quinta-feira, 22 de julho de 2010

MP pede multa de até R$ 106 mil contra Dilma por uso da máquina pública Assembléia gaúcha

O Ministério Público Eleitoral ajuizou nesta quinta-feira representação contra a presidenciável Dilma Rousseff (PT) por uso da máquina pública no discurso do primeiro dia de campanha, feito no Rio Grande do Sul. A procuradoria pede multa de R$ 5 mil a R$ 106 mil por propaganda eleitoral na cerimônia de entrega da Medalha do Mérito Farroupilha, realizada na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul e veiculada pela TV Assembléia do dia 6 de julho. O Ministério Público afirma que a TV Assembléia infringiu a Lei das Eleições, que proíbe os agentes públicos de cederem, em benefício de candidato, bens pertencentes à administração pública. De acordo com a representação, Dilma Rousseff fez uso da palavra para realizar "nítida" propaganda eleitoral em seu favor, enaltecendo os programas sociais do governo Lula e que as declarações teriam sido repercutidas na imprensa. "Não há como deixar de reconhecer a responsabilidade da TV Assembléia do Rio Grande do Sul pela prática da conduta tendente a afetar a igualdade de oportunidade entre os candidatos ao pleito eleitoral, visto que houve cessão de parte de sua programação para veicular propaganda eleitoral", diz a ação. A procuradoria pede a aplicação das sanções tanto para a candidata quanto à TV Assembléia gaúcha. Esta televisão da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul é dirigida por Celina Canabarro, filha de Neusa Canabarro, mulher do ex-governador gaúcho Alceu Collares, do PDT, que está apoiando a campanha do peremptório petista Tarso Genro. E o setor de comunicações da Assembléia Legislativa gaúcha é chefiado por Carlos Bastos, jornalista também do PDT, que tem vinculações familiares com a família de João Goulart e Leonel Brizola. Ou seja, trabalhistas que dominam a área de comunicação da Assembléia Legislativa puseram este setor a serviço da campanha da petista Dilma Rousseff. Jornalistas chapa branca da TV Assembléia foram usados para tentar convencer que a televisão do parlamento gaúcho não tinha sido utilizada pela máquina partidária do PT gaúcho em benefício da candidatura do peremptório petista Tarso Genro e da candidata petista Dilma Rousseff.

Petismo vai se incomodar na Assembléia paulista com a CPI da Bancoop

Promete ser quente a volta do recesso na Assembléia Legislativa paulista, em agosto: a Justiça permitiu à CPI da Bancoop acesso ao inquérito criminal, relatórios e transações bancárias da cooperativa, suspeita de desviar fundos para o PT, para sustentar as campanhas eleitorais do partido, especialmente de Lula. Cooperados entraram com mais 30 ações.

Justiça obriga vice-presidente José Alencar a reconhecer filha fora do casamento

O juiz José Antônio de Oliveira Cordeiro decidiu que o vice-presidente e industrial José Alencar é mesmo o pai de uma professora de 56 anos, nascida em Caratinga (MG), e determinou que adote o sobrenome paterno e passe a se chamar Rosimary de Morais Gomes da Silva. O processo de investigação de paternidade se arrastou desde 2001 e foi doloroso, com alegações sobre a conduta moral da mãe da professora. A defesa do vice-presidente José Alencar retratou a mãe de sua filha como prostituta, mas foi inútil. Após o nascimento, ela até se casou com outro homem. O vice-presidente José Alencar alegou que em 1954, quando Rosemary nasceu, ele teve apenas “namoro de menino”. O caso se deu antes do casamento dele. José Alencar se recusou a fazer o exame de DNA ordenado pela Justiça, para protelar o caso. Sua atitude foi considerada confissão de paternidade. Uma peça curiosa no processo de investigação de paternidade foi um casaco de José Alencar, guardado pela ex-amante, desde seu sumiço.

Funcionária da Receita Federal acusada de violar o sigilo de tucano já foi identificada

Acusada de violar os dados do Imposto de Renda do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, a analista tributária Antonia Aparecida Rodrigues Santos Neves Silva foi afastada do cargo no início de julho, por determinação da Corregedoria da Receita Federal em Brasília. A informação foi confirmada ao jornal Folha de S. Paulo pela assessoria de comunicação da Delegacia da Receita Federal em Santo André (SP). De acordo com portaria publicada pelo Diário Oficial da União, Antonia Aparecida Rodrigues Santos Neves Silva foi exonerada do cargo em comissão de agente da receita em Mauá, na Grande São Paulo, em 8 de julho, uma semana após a abertura de um processo administrativo pela Receita Federal. Ela perdeu a gratificação, mas ainda pertence ao quadro de analistas do Fisco. Com uma gratificação de função, ela era mais uma chefete normeada pelo petismo dentro da Receita Federal. A investigação foi motivada por reportagem da Folha que revelou que dados do Imposto de Renda de Eduardo Jorge foram incluídos em um dossiê montado pelo chamado "grupo de inteligência", a espionagem que atuou na pré-campanha de Dilma Rousseff à Presidência. A investigação aberta pela Receita descobriu que foram feitos ao menos cinco acessos à declaração ao imposto de renda de Eduardo Jorge, mas apenas a consulta atribuída a Antonia Aparecida Rodrigues Santos Neves Silva ocorreu sem "motivação", ou seja, fora de procedimentos de rotina do Fisco e sem autorização judicial. A Receita também descobriu que, no acesso aos dados feito em São Paulo, além da consulta sem motivação, o servidor responsável também imprimiu um extrato do imposto de renda de Eduardo Jorge. Antonia Aparecida Rodrigues Santos Neves Silva é sindicalizada desde 1998 e foi secretária-geral da Delegacia Sindical de São Bernardo e Santo André de 2005 a 2007. A servidora trabalha em um posto da Receita Federal em Santo André (o berço do petismo) há cerca de quatro meses. Antes desse período, trabalhava em Mauá. Mas como o posto daquela cidade está em reforma todos os servidores foram transferidos para Santo André. Ela é casada com um auditor fiscal e foi ligada à diretoria da delegacia de 2003 e 2004. Ela foi secretária-geral da Delegacia Sindical de Santo André/São Bernardo.

Dilma diz que é preciso cautela antes de acusar PT por quebra de sigilo de tucano

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, afirmou nesta quarta-feira que a descoberta de que a servidora Antonia Aparecida Rodrigues Santos Neves Silva é suspeita de violar o sigilo do vice-presidente do PSDB , Eduardo Jorge, ainda não é suficiente para ligar o PT a produção de dossiês. Em entrevista à TV Brasil, Dilma afirmou que não se pode acusar sem provas e que seria imprudente para o debate eleitoral acusar setores do PT ao caso. "Não se pode fazer relações infundadas nem acusações sem provas, injúria e difamação sem prova. Esse tipo de dedução só leva a criação de um ambiente no Brasil de pouca seriedade. É preciso cautela, cuidado ao fazer a campanha eleitoral". Funcionários da delegacia da Receita Federal em Santo André (SP) confirmaram que a analista Antonia Aparecida Rodrigues dos Santos Neves Silva está sob investigação da corregedoria da Receita Federal por participação na quebra de sigilo do ex-ministro de Fernando Henrique Cardoso, Eduardo Jorge Caldas Pereira. A informação, revelada com exclusividade na coluna Claudio Humberto desta quarta-feira, foi confirmada na tarde desta quarta-feira pelos sites do jornal O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo.

