PSDB

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), afirmou nesta sexta-feira que está "muito bem" no PSDB, ao comentar o convite para se filiar ao PMDB para disputar a Presidência em 2010. "Quero dizer que estou muito bem aonde estou, no PSDB." Aécio Nevesadmitiu, no entanto, que hoje ninguém governa o Brasil sem a participação do PMDB. "Eu tenho uma relação com o PMDB histórica, tradicional, e acho que ninguém hoje governa o Brasil sem a participação do PMDB. Vejo isso muito mais como uma homenagem a mim do que algo que possa ser realmente concretizado. Estou muito bem aonde estou e acho que devemos trabalhar todos para termos também uma parceria mais próxima com o PSDB”, disse ele. A frase quer dizer exatamente o contrário: ele está armando sua passagem para o PMDB, para poder concorrer à presidência da República, porque percebe que, no PSDB, o candidato é José Serra. Político fala sempre ao contrário.

Ministro Gilmar Mendes diz que descumprimento de decisões do STF é o princípio do "estado anárquico"

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, criticou nesta sexta-feira o fato de o Poder Judiciário descumprir decisões da Suprema Corte. Segundo ele, há mecanismos jurídicos para recorrer das decisões para que não se crie o que chamou de "estado anárquico". "Se algum juiz começar a engendrar desta forma, de descumprir decisão, ele vai ter dificuldade de fazer cumprir suas próprias decisões junto ao delegado, ao policial. Imagina o juiz federal que tiver que cumprir o mandado lá no Forte Apache? Na verdade, estamos criando o germe de um estado anárquico", disse o ministro antes de participar do 33º Simpósio Nacional de Direito Tributário, realizado pelo Instituto Internacional de Ciências Sociais, em São Paulo. Na quinta-feira, durante julgamento do mérito do habeas corpus concedido por Gilmar Mendes a Daniel Dantas, do Grupo Opportunity, os ministros do Supremo criticaram o juiz federal Fausto De Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo. Foi o magistrado que mandou prender o banqueiro após Gilmar Mendes conceder a liberdade. Apesar de dizer que estava falando "em tese", e não em um caso específico, Mendes disse que o descumprimento de decisões é o início de um "estado de balbúrdia". Porém, sobre o caso De Sanctis, o ministro disse que houve um "claro descumprimento" de sua decisão.

Ford tem prejuízo de US$ 129 milhões durante o terceiro trimestre

A Ford Motor anunciou nesta sexta-feira que teve um prejuízo de US$ 129 milhões durante o terceiro trimestre do ano e que será obrigada a reduzir seus custos trabalhistas diante da diminuição das vendas de automóveis no mundo todo. A Ford informou também que reduzirá 10% das despesas de pessoal de escritório nos Estados Unidos. Na segunda-feira, a empresa informou que registrou uma queda de 30% (para 132.248 veículos leves) em suas vendas no mês passado. Outras montadoras nos Estados Unidos tiveram quedas de vendas: a japonesa Toyota registrou um declínio de 23% (foram 152.101 unidades de veículos leves) em relação ao mesmo mês de 2007. As vendas da Chrysler recuaram 24,5%; da Mercedes, 34,3%; e da Porsche, 50,1%. A General Motors registrou uma queda de 45% em suas vendas nos Estados Unidos em outubro, considerado o "pior mês" para suas atividades nos últimos 25 anos”.

Lucro da British Airways cai 92% no "semestre mais fraco da história"

A companhia aérea britânica British Airways anunciou nesta sexta-feira uma queda de 92% em seus ganhos semestrais devido "a condições incrivelmente difíceis na Bolsa" e aos elevados custos com combustível. Ao publicar seus resultados provisórios correspondentes aos últimos seis meses até o fim de setembro, a companhia informou que o lucro caiu para 52 milhões de libras (US$ 82 milhões de dólares) contra os 616 milhões de libras (US$ 972 milhões) do mesmo período de 2007. A companhia registrou uma perda líquida de 42 milhões de libras (US$ 66 milhões) nos seis meses que terminaram no fim de setembro e disse que o número de passageiros caiu quase 4%.

