quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Dilma repassa R$ 3 bilhões ao Rio Grande do Sul por dívida com estatal gaúcha

A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta quinta-feira, no Palácio Piratini, o pagamento de R$ 3 bilhões ao Rio Grande do Sul por dívidas da União com a estatal gaúcha CEEE (Companhia Estadual de Energia Elétrica). Desse valor total, R$ 700 mil serão usados para quitar dívidas e R$ 2,3 bilhões vão para os cofres gaúchos. O anúncio encerra uma disputa judicial iniciada há 17 anos e concluída pelo Supremo Tribunal Federal, em julgamento que deu ganho de causa à CEEE. Na época em que o Rio Grande do Sul processou a União, Dilma era secretária de Energia do governo Alceu Collares (PDT). "A Justiça deveria ser feita e foi feita", afirmou a presidente. O Supremo decidiu que a estatal tinha o direito de incorporar ao custo da tarifa valores pagos a aposentados ex-autárquicos, o que não era reconhecido pela União. O governador petista Tarso Genro comemorou o anúncio e disse que o repasse. Agora ele poderá colocar esse dinheiro no caixa único do Tesouro do Estado e postergar as iniciativas legislativas que precisaria adotar, como a extinção do plano de carreira do magistério para o pagamento do piso salarial nacional aos professores.

Governo de São Paulo anuncia construção de 5.000 moradias populares para São José dos Campos

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o prefeito de São José dos Campos (a 97 quilômetros de São Paulo), Eduardo Cury (PSDB), anunciaram nesta quinta-feira a construção de 5.000 moradias e o repasse do aluguel social para auxiliar os ex-moradores da invasão Pinheirinho. "Vamos acelerar ao máximo a construção das unidades habitacionais em São José dos Campos. As famílias terão moradias em local seguro, de acordo com a legislação municipal, com escritura", afirmou o governador Alckmin, que disse que as casas devem ficar prontas em até 18 meses. As unidades habitacionais são uma parceria entre os governos federal (Programa Minha Casa, Minha Vida), estadual (CDHU e Casa Paulista) e municipal. A prefeitura de São José dos Campos disponibilizou terrenos para a construção imediata de 1.100 moradias populares. As demais unidades, que serão viabilizadas nos próximos anos, ainda dependem de definição de áreas. As moradias serão destinadas às famílias com renda de até três salários mínimos, que não tenham imóvel e que atendam aos critérios dos programas sociais de habitação. Essas casas serão prioritariamente destinadas aos ex-moradores do acampamento. Cury afirmou que a dívida que a empresa Selecta, dona do terreno onde estava localizado Pinheirinho, com a prefeitura, é de cerca de R$ 16 milhões. Esse valor, de acordo com ele, será utilizado na construção dessas unidades. O dinheiro do aluguel social será encaminhado pelo governo do Estado à prefeitura de São José dos Campos. A previsão é de que em 48 horas os recursos já estejam liberados para atender até 1.300 famílias. A prefeitura já tem cadastradas 1.100. O auxílio aluguel será de até R$ 500,00 sendo R$ 400,00 com recursos do Estado e R$ 100,00 da prefeitura. A duração do benefício será de seis meses, podendo ser prorrogada até as famílias receberem o atendimento habitacional por definitivo.