Indio da Costa volta a atacar, "O PT não respondeu se tem ligação com as Farc"

Enquanto boa parte da mídia de web avisava que o candidato a vice de José Serra, Indio da Costa (ele é filho de gaúcho) recolhera-se para não causar mais turbulência, o próprio deputado federal tratou de fazer novas acusações a Dilma Roussef e ao PT, exatamente quando acompanhava José Serra em Jacarepaguá, na tarde desta quarta-feira, no Rio de Janeiro. Enquanto José Serra distribuía sorrisos e abraços, Indio da Costa procurou a imprensa e desafiou Dilma Roussef e o PT: 1) Uma pergunta que não foi respondida pela Dilma, e ela tem que esclarecer: o PT tem ou não tem ligação com as Farc?; 2) Qual é a opinião da Dilma sobre isso? Veja só: o PT e as Farc; as Farc e o narcotráfico; o narcotráfico e o Rio de Janeiro, com o Comando Vermelho demonstrando indícios muito claros de relacionamento com a guerrilha. Será que ela acha que tem algum problema nesta relação? Ao responder à acusação de Dilma e do PT de que está baixando o nível da campanha, o vice de Serra provocou de novo: "Ela acha que é legal quebrar sigilo bancário e fiscal do cidadão brasileiro? Isso não é baixar o nível da eleição? Já se sabe que eles quebraram o sigilo fiscal de Eduardo Jorge, ex-chefe da Casa Civil de Fernando Henrique Cardoso. É crime fiscal. E serviu para forjar dossiê contra Serra, dentro do comitê da candidata. No Rio Grande do Sul, agente das FARC foi recebido no próprio Palácio Piratini quando Olívio tomou posse como governador. O deputado Raul Pont, atual presidente do PT,fez o mesmo na Assembléia". Indio da Costa esqueceu uma coisa: Dilma Rousseff fazia parte do governo do petista Olívio Dutra, que homenageou o chefe terrorista e traficante de cocaína das Farc.

Em tom de despedida, Lula chora em entrevista na TV

Ao falar sobre obras de seu governo, o presidente Lula chorou nesta quarta-feira em entrevista para a TV Record. "Acho que estou ficando velho", disse Lula, depois de interromper a entrevista duas vezes por causa do choro. Ele agora virou um artista total, é capaz de chorar com um olho e piscar com o outro. Lula preferiu não dar uma nota para o seu governo, mas disse que irá entregar para o sucessor outro País: "Só vou fazer uma avaliação do governo depois de certo tempo". O presidente disse que não sabe como será sua vida após deixar o cargo: "Vai ficar eu olhando para Marisa. E ela olhando para mim: e agora Lulinha?" Lula afirmou que não lançará novos projetos até o fim do mandato: "Quem vier depois mim tem que, no dia 1º de janeiro, já começar governando fazendo obras". Ele disse que já esperava pela saída desde o dia que assumiu o segundo mandato: "A contagem regressiva começou logo depois das eleições de 2006". Lula tambémcomentou sobre o caso Eduardo Jorge. Os dados do imposto de renda do tucano foram incluídos em um dossiê montado pelo grupo de espionagem que atuou na pré-campanha de Dilma Rousseffa. Segundo Lula, a questão deve ser investigada pela Receita Federal.

TV opositora diz que Hugo Chávez não pode influenciá-la

O pequeno canal opositor venezuelano Globovisión afirmou não estar sendo amedrontado pelo ditador Hugo Chávez, mesmo que o governo obtenha um controle acionário significativo e nomeie um representante seu no conselho de administração, como já anunciou que fará. Na casa cercada onde funciona a emissora, a programação noticiosa continua normalmente e há planos para novas atrações. Ali, a vice-presidente da empresa, María Fernanda Flores, criticou a participação do governo no canal, anunciada nesta semana por Chávez. "Estamos há 11 anos vendo um governo legislando para fazer armações", disse Maria Fernanda Flores, acusando as autoridades de terem quebrado propositalmente o Banco Federal, pertencente a um dos sócios da Globovisión, para poder nacionalizar ações da emissora.

Dilma diz que seu trabalho irá superar o carisma de Lula

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, afirmou nesta quarta-feira, em entrevista à TV Brasil, que seu trabalho vai superar o carisma do presidente Lula. A petista disse ainda que pretende fazer um governo de coalizão e negou que o governo Lula tenha sido refém das alianças no Congresso. "Lula tem uma imensa capacidade de envolvimento, de persuasão. Aprendi muito com ele. Não tenho a menor pretensão de substituir o presidente. Ele é um, sou outra pessoa. Vou honrar o legado dele pra mim. O legado dele é o que ele mais ama, que é o povo brasileiro. Comparativamente ao meu menor carisma em relação a ele, vou me esforçar para compensar com muito trabalho", afirmou. A petista afirmou que o governo construiu legitimamente sua maioria no Congresso. "Não concordo que o governo Lula foi refém do Congresso ou da maioria, ou de alguma ala parlamentar de qualquer partido. Acho que o governo do presidente Lula buscou construir em cada caso sua maioria para votar os projetos mais importantes, em alguns momentos perdemos", disse.

Copom decide por aumento menor da Selic, para 10,75% ao ano

Pressionado pela divulgação de indicadores que apontam a desaceleração da economia brasileira, o Banco Central decidiu, por unanimidade, reduzir o ritmo de aumento da taxa básica de juros. O Copom (Comitê de Política Monetária do Banco Central) elevou os juros de 10,25% para 10,75% ao ano. A intensidade do aumento foi menor que a realizada nas duas reuniões anteriores do Copom, quando a taxa havia subido 0,75 ponto percentual. Com isso, o governo Lula mais uma vez assegura brutais ganhos e lucros para os bancos, além de aumentar de maneira brutal o envidamento interno da economia brasileira.

Líbano vai à ONU contra Israel por espionagem

O Líbano anunciou nesta quarta-feira que levará à ONU acusações de espionagem por parte de Israel, depois da detenção de dois funcionários de uma empresa de telecomunicações que foram acusados de passar informações sigilosas ao Estado israelense. No último mês, dois funcionários da estatal Alfa foram detidos e outros dois homens foram sentenciados à morte, todos os quatro condenados ou suspeitos de espionarem para Israel. Uma investigação mais ampla levou à prisão de mais de 50 pessoas desde abril do ano passado. Falando após uma reunião do gabinete, o ministro da Informação, Tareq Mitri, disse que a coalizão de governo decidiu por unanimidade 'levar um relatório detalhado do caso aos agentes do Conselho de Segurança. O Líbano é um Estado não Estado, onde uma organização terrorista, o Hizbollah, controla parte do território nacional. E cada vez mais o país se inclina para o islamismo terrorista e nazista. Uma corte militar libanesa também sentenciou à morte um homem que havia sido acusado de transmitir a Israel informações sigilosas sobre o grupo militante Hizbollah, em 2008. Hassan Ahmed al Hussein teria delatado os nomes, endereços e detalhes das casas de membros do Hizbollah na aldeia de Qantara, no sul do Líbano, além de prestar informações sobre outros alvos. Na semana passada, outro tribunal havia condenado à morte o réu Ali Mantash, que teria transmitido a Israel informações usadas na guerra de 34 dias contra o Hezbollah, em 2006. Ao todo três pessoas foram sentenciadas à morte. Israel não comentou. O Líbano, que está formalmente em guerra com Israel, descreve essas prisões como um duro golpe contra as ações da inteligência israelense em seu território, e diz que vários dos suspeitos haviam ajudado Israel a identificar alvos atacados na guerra de 2006.

Evo Morales chama jornalistas de "vuvuzelas da África do Sul"

O presidente da Bolívia, o indio cocaleiro trotskista Evo Morales, chamou nesta quarta-feira de "vuvuzelas da África do Sul" os jornalistas que o esperavam na porta do Palácio do Governo em busca de declarações. Assim, Evo Morales acrescenta um novo adjetivo na lista dos usados para se referir aos repórteres dos meios de comunicação. Mais de uma vez, o índio cocaleiro trotskista Evo Morales já os apelidou de "frangos de granja" e "paparazzi". "Já não são frangos de granja, são vuvuzelas da África do Sul", alfinetou o presidente antes de entrar no carro presidencial. Ele comparou o barulho dos jornalistas pedindo sua atenção com o das cornetas de plástico que ficaram famosas na última Copa do Mundo. Ele é o hitlerzinho dos altiplanos.

