sábado, 6 de fevereiro de 2010

Equipes retomam neste mês buscas por avião da Air France que caiu no meio do Atlântico

Autoridades francesas afirmaram na sexta-feira que equipes internacionais de buscas retomarão neste mês as buscas pelos destroços do avião da Airbus da Air France que caiu no oceano Atlântico em 31 de maio do ano passado, quando fazia o trajeto Rio-Paris. Os 228 ocupantes da aeronave, que fazia o vôo 447, morreram. Três navios especializados, equipados com aparelhos capazes de ir até 8.000 metros de profundidade, serão enviados para uma área de busca de 1.500 quilômetros quadrados. "Nosso objetivo é começar as buscas no fim de fevereiro", disse um porta-voz da agência de investigação de acidentes aéreos da França. Busca feita pela Marinha e pela Aeronáutica do Brasil logo após o acidente encontrou vários pedaços da aeronave e 50 corpos, mas as caixas-pretas do avião, que poderiam ajudar a entender o desastre, ainda não foram recuperadas.

PT de Minas Gerais vai homenagear José Alencar com "filiação honorária"

O vice-presidente José Alencar (PRB) receberá do PT de Minas Gerais o título de "filido honorário". A entrega do título será feita na festa de 30 anos do PT, na segunda-feira. "Queremos homenageá-lo pelo compromisso com o governo Lula, pela lealdade, pelo brasileiro que ele é e pelo que representou nestes oito anos", disse o presidente do PT de Minas Gerais , deputado federal Reginaldo Lopes.

Cristina Kirchner diz ter sido censurada por TV do Grupo Clarín

A presidente da Argentina, a peronista populista Cristina Kirchner, disse na sexta-feira ter sido censurada pelo canal de TV a cabo Todo Noticias (TN), que pertence ao Grupo Clarín, quando declarou na última quarta-feira que acionistas dessa empresa respondem a um processo por lavagem de dinheiro. A presidente fez as acusações ao Clarín na sexta-feria, durante um ato público de inauguração de uma ponte que liga dois bairros pobres da região metropolitana de Buenos Aires. Todos os populistas da América Latina estão querendo fechar veículos de comunicação e cercear a liberda de informação.

Governo reduz imposto de importação de 149 produtos

A Camex (Câmara de Comércio Exterior) reduziu o imposto de importação de 149 produtos. A decisão foi publicada no Diário Oficial de sexta-feira e já está valendo. Dos produtos beneficiados, 139 bens de capital e oito de informática e telecomunicações tiveram as alíquotas reduzidas para 2% até o dia 31 de dezembro. As alíquotas anteriores variavam de 11% a 16%. Entre os equipamentos estão roteadores, motores marítimos, condensadores, empilhadeiras e aquecedores. Os principais setores beneficiados são ferrovias, metalurgia, construção civil e petróleo. Outros dois produtos tiveram a alíquota zerada, também até o fim do ano, ambos para transmissão de sinais da TV digital, codificadores e equipamentos de monitoramento de sinais.

Carlos Lupi diz que eleição será plebiscitária e que fica no governo até dezembro

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, disse na sexta-feira que a eleição presidencial deste ano será plebiscitária entre os governos Lula e Fernando Henrique Cardoso. Presidente licenciado do PDT, que já anunciou apoio à candidata do PT, a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), Lupi reafirmou que pretende ficar no governo até dezembro, e que, portanto, não vai se candidatar a qualquer cargo eletivo. "A ministra Dilma vai ser nossa candidata, e na minha opinião, essa eleição vai ser plebiscitária, já tenho falado isso há algum tempo. Vai ter que se julgar quem é a favor do governo Lula, vota na Dilma. Quem for contra, vota no candidato da oposição", afirmou ele. Até parece um gênio em política, Leonel Brizola deve se revirar na tumba cada vez que Carlos Lupi abre a boca.