Presidente do TSE mantém governador de Roraima no cargo

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Ricardo Lewandowski, aceitou pedido liminar do governador de Roraima, José de Anchieta Júnior (PSDB), para continuar no cargo. A decisão vale até o julgamento de recurso do governo no plenário do TSE. Em dezembro, Anchieta Júnior e o vice-governador Francisco de Assis Rodrigues (sem partido) foram cassados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Roraima. O Ministério Público Estadual acusa os dois de terem efetuado gastos ilícitos e adquirido 45 mil camisetas no valor de R$ 247.500,00 na campanha de 2010 para o governo do Estado. Segundo a Procuradoria, eles também efetuaram movimentação financeira irregular com despesa de pessoal de mais de R$ 5 milhões, além de movimentação financeira paralela de R$ 800 mil. "Impressiona, ainda, na espécie, que o governador de Roraima foi cassado por apertada maioria de três votos a dois e consta dos autos a circunstância de que o TRE-RR teria impedido que juiz federal regularmente indicado pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região participasse da sessão de julgamento que cassou o chefe do Executivo estadual, optando, assim, por julgar o caso com quórum reduzido. Tal fato, mesmo neste exame preliminar, causa certa perplexidade", diz o ministro. Em novembro, o TSE livrou o governador da cassação de mandato por utilização da rádio estatal em favor de sua candidatura nas eleições de 2010. Os ministros entenderam, por 6 votos a 1, que houve um erro processual que inviabilizava a condenação do governador.

Petrobras vai ampliar produção de biodiesel em Minas Gerais

A Petrobras Biocombustível (PBio) assinou protocolo de intenções com o governo de Minas Gerais para investimentos de R$ 28 milhões na ampliação de 40% na capacidade de produção da usina de biodiesel de Montes Claros. O projeto é que essa unidade, atualmente com capacidade para fabricar 108,6 milhões de litros por ano seja ampliada para produzir 152 milhões de litros anuais. Minas Gerais é o segundo maior consumidor de biodiesel no País e importa o produto de outros Estados para suprir sua demanda. A usina Montes Claros faz parte do parque produtor de biodiesel da PBio que opera três unidades próprias nos municípios de Candeias (BA), Quixadá (CE) e Montes Claros (MG) e duas em parceria, em Marialva (PR) e Passo Fundo (RS). Com as cinco unidades, a Petrobras Biocombustível conta com capacidade total instalada de produção de 721,4 milhões de litros de biodiesel/ano. O acordo também contempla o aumento da participação da agricultura familiar na cadeia do biodiesel. Atualmente são 3,2 mil pequenos produtores e o projeto é aumentar esse número para 4,5 mil.

Fiesp estima que governo pagou R$ 216 bilhões em juros em 2011

O governo brasileiro pagou, em 2011, R$ 216,854 bilhões em juros líquidos nominais, de acordo com estimativa divulgada na ferramenta “Jurômetro”, criada e lançada na internet pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) nesta terça-feira. A projeção da Fiesp é de que o “Jurômetro” alcance R$ 240 bilhões até o fim de 2011. A ferramenta da Fiesp mede o juro que o governo paga na dívida pública pelo dinheiro que toma emprestado para financiar gastos correntes e investimentos. O objetivo da entidade, segundo o presidente Paulo Skaf, é divulgar de forma simples o custo dos juros para a sociedade. A intenção da Fiesp é que, até o começo do ano, dois placares do Jurômetro sejam instalados: um na Avenida Paulista, em frente à sede da Fiesp, e um em Brasília, perto da sede do Banco Central. Além de simular o valor pago em juros pelo governo, o Jurômetro aponta investimentos que seriam possíveis com esse montante. De acordo com a Fiesp, os R$ 216 bilhões registrados hoje viabilizariam a construção de R$ 3,2 milhões de casas populares ou, por exemplo, construir 166 mil quilômetros de ferrovias. Segundo cálculo da Fiesp,o governo brasileiro pagou R$ 222,9 bilhões em juros nominais líquidos no período de julho de 2010 e junho de 2011, valor que, segundo a Fiesp, representa 40% do PIB da indústria de transformação e 30% da formação bruta de capital fixo (investimento) no mesmo período.