Dilma afirma que é contra controle social da mídia e taxação de grandes fortunas

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, rejeitou nesta quarta-feira que endossou os principais pontos polêmicos retirados da primeira versão de seu programa de governo registrado no Tribunal Superior Eleitoral. Em entrevista à TV Brasil, Dilma se posicionou contra o controle social da mídia e a taxação das grandes fortunas. A candidata afirmou também que a redução da jornada de trabalho deve ser negociada entre empregados e trabalhadores. A questão do controle social da mídia e a taxação das grandes fortunas foram os pontos mais polêmicos do primeiro programa apresentado pela petista. Após críticas de aliados horas depois, Dilma apresentou a segunda versão do programa. No entanto, uma crise foi criada no PT logo no início da campanha porque Dilma rubricou todas as páginas da primeira versão. A petista ainda prepara a terceira versão da plataforma de governo. Na entrevista, Dilma saiu em defesa da liberdade de imprensa: "O único controle que existe é o controle remoto. Sou contrária ao controle do conteúdo. No que se refere a controle social é impreciso. Não existe controle social que não seja público". Segundo ela, "é inadmissível a censura a imprensa, ao conteúdo, a critica. Sou rigorosamente contrária ao controle a imprensa". A petista disse ainda que quando se fala em liberdade tem que preservar o jornalista e que nunca antes na história do País um governo recebeu tantas críticas. Em relação à taxação de grandes fortunas, a candidata afirmou que em vários países a medida não funcionou. "A taxação das grandes fortunas é inócua. Já foi tentado fazer isso em vários lugares e isso não resulta em ganho para a sociedade", afirmou.

Bill Clinton é mais popular que Obama, aponta pesquisa Gallup

O ex-presidente americano Bill Clinton é mais apreciado pelos americanos atualmente que seus dois sucessores: George W. Bush e Barack Obama. Segundo pesquisa do instituto Gallup, 61% dos entrevistados têm uma visão favorável de Clinton, comparado a 52% de Obama e 45% de Bush. Entre os eleitores democratas, Clinton e Obama estão mais equiparados, mas os republicanos e independentes têm uma visão mais positiva de Clinton do que de Obama e Bush. Dos eleitores democratas, 89% têm visão positiva de Clinton e 86% de Obama, mas apenas 22% do republicano Bush. Já entre os eleitores republicanos, ocorre exatamente o contrário: 85% veem Bush de forma positiva, 30% apreciam Clinton e só 17% aprovam Obama. Entre os independentes, 60% têm visão positiva de Clinton, 50% de Obama e 37% de Obama. Segundo o Gallup, é a primeira vez que a aprovação de Clinton supera a de Obama.

Fundo de Amparo ao Trabalhador acumula saldo positivo de R$ 3,2 bilhões

O Ministério do Trabalho e Emprego divulgou nesta quarta-feira que o FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), cujos recursos são usados para custear o seguro-desemprego e abono salarial, fechou o primeiro semestre do ano com um saldo positivo de R$ 3,213 bilhões, uma alta de 88,15% em relação ao resultado do mesmo período do ano passado, quando acumulou R$ 1,7 bilhão. Segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, as contribuições de PIS/Pasep foram a principal fonte de arrecadação do FAT no primeiro semestre deste ano, acumulando R$ 13,8 bilhões no período (avanço de 22,64% ante os seis primeiros meses de 2009). As outras receitas somaram R$ 5,3 bilhões. O saldo foi obtido após despesas de R$ 10,19 bilhões para o pagamento de seguro-desemprego, R$ 163,5 milhões para o custeio do abono salarial, R$ 107,9 milhões para outros projetos e atividades e mais R$ 5,5 bilhões para programas do BNDES. Ainda de acordo com o Ministério, 3,624 milhões de trabalhadores receberam seguro-desemprego no primeiro semestre deste ano, um número 11% abaixo do registrado em mesmo período de 2009, quando 4.072 milhões foram beneficiados. A previsão é de que, até o fim do ano, 6,6 milhões de trabalhadores recebam o seguro-desemprego, abaixo dos 7,330 milhões de contemplados no ano passado.

Associação sugere o nome do juiz Fausto De Sanctis para o Supremo

Os juízes federais Fausto Martin De Sanctis, de São Paulo, e Odilon de Oliveira, do Mato Grosso do Sul, estão entre os magistrados escolhidos em eleição promovida pela Ajufe (Associação dos Juízes Federais do Brasil) para definir a lista sêxtupla com sugestões de nomes para preencher futuras vagas de ministro do Supremo Tribunal Federal A lista será apresentada ao presidente Lula nas próximas semanas. "É importante que haja representatividade de Magistrados Federais de carreira no Supremo", disse o Presidente da Ajufe, Gabriel Wedy. De Santis e Odilon foram alvos de manifestações de solidariedade dos juízes federais: o primeiro, pelo confronto com o ministro Gilmar Mendes, no episódio da prisão do banqueiro Daniel Dantas; o segundo, diante da reação dos advogados a gravações em parlatório de penitenciária federal em Campo Grande. Fausto De Sanctis é da corrente dos juízes que "ouve a voz rouca das ruas" e acha que a Constituição deve ser "relativizada". A lista com seis nomes é a seguinte: Fausto Martin De Sanctis, Leomar Barros Amorim de Sousa, Odilon de Oliveira, Reynaldo Soares da Fonseca, Ricardo César Mandarino Barreto e Teori Albino Zavascki.

FMI cancela dívida do Haiti e aprova programa para crescimento do País

O FMI cancelou nesta quarta-feira a dívida do Haiti e aprovou um novo programa para apoiar a reconstrução e o crescimento econômico no país, devastado por um terremoto, em janeiro passado. A direção executiva do FMI aprovou o "cancelamento completo" do passivo de US$ 268 milhões que o Haiti mantinha com a instituição multilateral com sede em Washington. Também deu sinal verde a um programa de três anos para apoiar a reconstrução e o crescimento depois do terremoto devastador de 12 de janeiro que deixou centenas de milhares de mortos no empobrecido país caribenho.

Paraguai quer aprovação de financiamento para Itaipu em cúpula do Mercosul

O chanceler paraguaio, Héctor Lacognata, disse nesta quarta-feira acreditar na aprovação durante a próxima Cúpula do Mercosul do financiamento para a linha de transmissão entre a represa de Itaipu e Assunção, que seu país propôs ao Brasil. O ministro explicou que os trâmites para o financiamento do Focem (Fundo para a Convergência Estrutural do Mercosul) terminaram e que só resta a aprovação da proposta, que deve ser respaldada por Argentina e Uruguai, os outros dois membros do bloco. "Confiamos em que isso acontecerá na Cúpula do Mercosul", declarou Lacognata. O encontro será realizado nos dias 2 e 3 de agosto, na cidade argentina de San Juan. A linha de transmissão de energia de Itaipu a Assunção, que terá um custo de aproximadamente US$ 500 milhões, foi proposta pelo Brasil ao Paraguai em julho de 2005, durante as negociações sobre a distribuição da renda e da energia da hidroelétrica, cuja propriedade é dividida entre os dois países. Inicialmente, as obras seriam financiadas pelo Brasil, mas os Governos dos dois países decidiram depois solicitar respaldo ao Focem, que foi criado para dar apoio econômico a obras de infraestrutura nos países-membros do bloco.