Congresso vai discutir veto de Lula ao Orçamento na terça-feira

O Congresso Nacional vai discutir na terça-feira, em sessão conjunta da Câmara e do Senado, o veto do presidente Lula ao Orçamento, que liberou quatro obras da Petrobras consideradas irregulares pelo Tribunal de Contas da União, as das refinarias Abreu e Lima (PE) e Presidente Getúlio Vargas (PR), do terminal de escoamento de Barra do Riacho (ES) e do Comperj (Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro). Consultores de Orçamento do Congresso elaboraram um parecer contestando o veto do presidente, baseado em "raciocínios simplistas". Como a oposição prometeu obstruir as votações na Casa Legislativa se os governistas não colocassem em votação o tema, a base governista aceitou discutir o assunto, em troca da apreciação dos projetos que regulamentam a exploração da camada pré-sal descoberta na costa brasileira.

Justiça do Mato Grosso notifica pilotos do jato Legacy sobre novo processo criminal

Os pilotos norte-americanos Joe Lepore e Jan Paul Paladino, que comandavam o jato Legacy no momento em que ele se chocou com o Boeing da Gol em setembro de 2006, foram notificados sobre o novo processo em andamento contra eles na Justiça Federal de Mato Grosso pelo acidente que causou a morte dos 154 ocupantes do vôo 1907. A nova denúncia, de atentado contra a segurança do transporte aéreo nacional, na modalidade culposa, baseia-se em dois laudos que apontam condutas erradas dos pilotos: a de que eles omitiram a informação de que o jato não tinha autorização para voar em uma área tida como espaço aéreo especial e a de que não fizeram uso do TCAS (sistema anticolisão) em nenhum momento durante o vôo. Os laudos concluíram que o plano de vôo fornecido pela Embraer à ExcelAire continha uma informação falsa, a de que o jato poderia voar a uma distância de mil pés (cerca de 304 metros), quando deveria ficar, ao menos, a cerca de 2.000 pés (pelo menos 600 metros) de distância da outra aeronave. Isso ocorre porque a ExcelAire não havia incluído o aparelho em suas especificações operativas e atendido aos critérios constantes do Regulamento Brasileiro de Homologação Aeronáutica. O jato somente poderia voar a mil pés caso viesse a ser autorizado pelo DAC (Departamento de Aviação Civil), o que não ocorreu. A denúncia contra os pilotos já tinha sido apresentada em junho do ano passado, e aguardava a citação dos dois, que foi feita agora, após eles serem notificados. Agora, a defesa dos pilotos terá dez dias para apresentar a defesa escrita e, com isso, o juiz decidirá se absolve os dois ou se o processo segue para a produção de provas. Este é o segundo processo movido contra os pilotos norte-americanos.

Justiça Eleitoral faz recadastramento biométrico em mais 11 cidades

Mais 11 cidades de quatro regiões passarão pelo recadastramento para o uso da urna biométrica nas eleições deste ano. A ordem é do ministro Felix Fisher, corregedor-geral da Justiça Eleitoral. O ministro espera que o recadastramento comece nessas cidades no próximo dia 18. As cidades são: São José de Mipibu (RN), Nísia Floresta (RN), Sales Oliveira (SP), São Vicente Ferrer (MA), São João Batista (MA), Piripiri (PI), Cajapió (MA), São Fernando (RN), Timbaúba dos Batistas (RN), Campo Verde (MT) e Assis Brasil (AC). O Tribunal Superior Eleitoral espera ter urnas biométricas em 50 cidades este ano. A expectativa do presidente do tribunal, ministro Carlos Ayres Britto, é de 4 milhões de brasileiros com o cadastro biométrico em outubro.