Regime de Pinochet volta a ser denominado "ditadura' no Chile

O Conselho Nacional de Educação do Chile (CNED) resgatou o termo "ditadura" para designar o governo de Augusto Pinochet (1973-1990) em textos escolares para crianças de 6 a 12 anos, depois de uma polêmica proposta do governo para trocá-lo pela palavra "regime". Em sessão celebrada nesta quinta-feira, o CNED aprovou por seis votos a favor e uma abstenção a reincorporação do termo "ditadura", que havia sido substituído em uma sessão anterior da entidade por decisão do governo. O ministro da Educação, Harald Beyer, argumentou na ocasião que a palavra "regime" representava um conceito "mais geral". A proposta, enviada em meados de 2011 e aprovada em dezembro pelo CNED, causou grande revolta no Chile e o repúdio de instituições de direitos humanos, congressistas da oposição e inclusive de alguns governistas. O CNED argumentou não ter percebido a mudança da frase "ditadura militar" por "regime militar" e pediu ao governo que reveja o documento. O Executivo, por sua vez, tornou sem efeito a primeira proposta e enviou um novo documento ao conselho na quarta-feira, que foi aprovado nesta quinta-feira. A ditadura militar presidida por Augusto Pinochet começou em 11 de setembro de 1973, com um golpe de estado sobre o presidente socialista Salvador Allende, e terminou em 1990, encerrando uma etapa sangrenta da história do Chile que deixou mais de 3.000 mortos e desaparecidos.

Transpetro detecta vazamento de óleo em Tramandaí

Petróleo na areia de Tramandaí
A Transpetro, subsidiária da Petrobras para a área de logística, informou nesta quinta-feira que detectou um vazamento de óleo em Tramandaí, um dos principais balneários do Rio Grande do Sul. Segundo a empresa, o vazamento ocorreu durante uma operação de descarregamento de um navio no terminal de Osório. A Transpetro disse que ainda investiga as causas do incidente e o volume de óleo derramado no mar. A empresa disse que suas equipes foram acionadas para trabalhar na contenção e remoção do produto e que os órgãos ambientais, a ANP (Agência Nacional do Petróleo) e a Capitania dos Portos foram comunicados.

Chico Anysio tem febre e estado de saúde permanece grave

O humorista Chico Anysio, de 80 anos, apresentou um quadro de febre na tarde desta quinta-feira, que já está sendo investigado, informa a assessoria de imprensa do hospital. De acordo com o boletim médico, assinado pelo médico Luiz Alfredo Lamy, o estado do humorista ainda é grave e inspira cuidados. Chico Anysio, que está internado desde o dia 22 de dezembro no CTI do Hospital Samaritano, em Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro, teve complicações renais na semana passada e está fazendo diálise desde a última sexta-feira. Ele respira com ajuda de aparelhos, permanece sedado e não há previsão para reduzir o medicamento que controla sua pressão arterial.

Anatel aprova transferência societária da Net para a Telmex

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) aprovou nesta quinta-feira a anuência prévia da transferência de controle da Net para a Telmex. A decisão sela as negociações entre as organizações Globo, que terão o controle sobre a Net reduzido para 33,56% de seu capital votante, e o grupo mexicano do bilionário Carlos Slim. O relator do assunto, conselheiro Rodrigo Zerbone, impôs duas condicionantes para a transferência: que a Net resolva questões fiscais pendentes e que a Globo perca toda sua influência na gestão da empresa de TV por assinatura, que é líder de mercado no País. Isso porque a lei que abriu o mercado de TV paga, e que permitiu a operação entre Telmex, Net e Globo, proíbe que uma empresa do setor seja controlada por empresa radiodifusora, produtora ou programadora. O acordo de acionistas define uma perda de poder da Globo, mas ela continuaria com direito de veto nas decisões e com a indicação de membros do conselho de administração, que tem 11 integrantes. Pelo acordo, a Globo perderia o direito de eleger seis membros do conselho, e passaria a eleger dois. A Telmex, que tinha o direito de eleger cinco, passaria a ter o poder de eleger nove membros do conselho. O conselheiro recomendou que a empresa apresente novo pedido de anuência prévia, com uma solução à estrutura de controle da Net, com 90 dias antes da entrada em vigor da lei (setembro de 2012). O rearranjo acionário também definiu que a Globo perde o direito de eleger dois dos três diretores da Net, função que será integralmente do grupo Telmex.