Procuradoria pede afastamento de juiz eleitoral que advoga para candidatos no Tocantins

A Procuradoria Regional Eleitoral do Tocantins entrou nesta quarta-feira com um pedido de afastamento do juiz eleitoral Hélio Miranda, que é advogado do governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB). Miranda também defende o ex-governador cassado Marcelo Miranda (PMDB), que concorre ao Senado, e outros três candidatos a deputado da coligação "Força do Povo". Apesar do trabalho de Miranda para os candidatos não ser na Justiça Eleitoral, o procurador João Gabriel Morais questionou a parcialidade do magistrado. "Como um juiz pode julgar contra seu próprio cliente, de quem recebe honorários advogando em outros casos?", diz ele. A Procuradoria também argumenta que o governador nomeou um filho do magistrado para um cargo no Estado.

Ministério do Planeamento retira do ar vídeo em que Paulo Bernardo chama vice de Serra de idiota

O Ministério do Planejamento retirou de sua página na internet um vídeo em que o ministro Paulo Bernardo chama o deputado federal Indio da Costa (DEM-RJ), candidato à vice-presidente pela chapa de José Serra, de idiota. A frase do ministro foi reproduzida em uma matéria do Jornal da Noite, da "Band", que foi ao ar na segunda-feira, sobre as declarações do deputado de que o PT é ligado às Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, organização terrorista e traficante de cocaína). "Eu acho que esse comportamento desse rapaz mostra que ele não está preparado. É ruim até para o candidato de oposição colocar uma pessoa que se comporta como um idiota", afirmou o ministro petista Paulo Bernardo, na matéria. O vídeo foi colocada em local de destaque na página inicial do site, no canal "MP no Youtube", na terça-feira, mas foi retirada do ar por volta de 11 horas. Enquanto foi exibida, o link da matéria mostrava a imagem de Indio da Costa congelada. Após retirar a matéria do ar, a assessoria de imprensa do ministério divulgou nota afirmando que houve um erro, já que o espaço é destinado à reprodução de reportagens em que são destacadas ações da pasta, e não repercussões políticas. A petralhada não perde o costume....

Ataque de Israel elimina dois terroristas e deixa outros seis feridos em Gaza

Soldados israelenses eliminara dois terroristas palestinos e feriram outros seis, na faixa de Gaza, nesta quarta-feira. Uma porta-voz do Exército de Israel afirmou que soldados abriram fogo contra militantes que estavam preparando o lançamento de um foguete. Representantes de um grupo terrorista em Gaza afirmaram que os mortos estavam entre seus membros. A violência na região de fronteira entre Israel e Gaza teve uma forte queda desde a ofensiva israelense no início de 2009, mas o Estado israelense mantém operações periódicas no território palestino, em resposta aos lançamentos de foguetes pelos terroristas.

Dilma recebe críticas de integrantes da própria campanha por ausência em debate

A candidata Dilma Rousseff (PT) recebeu críticas de integrantes da própria campanha petista depois de anunciar que não vai participar do primeiro debate entre os presidenciáveis na internet, marcado para segunda-feira. O coordenador da campanha de Dilma na internet, Marcelo Branco postou em sua página no Twitter mensagem na qual mobiliza aliados para pressionarem a candidata a comparecer ao debate, organizado pelos portais IG, Terra, MSN e Yahoo. O marqueteiro pediu que os internautas reproduzissem a mensagem: "quem quer a Dilma no debate online de segunda-feira levante a mão". Depois, foi mais direto: "queremos Dilma lá". Nos bastidores, petistas admitiram que a mobilização de Branco causou mal estar na campanha. Oficialmente, porém, declaram que o marqueteiro tem liberdade para manifestar suas opiniões na web. O presidente do PT, José Eduardo Dutra, negou que Dilma tenha resistência aos debates.

Brasil registra recorde nas exportações por via postal no primeiro semestre

O Brasil registrou um recorde nas exportações por via postal no primeiro semestre deste ano, informou nesta quarta-feira o Ministério das Comunicações. Segundo o levantamento, as vendas externas por meio dos Correios acumularam US$ 127 milhões nos seis primeiros meses deste ano. Em junho, foram registradas vendas de US$ 21 milhões, um avanço de 53% ante o mesmo mês de 2009. Contudo, por questões de sazonalidade, o resultado do mês passado ficou abaixo do apurado em maio, de US$ 23 milhões. Segundo o ministério, há quatro anos é observada uma redução do volume de exportações via postal em junho ante mês anterior. O Ministério divulgou ainda que o acumulado do primeiro semestre representa 62,1% do total apurado ao fim de todo o ano de 2008, quando foi obtido o melhor resultado das vendas internacionais por via postal.

FMI alerta sobre fraquezas no sistema bancário da zona do euro

O Fundo Monetário Internacional alertou nesta quarta-feira sobre as "debilidades" no sistema bancário da zona do euro e assinalou que "muitas" entidades financeiras "dependem em excesso" da "liquidez e de outro tipo de apoio governamental". O FMI, que publicou nesta quarta-feira as conclusões de sua análise da zona do euro, alertou que o crescimento é muito fraco para enfrentar os problemas de dívida, déficit e desemprego e aconselhou reformas estruturais, consolidação fiscal e medidas para reforçar o setor bancário. O organismo prevê que a zona do euro cresça 1% este ano e 1,3% em 2011, mas insistiu que seria necessária uma alta de entre 1,5% e 3% durante cinco anos para investir na "dinâmica adversa" da dívida.

Grandes petrolíferas querem criar sistema para responder a desastres

Quatro das maiores petrolíferas mundiais planejam criar uma força-tarefa para evitar futuros vazamentos nas águas profundas do Golfo do México, informou o jornal The Wall Street Journal. É uma aposta da indústria para restabelecer a confiança do governo americano após o desastre protagonizado pela BP. Segundo informa o jornal americano, as gigantes Exxon Mobil, Chevron, Royal Dutch Shell e ConocoPhillips devem anunciar ainda nesta quinta-feira a formação de uma joint venture. O objetivo da empreitada seria desenhar, construir e operar sistemas de resposta rápida para capturar e conter até 100 mil barris de petróleo fluindo a cerca de 3 quilômetros abaixo da superfície do mar. O sistema seria semelhante ao usado atualmente pela BP, que acabou ganhando experiência com esse tipo de operação durante os meses em que vem tentando conter o vazamento no golfo do México. O desastre teve início em abril, quando a plataforma Deepwater Horizon, operada pela petrolífera britânica, explodiu, matando 11 de seus funcionários, e a seguir afundando. De acordo com o The Wall Street Journal, as quatro empresas petrolíferas deverão fazer um investimento inicial de US$ 1 bilhão.

Em almoço com empresários em Nova York, Marina defende política econômica do governo

A candidata do PV à Presidência, Marina Silva, defendeu nesta quarta-feira a manutenção da política macroeconômica do governo Lula. "O Brasil vive um momento privilegiado em termos econômicos, mas não pode ser dar por satisfeito, precisa transformar essa janela de oportunidade em uma grande porta", afirmou a candidata para cerca de 40 empresários americanos e brasileiros que fazem parte do Conselho das Américas, em Nova York. Acompanhada do economista Eduardo Giannetti, Marina Silva disse que é a favor de um maior controle dos gastos públicos. "Precisamos que os investimentos estrangeiros sejam duradores. Uma das questões a ser resolver é o equilíbrio das contas públicas", disse.