Basf é autorizada a vender soja geneticamente modificada no Brasil

O grupo químico alemão Basf anunciou na sexta-feira que obteve autorização para comercializar no Brasil grãos de soja geneticamente modificados. Esse grão resistente aos herbicidas será cultivado no Brasil a partir de 2011/2012, e a Basf tem a intenção de exportá-lo depois para outros países da América do Sul, e também para a União Européia e para a China. Batizado de "Cultivance", a semente transgênica de soja foi desenvolvida em associação com a estatal Embrapa. É a primeira vez que a Basf obtém uma autorização para comercializar uma semente geneticamente modificada. A Basf tem outros transgênicos desenvolvidos, como sua batata transgênica Amflora, que espera há 14 anos uma autorização de comercialização da Comissão Européia. A Basf também tenta vender nos Estados Unidos um milho transgênico resistente à seca e desenvolvido com o grupo norte-americano Monsanto.

Exportação de suco de laranja do Brasil pode voltar ao patamar de 2008

Uma previsão preliminar para a receita com as exportações de suco de laranja do Brasil em 2010 indica que os dólares gerados com os embarques podem crescer cerca de 20%, voltando aos níveis pré-crise, disse o presidente da BR Citrus, Christian Lohbauer. Em 2009, as exportações brasileiras de suco de laranja concentrado e congelado (FCOJ) somaram US$ 1,61 bilhão, representando uma queda de 19% ante 2008, em meio a preços mais baixos. Mas em 2010 as cotações já apontam recuperação com a expectativa de uma safra menor na Flórida, atingida por doenças e geadas. O Brasil, maior exportador mundial, embarcou no ano passado 1,30 milhão de toneladas de suco (em FCOJ equivalente), pequeno aumento de 0,7% ante 2008, segundo a BR Citrus. De acordo com o executivo, os contratos de exportações no ano passado tiveram valores "muito ruins", de US$ 1.000,00 por tonelada, e os que estão sendo fechados para as exportações em 2010 estão acima de US$ 1.500,00. A colheita da nova safra de laranja do Brasil começa oficialmente em junho.

No Twitter, Serra diz que não leu editorial da "Economist" sobre sua pré-candidatura

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), pré-candidato à Presidência, afirmou que não leu o editorial da revista inglesa "The Economist" no qual avalia que ele corre risco de perder a eleição presidencial se continuar a tática de não se mostrar como candidato. "Não li a Economist desta semana. Não tive tempo. Boa noite a todos", afirmou Serra no seu Twitter na noite da última quinta-feira. Segundo "The Economist", "Serra precisa subir no banquinho e começar a entoar as próprias loas agora, se quer evitar ser lembrado como o melhor presidente que o Brasil nunca teve". A publicação diz que Serra fez um trabalho decente no governo de São Paulo, mas vem perdendo a liderança nas pesquisas de intenção de votos. "O tumultuado sistema multipartidário brasileiro, no qual os candidatos têm de costurar delicadamente amplas coalizões, é duro com aqueles cujos comboios perdem a força do momento", diz a revista

Demanda de passageiros da Gol cresce 32,1% em janeiro

A demanda de passageiros da Gol subiu 32,1% em janeiro, ante o mesmo mês do ano passado, segundo números preliminares divulgados pela companhia na sexta-feira. Os dados de todas as aéreas serão divulgados pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) nos próximos dias. De acordo com a companhia, o aumento em janeiro, que foi o segundo consecutivo, representa alta de 31,4% no mercado doméstico e de 36,9% no tráfego internacional. Em comunicado, a Gol afirma que os principais fatores para o aumento foram a melhora no cenário econômico no Brasil e América do Sul e um "posicionamento estratégico diferenciado", dentro do qual a companhia cita a maior frequência de rotas entre os principais aeroportos.

Lula diz que governo ainda não decidiu sobre compra de caças

O presidente Lula afirmou na sexta-feira que o governo ainda não tomou uma decisão sobre da compra de caças para modernização da frota da FAB. Segundo Lula, as propostas continuam sob análise do Ministério da Defesa. "Quero reafirmar que, até o momento, não há qualquer decisão tomada em relação à compra dos caças. Trata-se de uma escolha muito importante para o governo e para o Brasil, considerando a nossa determinação de fazer da política nacional de defesa um eixo de desenvolvimento econômico e de autonomia tecnológica", afirmou o presidente. Ele afirmou que vai tomar sua decisão somente depois que o Ministério da Defesa examinar as propostas e depois de ouvir o Conselho de Defesa Nacional. Segundo ele, "um dos pontos dos quais não vamos abrir mão é o compromisso da empresa de promover a transferência irrestrita de toda a tecnologia de ponta".