Presidente de órgão responsável pelo Enem deixa cargo

O Ministério da Educação confirmou nesta quinta-feira a primeira mudança na sua cúpula, com a saída de Malvina Tuttman da presidência do Inep. O órgão é responsável pela realização do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). O Inep informou que a saída da professora, que é ex-reitora da UniRio, foi decidida em reunião com o novo ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Em uma nota no site do Inep, Malvina afirma que viveu intensamente o órgão e aprendeu o valor de ser uma "inepiana". O principal cotado para assumir a sua vaga é Luiz Cláudio Costa, atual secretário de Ensino Superior do MEC. Ainda na tarde desta quinta-feira, a secretária de Educação Básica do ministério, Maria do Pilar Lacerda, informou que também está deixando o cargo. Ela postou em seu perfil no Twitter que será substituída pelo membro do CNE Cesar Callegaria: "Daqui a pouco, primeira reunião de transição com o novo secretário de educação básica, César Callegari. Desejo sorte, energia e bom humor!" No fim da tarde de quinta-feira, o Ministério da Educação confirmou também a saída de Lacerda. As duas foram comunicadas nesta quinta-feira pelo ministro Aloizio Mercadante de que não permaneceriam no cargo. O MEC afirma que as mudanças são "próprias de uma nova gestão e que não têm nenhuma conotação política". A pasta afirma que novas mudanças ocorrerão e que os substitutos serão anunciados "oportunamente". Malvina Tuttman completou neste mês um ano a frente do Inep. A professora assumiu para tentar corrigir problemas na realização do Enem e no Sisu (Sistema de Seleção Único), que usa o exame como critério para selecionar os candidatos para as instituições públicas de ensino superior. A última edição do Enem antes de sua posse havia apresentado uma série de falhas na impressão das provas. O Sisu também apresentou problemas de lentidão no momento da inscrição e alguns candidatos conseguiram acessar pela internet dados dos concorrentes, o que o Ministério Público Federal classificou como vazamento.

Ministro diz que Rússia deve decidir sobre embargo à carne brasileira na próxima semana

O ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, disse nesta quinta-feira que saiu otimista da reunião que teve essa semana com a ministra da Agricultura da Rússia, Yelena Skrynnik, para tentar destravar o embargo à exportação de carne brasileira para o país europeu. A resposta do governo russo pode sair na semana que vem, segundo o ministro. Durante o encontro com a ministra russa, Mendes Ribeiro Filho explicou à colega que o serviço de inspeção dos frigoríficos brasileiros é federal, tornando injustificável o embargo feito a Estados, como o ocorrido com o Rio Grande do Sul, terra natal do ministro, além do Paraná e de Mato Grosso, embargados totalmente. O ministro não quis adiantar que contrapartidas o governo russo exigiu em resposta ao possível fim do embargo à carne brasileira. Em 2011, os embarques de carne brasileira para a Rússia tiveram redução de 19,6%.

Lixo acumulado na ilha de Fernando de Noronha começa a ser retirado

Cerca de 1.800 toneladas de lixo acumuladas em Fernando de Noronha (PE) começaram a ser retiradas da ilha nesta semana e transportadas em uma balsa oceânica para o continente. O volume, equivalente à produção local de um ano e três meses, permanecia no arquipélago porque a embarcação responsável pela coleta mensal não tinha capacidade para transportar esse lixo excedente, acumulado ao longo de anos. "Também não tínhamos como contratar navios maiores, porque, no porto, o mar não possuía profundidade para atracá-los", disse o administrador de Noronha, Romeu Baptista. Segundo ele, a profundidade foi aumentada, e as 3.500 sacas com 500 quilos de detritos sólidos cada uma serão retiradas da ilha em três viagens, no prazo de um mês. A Vigilância Sanitária acompanha a operação. A balsa, com 45 metros de comprimento, desembarcará o lixo no porto de Suape (a 60 quilômetros de Recife). Os dejetos, já separados por tipo (plástico, metal, papel) na própria ilha, serão levados para o centro de tratamento de resíduos, em Jaboatão dos Guararapes (Grande Recife).