China vai fornecer aço para frota da Transpetro

Os preços altos do aço no mercado interno levaram mais uma vez a Transpetro, braço de transporte da Petrobras, a escolher um fornecedor de fora do País para dar continuidade ao seu ambicioso Programa de Modernização e Expansão da Frota (Promef), que prevê construir 49 navios até 2014. Dois já foram entregues. Desta vez, o preço mais competitivo foi oferecido pela China, que vai fornecer 18,5 mil toneladas de chapas de aço para navios, informou o presidente da companhia, Sergio Machado, que participou nesta quarta-feira do Latin American Iron & Steel Trends. Segundo ele, entre agosto e setembro será lançada mais uma licitação para compra de 15 a 20 mil toneladas de aço, volume médio adquirido a cada licitação da empresa que prevê comprar uma média de 150 mil a 180 toneladas por ano até 2014. Machado não revelou o preço conseguido pelo aço chinês, mas informou que o valor médio de todas as compras de aço até o momento se situa na faixa de US$ 700,00 a tonelada. De acordo com o executivo, participaram da concorrência, vencida pela China, 15 siderúrgicas de oitos países, inclusive do Brasil. Apenas Usiminas e Cosipa produzem chapa de aço para navios no Brasil, mas, segundo Machado, "deve entrar mais gente nesse nicho", disse, sem dar pistas sobre o nome da possível nova concorrente.

Google lança novo sistema de busca de imagens

O Google vai lançar um novo mecanismo de busca de imagens para o mundo todo nesta semana. O acervo das buscas, segundo anunciou a companhia no blog oficial, contém agora 10 bilhões de imagens. As mudanças vão ser implementadas em alguns dias, segundo a companhia. Dentre elas, figuram o aumento das imagens quando se passa o mouse sobre elas, um layout diferenciado delas conforme o respectivo tamanho, além de uma navegação melhor, segundo informações do jornal "The Telegraph". A página que é mostrada quando o usuário clica na imagem também será atualizada, de forma que faça o usuário ir mais rápido ao site original da imagem procurada.

Polícia recua de afastamento e diz que delegadas continuam no caso do goleiro Bruno

A Polícia Civil de Minas Gerais recuou do afastamento das delegadas Alessandra Wilke e Ana Maria Santos das investigações envolvendo o goleiro Bruno Fernandes, suspeito de participar do suposto assassinato de sua ex-amante Eliza Samudio. Nesta quarta-feira, a corporação informou que as duas continuam participando dos trabalhos. O que mudou foi que Alessandra Wilke deixou de presidir o inquérito instaurado pela Delegacia de Homicídios de Contagem (MG). Na segunda-feira, a polícia havia informado do afastamento das duas delegadas do caso. Na ocasião, o chefe da Polícia Civil, Marco Antonio Monteiro, informou que o delegado Edson Moreira passaria a presidir o inquérito, e que o afastamento visava "dar prioridade absoluta à apuração, restringindo o acesso a informações para resguardar o trabalho para conclusão do inquérito com agilidade, no menor tempo possível". A divulgação do afastamento ocorreu após a Corregedoria da polícia mineira anunciar que iria investigar o vazamento de um vídeo em que Bruno nega envolvimento no crime. O vídeo, feito durante o vôo em que Bruno e Luiz Henrique Romão, o Macarrão, eram transferidos do Rio para Belo Horizonte, foi divulgado pelo "Fantástico", da TV Globo, no domingo.

Igreja Católica do Chile propõe perdoar crimes de militares durante ditadura

A Igreja chilena propôs nesta quarta-feira, em comunicado, incluir num indulto, por motivos humanitários, militares sentenciados por crimes contra os direitos humanos que tivessem tido um grau de responsabilidade menor nos casos e que tenham mostrado gestos de arrependimento. "Não esqueçamos que nem todos eles tiveram igual responsabilidade nos crimes que foram cometidos. Ao nosso ver, não cabem nem um indulto generalizado nem uma recusa geral do indulto para todos os ex-militares condenados pelos crimes de ditadura", assinala a proposta da Igreja, entregue nesta quarta-feira ao presidente Sebastián Piñera. "A reflexão deve distinguir, por exemplo, o grau de responsabilidade que coube a cada um, o grau de liberdade com que atuaram, os gestos de humanidade que tiveram e o arrependimento que manifestaram por seus delitos", afirma ainda o documento. A Igreja entregou sua proposta de indulto a presos nesta quarta-feira por ocasião do bicentenário da independência, na qual se assegura a salvaguarda do império da justiça em termos de crimes contra os direitos humanos. Essa proposta da Igreja Católica no Chile revela o quanto a instituição está degenerado. Perdoar torturadores e assassinos a mando de um Estado totalitário é totalmente impensável. Só degenerados podem propor algo assim. A ditadura de Augusto Pinochet (1973-1990) deixou 3.000 vítimas, entre mortos e desaparecidos. Mais de 500 militares da época são processado por esses casos.

Igreja Universal vai construir réplica do Templo de Salomão na zona leste de São Paulo

A Igreja Universal do Reino de Deus anunciou que irá construir na zona leste de São Paulo uma réplica do Templo de Salomão. Com capacidade para receber 10 mil fiéis, o templo não será de ouro e prata, como o original, mas promete ter detalhes iguais ao do antigo santuário. As informações foram divulgadas no blog do bispo Edir Macedo, líder religioso da Universal, na última segunda-feira. De acordo com o bispo, foram encomendadas pedras do mesmo modelo das pedras de Jerusalém, usadas por Salomão. Com 126 metros de comprimento e 104 metros de largura, o templo irá ocupar um quarteirão inteiro e promete ser maior que a "Catedral da Sé", maior igreja católica da cidade. A construção terá 55 metros de altura, o que correspondente a quase duas vezes a altura da estátua do "Cristo Redentor". Segundo o bispo, o templo irá ocupar 70 mil metros quadrados de área construída. A previsão é que a obra fique pronta em quatro anos. Dentro da imensa igreja haverá 36 escolas bíblicas com capacidade para abrigar cerca de mil crianças, estúdios de rádio e TV, um auditório para 500 pessoas, além de um estacionamento para mais de mil carros. Salomão, filho de David, construiu o templo após sete anos de obras. Em 587 antes de Cristo, os babilônios invadiram Jerusalém e destruíram o templo. Décadas depois, o templo foi reconstruído no mesmo local. O santuário foi destruído mais uma vez e a única parte que restou da construção é o Muro das Lamentações, considerado sagrado por milhares de judeus e cristãos de todo o mundo.

Após demora em atendimento, aposentado mata servidora da Secretaria da Saúde em Santa Catarina

Um aposentado matou a tiros, na terça-feira, uma funcionária da Secretaria Municipal da Saúde de Correia Pinto, município localizado a 258 quilômetros de Florianópolis, por causa da demora no atendimento. Segundo a Polícia Civil, Celso Muniz Coelho, de 65 anos, afirmou que havia cerca de um mês vinha procurando a Secretaria de Saúde do município para tratar uma hipertensão e em pelo menos cinco ocasiões voltou para casa sem ser atendido. Na terça-feira, cerca de duas horas antes do crime, o aposentado foi à delegacia da cidade para registrar um boletim de ocorrência por omissão de socorro. Após o registro, segundo a polícia, Coelho voltou para casa e pegou um revólver calibre 38 e uma faca. Por volta de 18h30, se dirigiu para a sede da Secretaria. Lá, ele disparou cinco vezes contra a servidora Lenimar Aparecida Ribeiro, de 41 anos. Ela morreu quando era levada a um hospital no município vizinho de Lages. Começou... brasileiros estão ficando exasperados com a má qualidade do serviço público no País, prestado por servidores que desprezam aqueles que pagam seus salários. Quem quiser comprovar isso, basta enfrentar uma fila qualquer no Brasil.

PT entra com ação contra Indio da Costa e pede R$ 40 mil de indenização

O PT entrou nesta quarta-feira com uma ação na 13ª Vara de Justiça do Distrito Federal por danos morais contra o PSDB e o deputado federal Indio da Costa (DEM-RJ), vice na chapa presidencial de José Serra (PSDB). Na ação, o partido pede uma indenização por difamação pelas declarações do vice acusando o PT de ter ligações com as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, organização terrorista e traficante de cocaína) e com o narcotráfico. O valor da causa estabelecido pelo PT é de R$ 40 mil. Esse valor serve de referência para a indenização que será fixada pelo juiz responsável pelo caso, se acolher o pedido.