STJ rejeita recurso de dirigente do BMG investigado no mensalão mineiro

O Superior Tribunal de Justiça negou o recurso apresentado pelo presidente do banco BMG, Ricardo Annes Guimarães, para revogar a quebra de seu sigilo fiscal e bancário determinada pela Justiça Federal e mantida pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região. Ricardo Annes Guimarães é um dos réus do processo que tramita na Justiça Federal em Belo Horizonte por envolvimento com o mensalão mineiro, também operado pelo publicitário Marcos Valério.

ANP diz que blocos do pré-sal têm até 80 bilhões de barris de petróleo e gás

O diretor-geral da ANP (Agência Nacional de Petróleo), Haroldo Lima, estimou nesta sexta-feira que as reservas dos blocos já leiloados na área do pré-sal têm, no mínimo, 50 bilhões de barris de petróleo e gás, podendo chegar a 80 bilhões. As reservas conhecidas atualmente no Brasil somam cerca de 14 bilhões de barris de petróleo e gás, ou seja, a estimativa equivale a quatro vezes o nível atual. Haroldo Lima explicou que a agência fez um cálculo a partir da exploração no campo de Marlim, situado na bacia de Campos, e que foram mapeados 500 possíveis poços no pré-sal. O diretor informou ainda que foram leiloados 42% dos blocos incluídos na área da camada pré-sal. Somada a área restante, Haroldo Lima disse que as reservas podem ultrapassar os 100 bilhões de barris. "Sair das reservas atuais, que passam dos 14 bilhões de barris, para este volume, é uma mudança tão grande e tão profunda que não só modifica o panorama da geopolítica mundial do petróleo como coloca o Brasil numa perspectiva completamente nova do ponto de vista de serviço e de base industrial", afirmou Haroldo Lima. A faixa que se estende entre os Estados do Espírito Santo e Santa Catarina, abaixo do leito do mar, foi batizada de pré-sal. É uma área ao longo de 800 quilômetros que engloba três bacias sedimentares (Espírito Santo, Campos e Santos). O petróleo encontrado nesta área está a profundidades que superam os 7.000 metros, abaixo de uma extensa camada de sal. Vários campos e poços de petróleo já foram descobertos no pré-sal, entre eles o de Tupi, que é considerado o principal, e outros, como Guará, Bem-Te-Vi, Carioca, Júpiter e Iara.

Claudia Costin vai ser secretária de Educação do Rio de Janeiro

O prefeito eleito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), oficializou nesta sexta-feira mais um nome que integrará sua gestão a partir do ano que vem. Ele anunciou Cláudia Costin como a futura secretária municipal de Educação. Claudia Costin afirmou que levará adiante uma das principais bandeiras da campanha de Eduardo Paes: o fim da aprovação automática. Segundo ela, será necessário investir em qualificação dos professores e adoção de aulas de reforço para evitar altos índices de repetência escolar. "O Rio de Janeiro tem uma das piores avaliações do País no IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). É inadmissível que crianças cheguem hoje aos 10 anos de idade sem saber ler e escrever. O Rio de Janeiro tem boas universidades e os melhores mestres e doutores do País que podem nos ajudar a reverter esse quadro", disse a futura secretária. Outra proposta de Costin é implantar no Rio de Janeiro o sistema de tempo integral nas escolas. É engraçado, esta era a tese de sempre de Leonel Brizola, que agora parece ter virado um consenso generalizado no meio político nacional. Claudia Costin atuou como ministra da Administração Pública e Reforma do Estado durante a gestão Fernando Henrique Cardoso, foi secretária-adjunta de Previdência Complementar do ministério de Previdência Social e secretária estadual da Cultura do governo Alckmin em São Paulo.