Conselho ligado ao governo escolhe Lula como "presidente de honra"

O Consea (Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional) escolheu o ex-presidente Lula como seu "presidente de honra". O conselho foi criado em 1994, na gestão Itamar Franco, e desativado em 1995. Em 2003, durante o primeiro ano do governo Lula, ele foi reativado. Ele tem caráter de assessoramento ao presidente da República para as questões de alimentação. Atualmente é formado por 57 conselheiros, sendo 19 indicados pelo governo. Os conselheiros não recebem salário, mas ganham a passagem e a hospedagem para participar das reuniões. O título foi dado em dezembro após proposta do conselheiro Malaquias Filho, professor da Universidade Federal de Pernambuco. "É um reconhecimento a tudo que ele fez pela causa da segurança alimentar e nutricional no Brasil e no mundo", disse o professor. "Pretendemos entregar essa honraria a ele em alguma das primeiras plenárias deste ano, só dependemos da disponibilidade da agenda dele", afirmou o presidente do Consea, Renato Maluf.

Itaquerão já tem 25% das obras concluídas, diz Corinthians

Palco da abertura da Copa do Mundo-2014, o Itaquerão já tem 25,34% de suas obras concluídas, de acordo com o Corinthians. A informação foi divulgada nesta quinta-feira pelo site do clube do Parque São Jorge. As últimas obras foram a instalação dos degraus no edifício leste, setor mais avançado da construção. Foram instaladas oito peças até agora. Segundo a Odebrecht, construtora responsável pela obra, já foram cravadas 2.720 estacas, o que corresponde a 85% do total. A expectativa é que todas as estacas sejam cravadas até o final de fevereiro. Os blocos de concreto instalados já são mais de 500. Os pilares, sustentados pelos blocos, já são 61. Em relação às vigas de concreto, 84 já foram instaladas. Desde o último dia 16, os 1.171 operários trabalham no Itaquerão em três turnos. O primeiro tem início às 7h30 e o último só termina às 5h30. Com isso, a arena fica paralisada por menos de duas horas por dia. As obras no Itaquerão começaram em 30 de maio com o início da terraplenagem. A primeira estaca foi cravada no terreno no dia 15 de julho. O alicerce foi fincado a 14 metros de profundidade na área onde vai ficar a arquibancada leste da praça esportiva. A primeira coluna de sustentação do Itaquerão foi colocada no final de agosto. Em outubro, a Odebrecht e o Corinthians desenharam o campo. Os funcionários pintaram as linhas do campo e instalaram as traves. A realocação dos dutos de óleo da Petrobras, um dos principais imbróglios que atrapalharam a construção do estádio, foi iniciada em dezembro. O Itaquerão vai receber seis jogos da Copa do Mundo-2014. O presidente licenciado do Corinthians, Andres Sanchez, afirmou que o estádio estará pronto em 2013. A previsão inicial, após o atraso no início das obras, era início de 2014.

Alckmin afirma que agressões contra Kassab foram "atos de vandalismo"

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), disse na manhã desta quinta-feira que considera "absolutamente reprováveis" as tentativas de agressão contra o prefeito da capital, Gilberto Kassab (PSD). "A manifestação não foi democrática, foi violenta com atos de vandalismo", afirmou. Na quarta-feira, depois de missa na catedral da Sé em comemoração ao aniversário de 458 anos da cidade, manifestantes cercaram o carro de prefeito e arremessaram ovos e pedras em sua direção. Houve confronto com a Polícia Militar. Eles protestavam contra a reintegração de posse do Pinheirinho, em São José dos Campos e contra a ação da polícia militar na cracolândia.