MEC diz que quase 100% das vagas oferecidas pelo Sisu foram preenchidas

A secretária de Educação Superior do Ministério da Educação, Maria Paula Dallari Bucci, minimizou na sexta-feira os problemas ocorridos na inscrição do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) e afirmou que quase 100% das vagas foram preenchidas. Segundo a secretária, os problemas de acesso no sistema ocorreram apenas no primeiro dia de inscrições, mas depois foram solucionados. "A avaliação do Sisu é muito positiva. Os problemas de acesso aconteceram no primeiro dia, depois o sistema foi um sucesso. A gente tem a informação de que todos os alunos que quiseram se inscrever, puderam. Nos últimos dias, as inscrições diminuíram, o que mostra que não houve problema", afirmou. A secretária disse que o Sisu "veio para ficar", especialmente com a demanda de reitores de instituições de ensino superior interessados em ingressar no programa. Das 47,9 mil vagas disponíveis no Sisu, a secretária disse que 47.680 foram selecionadas. As vagas pendentes, segundo a secretária, foram referentes a ações afirmativas das universidades (cotas) e estarão disponíveis na etapa futura de seleção.

Senador Heráclito Fortes admite que fraude em hora extra é prática comum no serviço público

O primeiro-secretário do Senado Federal, senador Heráclito Fortes (DEM-PI), reconheceu na sexta-feira que é "prática comum" na administração pública federal as fraudes no controle de frequência dos servidores para o pagamento de horas extras irregulares. Ao comentar a investigação da Casa que apura possíveis fraudes cometidas por cinco funcionários do Senado no registro de horas extras, Heráclito Fortes disse que não gostaria de vê-los demitidos dos cargos. "A punição revela uma fragilidade legal, são jovens em estágio probatório. Particularmente, como ser humano, não gostaria que houvesse a punição máxima ou a demissão. Talvez uma suspensão", afirmou ele. E assim é que se constrói a impunidade no País. O Senado aumentou em R$ 3,7 milhões os gastos com o pagamento de horas extras em 2009, mesmo depois do anúncio de medidas para reduzir as despesas da Casa tomadas em meio à crise política que atingiu a instituição no ano passado.

Nigeriano que tentou explodir avião acusa clérigo de planejar ataque

O nigeriano Umar Farouk Abdulmutallab, indiciado por tentar explodir um avião que sobrevoava os Estados Unidos no dia 25 de dezembro, disse aos investigadores que o clérigo radical americano-iemenita Anwar Al Awlaki foi quem ordenou o ataque. No dia de Natal, o nigeriano conseguiu embarcar, em Amsterdã (Holanda), em um vôo comercial com destino a Detroit (EUA) com um pó explosivo escondido na cueca. O rapaz só não provocou uma explosão no avi9ão, que levava cerca de 300 pessoas, porque foi contido por outros passageiros. Preso, o jovem contou que foi treinado no Iêmen por uma célula da rede terrorista Al Qaeda. O relato de Abdulmutallab contradiz o próprio clérigo que, em entrevista divulgada pela rede árabe Al Jazeera, negou ter ordenado o ataque contra o avião da Northwest. Awlaki admitiu que Abdulmutallab era seu aluno e disse ainda apoiar o ataque, embora preferisse um alvo militar norte-americano. Funcionários do governo norte-americano disseram que Abdulmutallab está cooperando com os investigadores, depois de receber orientação de seus familiares. Os investigadores norte-americanos estão interessados na disponibilidade do nigeriano para incriminar e prender Awlaki, que está escondido nas remotas montanhas do Iêmen. Abdulmutallab disse aos investigadores que conseguiu no Iêmen os potentes explosivos PETN e TPTA que utilizou na tentativa de explodir o avião. Abdulmutallab foi treinado para realizar o ataque no Iêmen, onde se reuniu com Awlaqi na região de Wadi Rafadh, na Província de Chabwa. O jovem nigeriano também foi recebido por Chabwa Mohammad Umir, um dos líderes da rede terrorista Al Qaeda, que morreu em um bombardeio aéreo no dia 24 de dezembro, no Iêmen. Os investigadores norte-americanos afirmam que as revelações do nigeriano mostram que Awlaki tem um papel chave na escolha dos objetivos e no direcionamento dos ataques do braço da Al Qaeda na Península Arábica. As autoridades norte-americanas dizem que Awlaki trabalha com o braço da Al Qaeda no Iêmen, que reivindicou autoria da tentativa de ataque no voo da Northwest Airlines que fazia a rota entre Amsterdã (Holanda) e Detroit. O nome do clérigo aparece ainda vinculado ao major norte-americano Nidal Malik Hasan, que matou, em 5 de novembro passado, 13 pessoas na base militar de Fort Hood, no Texas. Awlaki tem pais iemenitas e nasceu no Novo México (EUA). Ele já pregou em mesquitas na Califórnia e Virgínia antes de se mudar para a cidade natal de seus pais no Iêmen, em 2004.