Receita Federal investiga 20 funcionários em fraude de exportações

A Receita Federal confirmou que 20 funcionários do próprio órgão estão sendo investigados na Operação Vulcano, cujo objetivo é desmontar e prender acusados de integrar grupos que cometeram crimes contra a ordem tributária em operações de exportação e importação. As fraudes eram basicamente exportações fictícias, com desvio de mercadorias no mercado interno e importações com falsificação de origem. As práticas criminosas envolvem empresas importadoras e exportadoras, transportadores, despachantes aduaneiros, agentes privados e servidores públicos. Estima-se que o esquema tenha causado prejuízos de R$ 600 milhões aos cofres públicos. São 220 mandados de busca e 100 de prisão em oito Estados (Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina). Entre as mercadorias nacionais destinadas à exportação estão pneus e insumos para a produção de cerveja. No caso das importações fraudadas estão produtos têxteis e alimentícios. Segundo a Polícia Federal, até o momento já foram apreendidos 20 mil pneus em Pindamonhangaba (SP) e 10 mil em outras cidades de São Paulo. A Polícia Federal apreendeu ainda um avião em Maringá. Em dinheiro vivo, foram encontrados R$ 500 mil no Mato Grosso; R$ 200 mil em Campo Grande; R$ 200 mil no Rio de Janeiro; e R$ 20 mil em Cuiabá.

GM tem prejuízo de US$ 2,5 bilhões no terceiro trimestre de 2008

A General Motors (GM) anunciou nesta sexta-feira que teve um prejuízo de US$ 2,5 bilhões durante o terceiro trimestre do ano diante da rápida "piora das condições do mercado nos Estados Unidos". A receita da GM durante o período foi de US$ 37,9 bilhões, US$ 5,8 bilhões a menos que no ano anterior. A empresa registrou uma queda de 45% em suas vendas nos Estados Unidos em outubro, o qual considerou o "pior mês" para suas atividades nos últimos 25 anos, conforme o presidente da GM, Rick Wagoner.

PT conclui que partido deve rever tratamento dado a eleitores da classe média

Após as eleições municipais, a cúpula nacional do PT concluiu nesta sexta-feira que deverá rever o tratamento destinado aos eleitores da classe média. A idéia é tentar uma estratégia de campanha já para 2010, uma vez que aumenta a defesa entre os petistas para lançar a candidatura única da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, na disputa à sucessão do presidente Lula. Na primeira etapa das discussões, vários integrantes do comando do partido reclamaram do sentimento anti-PT que perceberam nos municípios do centro-sul do país. Na abertura dos debates, o vice-presidente nacional da legenda, Marco Aurélio “Top Top” Garcia, assessor especial para Assuntos Internacionais da Presidência da República, foi o primeiro a dar o alerta sobre o chamado "sentimento anti-PT". Garcia fez uma defesa veemente sobre a necessidade de dar mais atenção à classe média. "O partido precisa ter mais substância programática. É necessário avaliar os resultados das eleições municipais para analisar o cenário para 2010", disse “Top Top” Garcia. "Nós temos uma tarefa de esforço intelectual, mas é substancialmente uma tarefa política", reiterou ele. Já o prefeito de Recife (PE), João Paulo, afirmou que é fundamental também mudar a relação do PT com a imprensa e até mesmo com os partidos de oposição. Segundo o prefeito, é necessário saber reagir de maneira pragmática às críticas oposicionistas e dos veículos de imprensa. O líder do governo na Câmara, deputado Henrique Fontana (PT-RS), disse ainda que o ideal é reunir a disposição de rever o tratamento com a classe média, observar também outros setores da sociedade, como os jovens e os líderes de movimentos sociais.