Peemedebista diretor-geral do Dnocs pede demissão

O diretor-geral do Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), Elias Fernandes, pediu demissão nesta quinta-feira após relatório da Controladoria-Geral da União apontar irregularidades em sua gestão. A decisão foi tomada depois de conversa entre Fernandes e o líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves (RN), seu padrinho político. A saída foi pedida pelo Planalto e acontece após Henrique Eduardo Alves desafiar o Planalto a demitir o apadrinhado da legenda que comanda órgão federal de combate à seca. Nesta quinta-feira, Fernando Bezerra (Integração Nacional) e a ministra Gleisi Hoffman (Casa Civil) conversaram com o vice-presidente Michel Temer e avaliaram que a situação de Fernandes estava insustentável. Temer conversou com Henrique Eduardo Alves, que encaminhou a demissão junto com Fernandes. Ficou acertado que o líder do PMDB indicará o substituto no Dnocs. Por meio do Twitter, Henrique Eduardo Alves diz ter sido comunicado pelo próprio Fernandes da sua demissão: "Elias acaba de me dizer q entendeu e agradeceu conversa leal do Min Fernando, que reafirmou absoluta confiança no trabalho realizado". O secretário Nacional de Irrigação, Ramon Rodrigues, assume interinamente o cargo. O agora ex-diretor-geral passa por uma crise no órgão após relatório da CGU apontar desvio de R$ 192 milhões em obras tocadas pela autarquia. O Dnocs é vinculado à pasta da Integração Nacional, comandada pelo ministro Fernando Bezerra, do PSB, que enfrenta suspeitas de favorecimento político na distribuição de verbas do ministério. O PMDB é o principal aliado do PT na coalizão de Dilma Rousseff e foi um dos fiadores do governo em votações polêmicas de 2011, como a do Código Florestal. Apesar da aliança, nos bastidores peemedebistas manifestam insatisfação. O partido avalia que não irá ganhar espaço na reforma ministerial e que o governo tenta enfraquecer Alves na disputa pelo comando da Câmara.

Passageiros de navio poderiam ter se salvado, diz Capitania da Itália

O comandante-geral da Capitania dos Portos da Itália, Marco Brusco, afirmou nesta quinta-feira que todos os passageiros do navio Costa Concordia poderiam ter se salvado caso o capitão Francisco Schettino tivesse dado o sinal de alarme a tempo. A embarcação naufragou na ilha de Giglio, na costa da Toscana, no último dia 13, provocando a morte de 16 pessoas até o momento. "Se o comandante Schettino não tivesse perdido uma hora preciosa teria saído tudo bem. Todos os botes salva-vidas seriam baixados com tranquilidade com todos os passageiros a bordo. Para completar, o capitão saiu do barco e as ordens que chegavam eram contraditórias", declarou o comandante, em reunião no Senado italiano. Brusco disse que um dos problemas na saída dos passageiros foi a impossibilidade de baixar os barcos, pois o barco estava muito inclinado para que pudessem descer. O responsável da Capitania foi contundente ao falar que a culpa "é com certeza do comandante", mas perguntou onde estavam os outros oficiais e por que não fizeram nada. A respeito da manobra de aproximação a Giglio, Brusco afirmou que "as rotas são decididas pelo capitão e ele tem que assumir toda a responsabilidade pela escolha". Ele qualificou o desvio como "extravagante", por ter sido feita quase em ângulo reto e com velocidade elevada. De acordo com o comandante, a manobra não foi relatada à Capitania dos Portos.