Confiança da indústria cai, mas ainda supera 2009, diz CNI

Os industriais brasileiros está menos confiante neste mês de julho. A CNI (Confederação Nacional da Indústria) divulgou nesta quarta-feira o Icei (Índice de Confiança do Empresário Industrial), que apresentou uma queda de 2,6 pontos em relação ao mês anterior. O indicador alcançou 63,4 pontos, o que mostra que o empresariado ainda está otimista --o número vai de zero a 100 e valores superiores a 50 indicam confiança. Apesar do recuo, o número está acima do registrado em julho de 2009, quando chegou a 60,3 pontos. Para a CNI, a queda reflete a redução no ritmo de crescimento da indústria. A confederação prevê queda no indicador nos próximos meses, que deverá se estabilizar perto dos 62 pontos, nível registrado antes do período de crise econômica.

Saída de dólares bate entrada por US$ 2,031 bilhões até terceira semana de julho

O Banco Central informou que o fluxo cambial do País (diferença entre saídas e entradas de dólares) está negativo em US$ 2,031 bilhão até a terceira semana deste mês. Em julho do ano passado, considerando o mesmo período (sete dias úteis), também estava negativo, em US$ 377 milhões. Tanto a conta comercial (exportações e importações) quanto a conta financeira (movimentações de bancos) ajudaram no resultado. O primeiro teve saldo negativo de US$ 202 milhões e o segundo, de US$ 1,829 bilhão. No acumulado deste ano, o fluxo cambial é positivo em US$ 1,332 bilhão, ante US$ 2,289 bilhões no período de janeiro a julho de 2009.
Blog do PV diz que colaborador do programa de Marina Silva é o verdadeiro pai dos genéricos
O blog da candidata do PV à Presidência, Marina Silva, afirma que o secretário do Verde e do Meio Ambiente do município de São Paulo, e colaborador do programa de governo da candidata verde, Eduardo Jorge, é o verdadeiro pai dos genéricos. A polêmica em torno da paternidade começou entre os candidatos Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB). "Negociamos um substitutivo mais moderado do que meu projeto original e tivemos a aprovação da Lei 9787/99. Assim, muitos ajudaram, porém o autor da lei sou eu mesmo", disse Eduardo Jorge no blog. O site do PSDB afirma que "Serra triplicou a distribuição de remédios gratuitos, batalhou para baixar o preço dos remédios: reduziu impostos, brigou pela flexibilização de patentes de medicamentos importados e lançou os genéricos. Um sucesso até hoje". E é absolutamente verdadeiro, Serra lançou os genéricos no mercado farmacèutico nacional, portanto é o pai dos genéricos. O resto é conversa fiada de quem não tem nada a oferecer ao País.

Embraer recebe encomenda de 24 aviões da Republic Airlines

A Embraer e a Republic Airlines, o maior operador de E-Jets do mundo, assinaram nesta quarta-feira uma carta de intenções para a venda de 24 jatos Embraer 190. O valor total do acordo é de US$ 960 milhões. "Temos uma longa parceria com a Republic Airlines, que já opera os três modelos da nossa família de jatos ERJ 145, bem como o Embraer 170, o Embraer 175 e o Embraer 190", disse Paulo César de Souza e Silva, vice-presidente executivo da empresa para o mercado de aviação comercial. Os primeiros seis aviões serão entregues em meados de 2011.

Itália oferece asilo político a filho de ex-vice-presidente cubano

A região italiana da Toscana anunciou nesta quarta-feira que está disposta a receber o escritor cubano Juan Almeida, filho do vice-presidente cubano Juan Almeida Bosque. Juan está em greve de fome desde 15 de junho, após a recusa do governo cubano de deixá-lo sair do país para se curar de uma grave doença degenerativa. "Caso o passaporte seja entregue a Juan Almeida, nós estamos dispostos a acolhê-lo em nossa terra, se ele quiser", escreveu o responsável de Promoção de Direitos Humanos da Toscana, Riccardo Nencini. Segundo Nencini, Almeida pede há dois anos para viajar aos Estados Unidos para tratar de sua doença e visitar sua mulher Consuelo e sua filha, que vivem no país. "Tiraram tudo dele, seu computador, seus documentos, objetos pessoais", denunciou Nencini. Almeida disse estar proibido, desde 1998, de deixar Cuba. Ele já foi investigado pela ditadura sob a acusação de haver colaborado com serviços de inteligência estrangeiros e acabou preso em maio de 2009, quando tentou sair do país clandestinamente para encontrar sua mulher, nos Estados Unidos. Filho de um dos principais líderes da revolução de 1959, Almeida tem 43 anos e sofre de espondilite anquilosante, doença inflamatória crônica que atinge as grandes articulações do corpo, especialmente as da coluna. A enfermidade não tem cura, mas há tratamento para que o paciente possa conviver com ela. Atualmente, Almeida é obrigado a se apresentar regularmente no centro de detenção de Villa Marista, em Havana.

Google investe em energia eólica e em tecnologia geotérmica para se tornar "verde"

O Google espera se tornar uma companhia de carbono neutro ao mesmo tempo em que promove a energia verde dentro de 20 anos, a partir da compra de energia de uma fazenda de energia eólica localizada no Estado de Iowa, nos Estados Unidos. A companhia também investiu US$ 10 milhões em tecnologia geotérmica. A fazenda NextEra Energy Resources vai vender 114 megawatts de energia renovável ao Google. A companhia disse que a energia disso será suficiente para suprir muitos dos seus centros de dados. A NextEra Energy Resources tem por volta de 700 turbinas eólicas em uso no Iowa, cujas capacidades podem chegar a prover 250 mil domicílios. A companhia tem 9.000 turbinas em 17 pontos dos Estados Unidos e no Canadá. Outro investimento do Google se relaciona com a tecnologia geotérmica, na qual a companhia investiu em três projetos para gerar energia a partir da superfície terrestre. A empresa aplicou US$ 4 milhões na Potter Drilling, US$ 6,25 milhões na Alta Rock Energy e outros US$ 489,5 na Southern Methodist University Geothermal Lab, a fim de aprimorar a pesquisa e técnicas sobre o tema.

Economia informal movimenta R$ 578 bilhões

A economia informal movimentou R$ 578 bilhões no Brasil em 2009, o equivalente a 18,4% do PIB, aponta pesquisa divulgada pela Fundação Getulio Vargas e pelo Etco (Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial) nesta quarta-feira. A cifra corresponde ainda a um valor próximo ao PIB da Argentina. O resultado da participação de economia subterrânea do País, que compreende a produção de bens e serviços não reportados ao governo, mostra um avanço em relação a 2003. Naquele ano, os R$ 357 bilhões registrados representavam 21% do PIB. Na conversão para valores de 2009, essa cifra saltaria para R$ 523 bilhões. Segundo os pesquisadores, o que explica esse aumento é uma base maior do PIB, ou seja, o valor movimentado pela economia subterrânea pouco se alterou, porque a renda do brasileiro também subiu. De acordo com o pesquisador do Ibre (Instituto Brasileiro de Economia) da FGV, Fernando de Holanda Barbosa Filho, uma das variáveis que mais contribuiu para a queda na participação da economia subterrânea em relação ao total foi a busca pelo crédito. Isso significa que empresas e trabalhadores preferem arcar com o custo da formalização para ter acesso a financiamentos.