Delegado Protógenes acusa Daniel Dantas de articular afastamento de juiz das investigações da Operação Satiagraha

O delegado Protógenes Queiroz, da Polícia Federal, denunciou nesta sexta-feira a existência de uma articulação comandada pelo banqueiro Daniel Dantas, do grupo Opportunity, para afastar o juiz Fausto De Sanctis, da 6ª Vara de Justiça Criminal de São Paulo, das investigações da Operação Satiagraha. Protógenes disse que De Sanctis vai ser afastado do caso porque pretende expedir, nos próximos dias, sentença condenando o banqueiro por crimes de gestão fraudulenta e corrupção. "São dois pedidos de suspeição que estão tramitando e há uma discussão de cúpula com intuito de macular um trabalho isento, um trabalho digno e honesto de um juiz com a capacidade técnica à altura do que a magistratura brasileira merece e há esse intuito de tentar afastá-lo", disse o delegado. Protógenes afirmou que existe um "estratagema sórdido", articulado por Daniel Dantas, para impedir que o juiz continue no caso. O delegado atribui às articulações do banqueiro os mandados de busca e apreensão realizados em sua residência, esta semana, pela Polícia Federal.

Polícia Federal nega quebra de sigilos telefônicos sem autorização judicial durante a Operação Satiagraha

A Polícia Federal negou nesta sexta-feira que tenha realizado quebra de sigilos telefônicos sem autorização judicial durante a Operação Satiagraha, deflagrada em julho deste ano. Em nota oficial, a Polícia Federal admite que pediu informações à operadora Nextel, mas nega se tratar de dados sob sigilo, incluindo telefones de jornalistas. A Polícia Federal afirma que apenas solicitou à Nextel para informar a localização das torres de retransmissão da empresa situadas próximas à Superintendência da Polícia Federal, em São Paulo, e aos principais endereços que foram alvo de busca da operação. Reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo nesta sexta-feira afirma que, na investigação aberta para apurar o vazamento de informação da Operação Satiagraha, a Polícia Federal conseguiu, sem autorização judicial, a quebra do sigilo telefônico de dezenas de aparelhos da Nextel utilizados na madrugada em que a operação foi deflagrada. O objetivo foi identificar os aparelhos usados por jornalistas da TV Globo. Segundo a Folha apurou, a Polícia Federal queria descobrir se o delegado Protógenes Queiroz, que comandou a Operação Satiagraha, ou algum dos seus subordinados, avisou os repórteres sobre a operação.

Marco Aurélio “Top Top” Garcia ironiza Aécio Neves e diz que mineiro imita Geraldo Alckmin

O vice-presidente nacional do PT e assessor especial para Assuntos Internacionais da Presidência da República, o clone de chanceler Marco Aurélio “Top Top” Garcia, ironizou nesta sexta-feira o governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB). Segundo ele, "Aécio repete com mais charme" o que diz o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). “Top Top” Garcia se referia à falta de propostas de Aécio Neves e Geraldo Alckmin. Para ele, ambos defendem o mesmo discurso baseado no "choque de gestão". Segundo “Top Top” Garcia, se o governador mineiro mantiver esse discurso "pode ser eletrocutado". "O governador Aécio não disse a que veio em relação aos problemas do País. O governador Aécio acha que a solução dos problemas do País é choque de gestão, repetindo com mais charme o que fez o Geraldo Alckmin, até porque com menos charme seria impossível", afirmou o gracioso “Top Top” Garcia, dirigente do Foro de São Paulo. “Top Top” Garcia fez a declaração na abertura dos debates da reunião do Diretório Nacional do PT, integrado por 81 membros. Para ele, é fundamental buscar uma "política de associação com todos os aliados" visando 2010, inclusive o PMDB.

Governo Lula mantém delegado federal Paulo Lacerda afastado

O governo Lula resolveu prorrogar por mais 60 dias o afastamento do delegado federal Paulo Lacerda do cargo de diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Lacerda está afastado desde o início de setembro, quando a Polícia Federal começou a investigar escutas telefônicas clandestinas realizadas nos Três Poderes. A renovação do afastamento foi publicada pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI) na edição de quinta-feira do Diário Oficial da União. O GSI afirma não haver motivação política na renovação do afastamento, e nega qualquer ligação com as investigações relacionadas ao delegado da Operação Satiagraha, Protógenes Queiroz, que é acusado de ter vazado informações sigilosas.