Vale perde disputa tributária de R$ 9,8 bilhões

A Vale informou nesta quinta-feira ter recebido decisões desfavoráveis na esfera administrativa de processos tributários que somam R$ 9,8 bilhões. As decisões referem-se ao pagamento de Imposto de Renda sobre lucros no Exterior e prevêem ainda acréscimo de juros e multa. A empresa afirmou que vai recorrer da decisão em instâncias administrativas e judiciais para suspender a cobrança até o julgamento do mérito. Em novembro do ano passado, a Vale já havia sofrido uma derrota similar na Justiça com relação à cobrança de tributos sobre lucros no Exterior. Ao julgar um mandado de segurança impetrado pela Vale, o Tribunal Regional Federal da 2º Região manteve a cobrança de IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica) e CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido) incidentes sobre o lucro de empresas brasileiras no Exterior. A Procuradoria da Fazenda Nacional estimou, na época, que o valor do débito da empresa com a União poderia chegar a R$ 25 bilhões.

Preço da gasolina deve ficar estável em 2012, diz Banco Central

Após pressionar a alta da inflação medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) em 2011, a gasolina deve ter o preço estabilizado em 2012, com 0% de variação, segundo previsão do Banco Central. A informação está na ata do Copom (Comitê de Política Monetária), divulgada nesta quinta-feira. O documento explica os motivos apontados pela autoridade monetária para a redução da taxa básica de juros (a Selic) de 11% para 10,5% ao ano, no último dia 18. De acordo com a perspectiva do Copom, em 2012 os preços da gasolina e do gás de bujão devem ficar estáveis. "Para o acumulado de 2012, foram mantidas as projeções de reajuste em 0%", avalia o Banco Central. Em 2011, o IPCA registrou elevação de 6,5%, ante 5,91% em 2010. Os itens que mais contribuíram para a aceleração dos preços monitorados foram ônibus urbano (8,45% em 2011, ante 7,53% em 2010), gasolina (6,93% em 2011, ante 1,67% em 2010). A alta dos combustíveis, que subiram principalmente em decorrência do aumento do etanol, tiveram como influência uma safra frustrada de cana que elevou o preço do biocombustível em 15,75% no ano e puxou para cima também o preço da gasolina (alta de 6,92%), que tem álcool em sua composição. Também pesaram os reajustes de ônibus urbano, que alavancou a alta de 8,09% do grupo transporte (6,05%), ao lado dos combustíveis. Os ônibus subiram na esteira dos combustíveis e da maior pressão dos salários. Já as projeções de reajuste das tarifas de telefonia fixa e de eletricidade, para o acumulado de 2012, "foram mantidas em 1,5% e 2,3%, respectivamente".

Juiz manda RedeTV! pagar FGTS a ex-funcionários da Manchete

Decisão da 28ª Vara Cível de São Paulo julgou que o FGTS devido aos ex-funcionários da extinta TV Manchete deverá ser pago pela RedeTV! A emissora tem dez dias para depositar um valor estimado em R$ 100 milhões, "sob pena de bloqueio de contas bancárias ou diretamente junto aos anunciantes". A decisão foi publicada nsta quarta-feira e deixou pesado o clima na emissora, que já vem atrasando salários e pagamentos desde o ano passado. A RedeTV! respondeu que "há uma decisão judicial já transitada no STJ" que será capaz de reverter "esta e outras decisões recentes" que colocam a RedeTV! como sucessora de débitos da Manchete. A RedeTV! nasceu no final de 1999 como sucessora na concessão da extinta TV Manchete. Uma série de embates jurídicos são travados desde então entre as vítimas-desempregados da massa falida do grupo Bloch e os novos donos da concessão, que não se acham responsáveis pelas dívidas da antiga concessão. Nos últimos 12 meses, os donos da emissora, Amilcare Dallevo (presidente, majoritário) e Marcelo de Carvalho (vice, minoritário) vivem um conflito, devido ao interesse do segundo em vender sua parte, o primeiro querer comprá-la, mas não ter dinheiro ou cacife para tanto.