Corpo de ex-ditador da Romênia é exumado para comprovação de identidade

Mais de 20 anos após a execução do ex-ditador Nicolae Ceausescu, o governo da Romênia exumou nesta quarta-feira seu corpo e de sua mulher, Elena Ceasescu, para comprovar a identidade do casal, após um processo judicial de mais de cinco anos. A coleta dos cadáveres para exame de DNA foi realizada a pedido de Valentin Ceausescu, filho do ex-ditador. Para ele há uma suspeita de que os corpos enterrados não sejam de seus pais. Nicolae Ceausescu deteve o poder na Romênia durante 25 anos até ser executado na semana do Natal de 1989, durante uma revolução anti-comunista em que mais de mil pessoas morreram. Durante vários anos grande parte da população suspeitou que os corpos enterrados no cemitério Ghencea, em Bucareste, não fossem realmente do ex-líder e de sua mulher, mortos no dia de Natal, algo marcante para a memória coletiva da Romênia. As notícias sobre a exumação pegaram o país de surpresa, na madrugada desta quarta-feira. Oficiais do governo fecharam as tumbas rapidamente quando os jornalistas chegavam ao cemitério. Uma equipe de patologistas e funcionários do cemitério retiraram os caixões de Ceausescu e sua mulher das tumbas, coletaram amostras e os colocaram em sacos de plástico e enterraram novamente os restos mortais, em um processo que levou mais de duas horas. Ceausescu foi derrubado do poder no dia 22 de dezembro de 1989, quando os romenos resolveram se levantar contra o regime ditatorial. O líder tentou fugir de Bucareste de helicóptero, mas seu piloto o entregou ao povo. Após um julgamento sumário, ele e a mulher foram executados no dia 25 de dezembro de 1989, por um esquadrão de fuzilamento. Décadas depois, em 2005, a família processou o ministério de Defesa romeno dizendo que havia dúvidas "consideráveis" sobre a verdadeira identidade dos corpos enterrados como sendo do casal. O governo brutal do ex-ditador foi sustentado pelo serviço de inteligência Securitate, que tinha um Exército de cerca de 700 mil informantes para reprimir dissidentes durante 25 anos de regime.

Dilma tem 13 pontos a mais do que Serra no Ceará

Pesquisa O POVO/Datafolha divulgada nesta quarta-feira mostra que a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, está 13 pontos percentuais à frente de José Serra (PSDB), na corrida presidencial no Ceará. Dilma tem 41% das intenções de voto entre os cearenses, e Serra 28%. A candidata do PV, Marina Silva, chega a 8%. Plínio de Arruda Sampio (PSOL), José Maria Eymael (PSDC), Zé Maria (PSTU) e Rui Costa Pimenta (PCO) tem 1% cada um. Somados, todos os adversários de Dilma têm 40%. Na pesquisa espontânea, na qual os eleitores dizem em quem pretendem votar sem ver o nome dos candidatos, Dilma alcança 22%, contra 10% de Serra.

Transpetro encomenda 30 mil toneladas de aço para construção de embarcações

A Transpetro anunciou nesta quarta-feira nova encomenda de 30 mil toneladas de aço. Esse volume será utilizado na construção de embarcações que farão transporte de álcool para a Petrobras na hidrovia Tietê-Paraná. Ao todo, serão feitas 80 barcaças e 20 empurradores dentro do Promef (Programa de Modernização de Frotas) Hidrovias. "Esse programa vai permitir que deixem de ser feitas 40 mil viagens por ano de caminhão. Isso representará um gasto cinco vezes menor com combustível, será três vezes menos poluente e terá metade do custo", afirmou Sérgio Machado, presidente da Transpetro, subsidiária de logística da Petrobras. Junto a isso, a empresa pretende fechar ainda neste ano a compra de outras 50 mil toneladas de aço. Esse volume será voltado para a construção de navios petroleiros do Promef (Programa de Modernização e Expansão da Frota), que prevê 49 novas embarcações. Somados, o Promef e o Promef Hidrovias demandarão 710 mil toneladas de aço, sendo que 150 mil toneladas já foram adquiridas. De acordo com Machado, um terço do aço foi comprado no Brasil. Apesar de apenas dois navios terem sido entregues até hoje, o executivo garantiu que todos os barcos estarão prontos em 2014.

Goldman descarta Piritubão na Copa e não desiste de utilizar o Morumbi

O governador do estado de São Paulo, Alberto Goldman, descartou nesta quarta-feira a possibilidade de utilizar o Piritubão como estádio da capital paulista na Copa do Mundo-2014, no Brasil. "A questão de Pirituba é algo absolutamente fora de cogitação. Nós não temos condições de estabelecer uma data em que um empreendimento daquele possa ser colocado de pé", falou Goldman em entrevista à rádio CBN. "Que São Paulo faça todos os investimentos que tenha que fazer e que possam ser permanentes, que possam servir ao conjunto da população, não que sejam de um dia ou um mês. Pirituba está fora de cogitação", disse ele. Goldman disse que não desistiu da idéia de que São Paulo receba a abertura do Mundial e afirmou que ainda vai insistir na possibilidade de utilizar o Morumbi, que foi descartado pela CBF no mês passado por falta de garantias.

Celulares inteligentes podem se tornar novo acessório de guerra

Os celulares inteligentes podem se tornar a próxima arma no arsenal de batalha dos Estados Unidos, à medida que as companhias do setor de defesa tentam aproveitar o uso rapidamente crescente de sofisticados aplicativos móveis. A Raytheon, que produz o sistema de mísseis antiaéreos Patriot, está desenvolvendo um software que permitirá a um soldado localizar inimigos em suas imediações usando um celular equipado com o sistema operacional Google Android. O software terá capacidade suficiente para receber imagens aéreas de um satélite ou avião não tripulado, e em seguida se concentrar em detalhes como placas de automóveis ou traços faciais de uma pessoa. "Estamos tentando tirar vantagem da tecnologia dos celulares inteligentes e adaptá-la à necessidade dos soldados no campo de batalha", disse Mark Bigham, vice-presidente de soluções de defesa e missões civis na Raytheon. Até o momento, a Raytheon já adicionou seu software a aparelhos produzidos por Motorola e HTC. O Google vem colaborando para que a empresa ganhe acesso e compreenda sua plataforma Android, que concorre agressivamente com a plataforma iOS, criada pela Apple para o iPhone. "O Google nos ajudou a expandir os limites do celular", disse Bigham, acrescentando que a gigante da internet norte-americana deve se beneficiar financeiramente assim que o Raytheon Android Tactical System (RATS) chegar ao mercado de defesa. O exército dos Estados Unidos é um possível comprador do software e algumas equipes das forças especiais norte-americanas testaram o produto e assessoram a Raytheon, segundo Bigham, que acrescentou que as forças armadas indianas também poderiam ser um grande mercado para a companhia. Os celulares, dotados de telas sensíveis a toque coloridas, custariam cerca de US$ 500,00. O software também permitirá aos soldados interagirem entre si como contatos de um comunicador de mensagens instantâneas. Com isso, eles poderão acompanhar os movimentos de colegas no campo de batalha e identificar potenciais inimigos.

Mais um degredado pela ditadura de Cuba chega a Madri

Arturo Pérez de Alejo, de 58 anos, chegou nesta quarta-feira ao Aeroporto Internacional de Barajas, em Madri, totalizando em 12 o número de dissidentes cubanos que já se encontram em solo espanhol, degredados pela ditadura cubana, após o início das libertações realizadas pela ditadura comandada pelos irmãos facínoras Castro (Fidel e Raul). Presidente da ONG de direitos humanos "Escambay", Alejo partiu em um vôo comercial que chegou à capital da Espanha com 40 minutos de atraso. O dissidente havia sido condenado a 20 anos de prisão em 2003, e assim como os outros ex-presos políticos que foram degredados para a Espanha será alojado temporariamente com sua família em um albergue na região madrilenha de Vallecas. Se escolher fixar residência no país europeu será trasladado a um centro de acolhimento da Cruz Vermelha, CEAR ou da Accem, as três organizações que estão atendendo os cubanos degredados até o momento. Pérez de Alejo tem uma úlcera no estômago, sofre de doenças cardiovasculares no ventrículo esquerdo do coração e teve perda parcial de audição. Outros oito presos políticos devem sder degredados para a Espanha nos próximos dias, completando a lista de 20 que aceitaram sair da prisão em Cuba para seguirem para a Europa. O Chile e os Estados Unidos também já se ofereceram para receber os dissidentes como exilados.