Aracruz convoca assembléia que discutirá ação contra ex-diretor

A Aracruz Celulose convocou para o dia 24 de novembro uma assembléia geral extraordinária de acionistas para deliberar sobre proposta de ajuizamento de uma ação judicial de responsabilidade civil contra o ex-diretor financeiro da companhia, Isac Zagury. O encontro está relacionado com as perdas que a companhia teve com operações de derivativos cambiais, avaliadas em US$ 2,13 bilhões.

José Serra cede e triplica gasto com proposta de aumento para policiais

Apesar de resistir por quase dois meses às pressões da Polícia Civil, o governo de São Paulo acabou cedendo e mais do que triplicou o valor dos gastos com a proposta que inclui reajuste salarial, aposentadoria e outros benefícios à categoria. A primeira proposta do governo aos policiais implicava em um gasto anual de R$ 300 milhões aos cofres públicos. Depois de muita batalha, o governador José Serra (PSDB) resolveu ampliar o gasto anual para R$ 830 milhões e afirmou que esta seria a oferta final. Mas, na noite de quinta-feira, apresentou nova proposta, elevando o custo anual para R$ 1,05 bilhão. O deputado estadual Barros Munhoz (PSDB) disse que a decisão foi pessoal de Serra, porque ele entendeu que "essa era uma despesa que valia a pena ser feita".

Bancos poderão negociar taxa de juros do consignado

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) permitiu que os bancos autorizados a conceder empréstimos consignados (com desconto em folha) aos segurados possam negociar taxas de juros com sindicatos ou associações de aposentados e pensionistas do INSS de determinadas regiões para concessão do crédito. A norma que permite aos bancos negociar com entidades representativas de aposentados foi publicada na quinta-feira no Diário Oficial da União. As taxas, no entanto, não poderão superar os limites fixados pelo Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS), de 2,5% ao mês, no caso da modalidade tradicional com crédito em conta corrente, e 3,5% ao mês, no caso da modalidade cartão de crédito consignado.

JAL recebe dez primeiros jatos da Embraer

A Japan Airlines (JAL) já recebeu os dez primeiros jatos da Embraer para vôos regionais e pretende utilizá-los a partir de fevereiro de 2009. Os aviões, construídos no Brasil serão colocados, nas rotas que ligam Nagóia, na região central do Japão, a cidades como Matsuyama e Fukuoka (ambas no sudoeste do país). Outras rotas a partir de Tóquio também utilizarão o E-170 a partir de setembro de 2010, quando da inauguração da quarta pista do aeroporto de Haneda, próximo à capital japonesa. O modelo Embraer 170, com 76 lugares, será o primeiro avião brasileiro a voar no espaço aéreo japonês. Outra empresa japonesa, a Fuji Dream Airlines, que começará a operar no próximo ano no mercado local, também pretende adquirir seis aviões da Embraer para vôos com origem e destino no aeroporto Monte Fuji Shizuoka, a ser inaugurado em março de 2009.

Confirmada liminar que determinou desocupação de acampamentos do MST em Coqueiros do Sul