Presidente da Toyota pede desculpas por megarecall

O presidente da montadora japonesa Toyota Motor, Akio Toyoda, se desculpou na sexta-feira pelo megarecall que a empresa anunciou no dia 21 de janeiro e atingiu cerca de 8,1 milhões de veículos. Além das desculpas, ele prometeu formar um comitê especial, que ele mesmo chefiará, para cuidar do controle de qualidade da empresa. "Lamento profundamente as moléstias e os temores causados aos clientes devido ao recall dos veículos] em muitas regiões", afirmou, em uma conferência de imprensa, a primeira desde o anúncio do recall. Toyoda, que é neto do fundador da empresa, disse que a montadora ainda está decidindo que ação adotar em relação ao problema no freio do modelo híbrido Prius. Na quarta-feira a Toyota admitiu que também recebeu dezenas de reclamações referentes aos freios do Prius. A empresa informou que o custo do megarecall da Toyota pode chegar a 180 bilhões de ienes (US$ 1,98 bilhão), com 110 bilhões de ienes (US$ 1,21 bilhão) para reparos e de 70 bilhões de ienes (US$ 770 milhões) a 80 bilhões de ienes (US$ 880 milhões) em vendas perdidas. O recall envolve aproximadamente 8 milhões de carros no mundo por dois problemas relacionados ao pedal de aceleração. Um desses problemas causou cinco mortes em dois incidentes, segundo autoridades de segurança dos Estados Unidos. Fazem parte do recall na Europa os modelos: Aygo, iQ, Yaris, Auris, Corolla, Verso, Avensis e RAV4.

Inflação em 12 meses sobe 4,59% e registra maior alta desde junho de 2009

A inflação mais alta em janeiro fez com que a taxa acumulada em 12 meses registrasse a maior alta desde junho do ano passado. No acumulado até janeiro, a alta é de 4,59%. Na metade de 2009, o índice havia chegado a 4,80%, segundo dados do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), divulgados na sexta-feira pelo IBGE. "Houve expressiva reversão na ótica dos 12 meses, se comparado ao que vinha sendo observado no ano passado", comentou a coordenadora de Índice de Preços do IBGE, Eulina dos Santos. Em dezembro, a taxa acumulada em 12 meses não tinha passado de 4,31%. A inflação medida pelo IPCA subiu 0,75% em janeiro, maior variação desde maio de 2008. Trata-se também da maior alta para o mês de janeiro desde 2004. Naquele ano, a inflação no primeiro mês do ano registrou elevação de 0,76%. Os alimentos foram decisivos para a significativa elevação do IPCA em janeiro. A variação de 1,13% dos produtos alimentícios é a maior desde junho de 2008, quando esses itens haviam ficado 2,11% mais caros.