Grupo Randon prevê investir R$ 400 milhões em 2012

A Randon divulgou nesta quinta-feira que vai investir R$ 400 milhões em 2012 e estimou uma receita líquida consolidada de R$ 4,2 bilhões no ano, alta de cerca de 8% sobre as vendas estimadas para 2011. A maior fabricante brasileira de implementos rodoviários divulgou ainda que espera exportar US$ 330 milhões e importar US$ 150 milhões em 2012. A empresa, que divulga resultados de quarto trimestre de 2011 em 28 de fevereiro, estimou em novembro que encerraria o ano passado com investimentos de R$ 270 milhões, vendas externas de US$ 250 milhões e importações de US$ 100 milhões. O presidente da companhia, David Abramo Randon, havia afirmado que os investimentos em 2012 subiriam para R$ 280 milhões em 2012 e que as exportações teriam salto de 20%, para mais de US$ 300 milhões. A subsidiária Fras-le também divulgou nesta quinta-feira estimativas de desempenho para 2012. A companhia prevê investir R$ 70 milhões e obter receita líquida de R$ 680 milhões.

Lobby por Vieira da Cunha ignora denúncias contra deputado federal gaúcho

Por unanimidade, a executiva estadual do PDT formalizou a indicação do deputado federal Vieira da Cunha para o Ministério do Trabalho. Em nota oficial assinada pelo presidente, Romildo Bolzan, o PDT justifica a indicação de Vieira por sua “expressão política regional e nacional, a inquestionável postura assumida em cargos de gestão nos governos de Alceu Collares e sua vinculação profissional, como membro do Ministério Público”. (ZH) O que o jornal Zero Hora não diz: 1) o presidente regional do PDT no Rio Grande do Sul, Romildo Bolzan, é cunhado do deputado federal Vieira da Cunha: 2) o jornal não faz qualquer menção ao fato de que existe um pedido de inquérito para investigação do deputado federal Vieira da Cunha dormindo na gaveta do Procurador-Geral da República, a partir de "cabeludas" denúncias prestadas pela ex-deputada estadual trabalhista Adriane Rodrigues ao Ministério Público; 3) como o presidente do PDT do Rio Grande do Sul formaliza a indicação de seu cunhado para ocupar o Ministério do Trabalho se há um pedido de investigação protocolado no Conselho de Ética do PDT no Estado, sobre as denúncias formuladas pela ex-deputada Adriane Rodrigues, sobre o qual o partido não se posicionou e parece que não deseja se posicionar?

VIDEO MOSTRA O ESCANDALOSO ENCONTRO DE TARSO GENRO E O TERRORISTA ITALIANO CESARE BATTISTI

Esse terrorista italiano Cesare Battisti está respondendo um processo movido pelo Ministério Público Federal em Brasília, contra a concessão do visto de trabalho pelo Ministério do Trabalho. O visto de trabalho foi concedido ilegalmente pelo governo Dilma. Não pode ser concedido visto de trabalho a alguém que esteja sujeito a extradição. Está na lei. E ele foi extraditado pelo Supremo Tribunal Federal. Ou seja, há decisão transitada em julgado a esse respeito. Na ação civil pública é pedida a revogação do visto e que ele seja mandado embora do País. O Ministério do Trabalho, do escandaloso Carlos Lupi (PDT) deu o tal visto, que era a única maneira de dar um papel para esquentar a permanência do terrorista Battisti no Brasil. O terrorista Cesare Battisti não é "refugiado" nem "asilado político". O "refúgio" foi anulado pelo Supremo Tribunal Federal ao examinar a questão do pedido de extradição. O Supremo chamou de ilegal a concessão do refúgio pelo então ministro da Justiça, o peremptório Tarso Genro. E não é "asilado político" porque as condenações do terrorista na Itália (quatro assassinatos covardes, infames) foram considerados como crimes comuns, à luz da legislação italiana. E não pode ser concedido asilo político para um criminoso comum. Como houve uma pessoa que encaminhou denúncia, o Ministério Público Federal teve que fazer o inquérito e resultou em uma ação de improbidade contra quem deu o visto de trabalho para o terrorista italiano Cesare Battisti. Além disso, ele tem outro processo, porque entrou no Brasil com passaporte e nome falsos. Portanto, ele está no Brasil ilegalmente.