A 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul manteve liminar que determinou a desocupação dos acampamentos Jandir e Serraria, em Coqueiros do Sul, pela organização terrorista MST. O julgamento unânime realizou-se no início da tarde de quinta-feira. O Agravo de Instrumento foi interposto por membros do MST, contra decisão do juiz Orlando Faccini Neto, da 3ª Vara Cível de Carazinho. Em 16 de junho, o magistrado deferiu liminar em ação civil pública movida pelo Ministério Público, determinando a desocupação da área e a proibição da constituição de novos acampamentos de integrantes da oganização terrorista, além da retirada dos instalados no local. O desembargador Nelson Antonio Monteiro Pacheco (relator do recurso) destacou que a documentação apresentada pelo Ministério Público demonstra que a decisão liminar de 1º Grau foi acertada. Salientou que a desocupação dos acampamentos trouxe enormes benefícios à sociedade gaúcha e que a região de Coqueiros do Sul foi pacificada. Ele adotou os fundamentos apresentados pelo Ministério Público: “Longe de constituir um problema restrito aos proprietários da Fazenda Coqueiros, a manutenção do MST naqueles acampamentos impunha um prejuízo a toda coletividade, em especial porque: 1) o movimento ambiciona a área para dominar um local de grande importância estratégica do ponto de vista militar; 2) utilizava os acampamentos como locais para facilitar a prática e a ocultação de crimes, ensejando um notável gasto público para reprimí-los; 3) utilizava os locais para atacar a produção agropecuária, provocando enorme redução no recolhimento de impostos, na oferta de trabalho formal e nas divisas obtidas através das exportações; 4) provocava reiterados danos ao meio ambiente; 5) os ataques efetuados não se limitavam à Fazenda Coqueiros, mas incluíam outras propriedades da região; 6) os danos causados pelo MST são de responsabilidade do Estado, conforme jurisprudência desse Egrégio Tribunal de Justiça, impondo um ônus à toda coletividade; 7) as áreas rurais utilizadas pelos acampados não apresentavam produção de mínimo relevo, contrariando a expressa disposição contida no art. 5º, XXIII, da Constituição Federal, no sentido de que a propriedade atenderá a sua função social”. E concluiu: “Os acampados, por sua vez, retornaram para seus locais de origem, dirigiram-se para outros locais mantidos pelo movimento ou constituíram acampamento em outro local. Trata-se, pois, de situação já plenamente consolidada”. Também participaram do julgamento os Desembargadores Paulo de Tarso Vieira Sanseverino e Rogério Gesta Leal. Para conhecer a decisão de 1º Grau que concedeu a liminar, clique aqui. http://www.tjrs.jus.br/site_php/noticias/mostranoticia.php?assunto=1&categoria=1&item=66333&voltar=S

Mattel demite mil funcionários devido à crise nos Estados Unidos

O fabricante norte-americano de brinquedos Mattel anunciou na quinta-feira o fechamento de mil postos de trabalho nos Estados Unidos durante a pior crise econômica "em cem anos". O corte representa 3% do total de funcionários da empresa. As demissões serão necessárias para complementar o plano de demissões voluntárias, declarou a Mattel em um comunicado. A redução de postos de trabalho, que não afetará o pessoal das fábricas, será realizada nos próximos 12 meses.

Segmento da baixa renda perde crédito e venda de carro 1.0 despenca

A venda de automóveis sofreu uma queda expressiva em outubro que foi puxada, principalmente, pela redução no comércio de veículos com motor 1.0, os chamados populares. A participação dos carros mil caiu a 47,2% dos negócios, a mais baixa desde 1994. A média no ano é de 51,1%. O presidente da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), Jackson Schneider, afirmou que a queda é reflexo da falta de crédito, fundamental para o acesso da baixa renda ao carro novo. "Quem mais sentiu a restrição de crédito de outubro foi a baixa renda. O crédito é importante para esse segmento", afirmou. Esse pode ser o “subprime” brasileiro. Os carros de 1.000 cilindradas nunca ficaram abaixo de 50% de participação das vendas desde 1994. Foi neste ano que o governo derrubou de 14% para 0,1% o IPI (Imposto de Produtos Industrializados) dos carros populares. A partir daí, a participação só cresceu, até atingir 74,6% em 2001, com os carros populares favorecidos pela baixa tributação. Desde 2002, a fatia passou a encolher e, em 2004, o IPI dos veículos de até 1.000 cilindradas subiu a 9%, o que inibiu ainda mais as vendas dessa modalidade, que fechou com participação de 56,4% no ano passado. As montadoras culpam a falta de crédito pela redução das vendas de outubro, mas esperam uma regularização a partir deste mês, principalmente após notícia do Banco do Brasil que vai irrigar o crédito do setor com R$ 4 bilhões.