PMDB negocia manutenção de ministérios no governo Lula

O PMDB começou a articular a manutenção dos cargos que ocupa no primeiro escalão do governo do presidente Lula. A mudança será por conta da saída de ministros que vão disputar as eleições de outubro. Já está decidido que o ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, será substituído por Wagner Rossi, próximo ao deputado federal Michel Temer (PMDB-SP). Stephanes deverá concorrer a deputado federal pelo PMDB do Paraná. Já o ministro das Comunicações, Hélio Costa, deverá promover o atual chefe de gabinete, José Artur Filardi Leite. Hélio Costa está em negociação com o PT para disputar o governo de Minas Gerais.

Agroindústria registra queda de 4,9% em 2009, conforme o IBGE

A agroindústria brasileira registrou produção 4,9% inferior em 2009, na comparação com o ano anterior, informou na sexta-feira o IBGE. Em 2008, o segmento havia avançado 1,7%. O resultado teve influência direta da crise econômica e da seca na região Sul, em meados do ano passado. A safra do do ano passado teve recuo de 8,3%, e foi determinante para o desempenho. Contribuíram também a menor produção de máquinas e equipamentos agrícolas (-28,7%), adubos e fertilizantes (-2,1%) e defensivos agropecuários (-15,7%). A agricultura apresentou variação negativa de 5,2%. Entre os setores de produtos industriais derivados da agricultura, houve queda de 4% em 2009. A produção de derivados da soja caiu de 9,1%. Já os derivados da cana-de-açúcar registraram retração de 5,9%, impactados pela menor produção de álcool (-15,4%), na comparação com 2008. Já a pecuária recuou menos, com variação negativa de 1,1%. Entre os produtos industriais derivados da pecuária, a produção de aves teve queda de 0,7%. Já os derivados da pecuária bovina e suína recuaram 2,9%.

Aécio Neves nega em público, mas já avalia ser vice de Serra na disputa pela Presidência

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), já admite em conversas com interlocutores a hipótese de disputar como vice na chapa do governador de São Paulo, José Serra (PSDB), à Presidência da República. Mas, ele está disposto a só tomar esta decisão em abril, quando já estiver fora do governo. Nas conversas com Aécio Neves, os aliados ponderam que ele poderá ser responsabilizado por uma eventual derrota do PSDB, caso resista ao apelo. Segundo a assessoria de Aécio Neves, não houve nenhum encontro do governador com o comando do PSDB para definir a candidatura. Mas, em seu discurso, ele se colocou à disposição do partido.

Petista Aloizio Mercadante já faz campanha pelo Interior de São Paulo

Enquanto Ciro Gomes (PSB-CE) se distancia do projeto eleitoral de São Paulo e o PT estadual aguarda praticamente imóvel uma orientação do presidente Lula sobre a sucessão, o senador Aloízio Mercadante (PT-SP) iniciou o ano com uma pesada agenda de viagens pelo Estado. Somente em janeiro ele visitou 26 municípios, sete deles administrados pelo PT. As regiões atingidas pelas enchentes são o foco de Mercadante. O senador afirma que "faria isso em qualquer circunstância" e que as viagens são parte da sua atuação como parlamentar. "É o sentido do meu mandato no Senado, a representação do Estado", disse. A boa interlocução do senador petista com prefeitos de São Paulo é apontada por petistas como um fator preponderante para sua escolha como candidato ao governo, se confirmada a desistência do neocoronel cearense Ciro Gomes. Pesa contra Mercadante o episódio dos "aloprados" na eleição de 2006, quando petistas da sua equipe de campanha ao governo do Estado foram investigados pela Polícia Federal por tentarem comprar dossiê para tentar comprometer os candidatos do PSDB, José Serra e Geraldo Alckimin. A direção do PT em São Paulo marcou para a próxima quinta-feira uma conversa com Ciro Gomes, em Brasília, da qual participarão dirigentes de nove partidos. "Vamos sair deste encontro com um encaminhamento", afirma o presidente estadual do PT, Edinho Silva.