Internet sem fio é usada por 59% dos norte-americanos

De acordo com um estudo da consultoria Pew Research Center, divulgado no início do mês, 59% de toda a população adulta (acima de 18 anos) norte-americana acessa a internet por meio de dispositivos móveis, como celulares e notebooks. O número representa um aumento sobre os 51% registrados em 2009. As pessoas com idade de 18 a 29 anos são os que mais usam internet por meio de celular ou smartphone (90% deles têm um). Destes, 52% já usam o telefone para enviar e receber e-mails, 64% usam o aparelho para acessar a internet e 60% gravam vídeos ou joga games. Outros 23% acessam redes sociais, como o Facebook e o MySpace, usando o celular. Apesar disso, o estudo mostra que o número de internautas na faixa etária de 30 a 49 anos cresce a cada ano. Em 2009, eles representavam 31% e, em maio de 2010, já somavam 43% do número total de internautas dos Estados Unidos. Os norte-americanos também estão utilizando mais funções em seus celulares. Em 2009, 66% tiravam fotos e 27% aproveitavam o telefone para jogar games, por exemplo. Em 2010 esses percentuais subiram para 76% e 34%, respectivamente. Mais da metade dos usuários que acessam a internet por meio do celular (55%) fazem a atividade diariamente. O estudo também mostra que 9% dos adultos nos Estados Unidos se conectam a internet por meio de um tocador MP3, leitores de livros eletrônicos ou tablets como o iPad, da Apple.

Educação no Rio de Janeiro de Sérgio Cabral é a crônica de uma tragédia anunciada

O péssimo resultado das escolas públicas do Rio de Janeiro no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), no qual só ficou à frente do adiantadíssimo e progressista Piaui, desconcertou aqueles que ainda acreditam que o Estado é a capital cultural do País, diz o doutor em Educação e acadêmico Arnaldo Niskier. Ele aponta "um somatório de causas", como baixos salários, poucos estímulos, deserção brutal dos mestres, falta de professores de matemática, física, química, como responsáveis pelo cenário. E pergunta: "como pode um sistema de ensino operar com tais brechas, se o atual governo está há quatro anos no poder, tempo suficiente para corrigir essas distorções?" Resposta: o governador Sérgio Cabral nada fez.

Procurador-geral determina que Sandra Cureau pode comandar a instituição

Segundo a portaria publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira, o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, determinou que a vice-procuradora-geral eleitoral, Sandra Cureau, vai coordenar o órgão na ausência do titular e da vice-procurdadora-geral da República, Deborah Duprat. De acordo com a Procuradoria Geral, já era praxe o ocupante da vice-procuradoria-geral eleitoral ser o terceiro na linha de comando. A portaria foi publicada depois que o PT acusou Sandra Cureau de ter exagerado em suas ações e ameaçou fazer uma representação contra ela no Conselho Nacional do Ministério Público, em uma clara ameaça intimidatória contra o Ministério Público. Petralhismo explícito.

Sérgio Cabral não participará de debates

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), candidato à reeleição, disse nesta quarta-feira que não participará dos debates nos meios de comunicação. "A população nos conhece. Há uma avaliação nesta eleição se este governo merece continuar ou não", afirmou ele. Cabral disse que se coloca á disposição para entrevistas. Muito engraçadinho o rapaz, grande omisso em todas as calamidades que afetaram o Estado. E governador da pior educação pública do País.

Acabou mais um acampamento em Brasilia, o de palestinos que não querem ficar no Brasil

Nesta quarta-feira a administração do Lago Sul, onde fica a embaixada da Palestina, em Brasília, retirou um grupo de refugiados que estava acampado em frente ao local, há 45 dias pedindo ajuda para deixar o País. Acolhidos pelo Brasil em 2007, os refugiados, ao serem abordados por policiais militares, afirmaram que só iriam se retirar se "levassem um tiro na cabeça". Porém, após negociação, os refugiados decidiram ir para um prédio na Samambaia, oferecido por um líder palestino, onde residem pessoas na mesma situação. Essa gente precisa ser mandada embora correndo, despachada para a Faixa de Gaza.

TSE nega pedido do PSOL para participar de entrevista na TV Brasil

O ministro Henrique Neves, do Tribunal Superior Eleitoral, negou pedido do PSOL para que o candidato do partido à Presidência, Plínio de Arruda Sampaio, participasse de rodada de entrevistas organizada pela TV Brasil, que terá a presença de seus adversários, Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV). Segundo o PSOL, a emissora desrespeitou a Lei das Eleições que obriga a participação de candidatos de partidos com representação na Câmara dos Deputados em debates de televisão. Neves entendeu que a lei trata apenas de debates e não de entrevistas. "Em outras palavras, não há como se pretender obrigar as emissoras de rádio e televisão a entrevistar candidatos", afirmou.

Servidor do Tribunal de Contas gaúcho consegue reverter na Justiça o corte de salário

Um servidor do Tribunal Contas do Estado do Estado do Rio Grande do Sul conseguiu reverter na Justiça o corte de salário. A decisão liminar foi emitida nesta quarta-feira pelo Tribunal de Justiça. Ronaldo Eli Pereira dos Santos é auditor público aposentado e recebia acima do teto salarial do Estado, de R$ 26 mil. Ele foi um dos 66 servidores que tiveram os vencimentos reduzidos pela presidência do TCE, em junho. Esta foi a primeira ação judicial a contestar o corte. A Superintendência de Auditoria Externa do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul é um setor que deveria ser fechado, e todos os auditores externos colocados em quadro em extinção. Ocorre que essa auditoria externa é completamente inútil, ela nunca investiga nada que represente grandes roubalheiras do dinheiro público gaúcho. Videversus dá um exemplo: a auditoria externa não investiga os contratos de lixo de Porto Alegre, Canoas e outras grandes cidades gaúchas. E também não investiga as fraudulentas concessões de licenças ambientais para o funcionamento de centrais de resíduos industriais emitidas pela Fepam, que também não fiscaliza as empresas. Seria muito barato, e muito mais eficaz para o contribuinte gaúcho, se a cada caso o Tribunal de Contas contratasse uma empresa privada de auditoria para a realização de seus trabalhos. Como vantagem adicional, o contribuinte gaúcho fecharia no Tribunal de Contas uma fábrica de inúteis marajás, e uma sucursal do petismo.

Eletrobras disputará 3 novas usinas em leilão de energia hidrelétrica

O presidente da Eletrobras, José Antônio Muniz Lopes, disse nesta quarta-feira que, por meio de suas subsidiárias, entrará na disputa pelas três novas usinas hidrelétricas cujas concessões serão oferecidas aos investidores no leilão do dia 30 de julho. Segundo ele, nos três casos, a Eletrobras vai se associar a empresas privadas. No caso da usina de Colíder (300 megawatts), em Mato Grosso, a Eletronorte e Furnas estarão juntas em um consórcio que terá ainda empresas privadas. Para disputar a concessão da hidrelétrica de Ferreira Gomes (252 MW), no Amapá, a subsidiária escolhida é a Eletronorte, que integrará consórcios com empresas privadas. Já no leilão do projeto da usina de Garibaldi (177,9 MW), em Santa Catarina, quem formará um consórcio com empresas privadas é a Eletrosul.