Agência Moody's rebaixa nota de risco da Sadia

A agência de classificação de risco Moody's rebaixou o "rating" da fabricante brasileira de alimentos Sadia de "Ba3" para "B1". A mudança não altera a classificação atual da nota de risco da empresa, de "grau especulativo". Os países e empresas que possuem "ratings" enquadrados na categoria "grau de investimento" são considerados como melhores pagadores, e portanto de menor risco para investir, do que países e empresas com "ratings" dentro da classificação "grau especulativo". No final de outubro, a Sadia havia admitido um prejuízo de R$ 777,4 milhões no terceiro trimestre deste ano provocado pelos investimentos da empresa em derivativos cambiais e aplicação em instituições americanas que apontaram prejuízo com a crise econômica global. A agência destaca que o nível de alavancagem (relação entre endividamento e capital) da empresa aumentou entre o segundo e o terceiro trimestre, o que levou à mudança no "rating".

Payroll reforça cenário de recessão nos Estados Unidos e dólar cai

Os números do "Payroll" embalaram os negócios nesta sexta-feira e aumentaram ainda mais os temores de que a recessão chegou aos Estados Unidos e pode ter reflexos na economia mundial, já que o emprego é um dos fatores mais importantes para o consumo. Segundo o governo norte-americano, a economia eliminou 240 mil vagas em outubro, o que elevou a taxa de desemprego para 6,5%, o mais alto nível desde março de 1994. Analistas esperavam perda de 200 mil postos e um desemprego de 6,3%. Os números retratam muito bem a degradação da economia, cujo Produto Interno Bruto (PIB) recuou 0,3% em ritmo anual no terceiro trimestre. Na avaliação da consultoria LCA, a economia norte-americana está nos trilhos de uma recessão severa, mas que não deve ser muito pronunciada.

Embraer entrega primeiro jato Embraer 190 à KLM Cityhopper

A Embraer entregou nesta sexta-feira o primeiro jato Embraer 190 à KLM Cityhopper, companhia aérea regional subsidiária da KLM. O negócio com a empresa aérea holandesa foi anunciado em agosto de 2007 e inclui dez ordens firmes e mais nove opções para o Embraer 190. "É uma satisfação entregar o primeiro jato Embraer 190 à KLM Cityhopper e uma grande honra ver esta empresa fazer parte do Grupo Air France/KLM e voar os E-Jets da Embraer com as suas cores, tal como a Régional, da França", disse Mauro Kern, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial. O Embraer 190 da KLM Cityhopper tem 100 assentos, distribuídos em uma cabine de classe única. A primeira aeronave entrará em operação para iniciar o processo de substituição dos Fokker 100 mais antigos. A KLM Cityhopper é uma subsidiária integral da KLM.

Lula negocia com Sarney sucessão no Senado

Preocupado com o racha na base aliada por causa da sucessão no Congresso Nacional, marcada para fevereiro de 2009, o presidente Lula chamou o senador José Sarney (PMDB-AP) para uma conversa reservada, no Palácio do Planalto. Lula perguntou a Sarney se ele pretende concorrer ao comando do Senado e se o PMDB veta a candidatura do senador Tião Viana (PT-AC), apoiada pelo governo. Não foi só: disse que, antes de tudo, é preciso garantir a unidade entre o PT e o PMDB para a eleição presidencial de 2010. Sarney não assumiu a candidatura porque não quer virar alvo de ataques com tanta antecedência. Aos amigos, o senador tem afirmado que só aceitará entrar no páreo se for nome de consenso. Lula estava interessado em saber se Sarney tinha motivação pessoal para concorrer, mas não obteve sucesso. Discreto, ele não deu pistas sobre suas intenções nem comentou a pretensão do PMDB, fortalecido após as eleições municipais, de abocanhar mais cargos no governo. A meta do partido, agora, é ocupar o Ministério da Justiça.